ENTRE PROPÓSITOS E CONCEITOS: QUESTÕES SOCIOCIENTÍFICAS EM PROPOSTAS DIDÁTICAS PARA O ENSINO DE BIOLOGIA

Autores

DOI:

10.26571/reamec.v9i2.11782

Palavras-chave:

CTSA, Objetivos Educacionais, Dimensões Conceituais, ENEBIO

Resumo

O uso de Questões Sociocientíficas (QSC) na educação em ciências tem aumentado nesta última década; entretanto aspectos pedagógicos, curriculares e do âmbito da formação de professores ainda tornam esta implantação um desafio. Neste trabalho analisamos propostas didáticas com o uso de QSC apresentadas nas sete edições do Encontro Nacional de Ensino de Biologia (2012-2018) para: i) caracterizar a relação conceitual entre QSC e Ciência, Tecnologia, Sociedade e Ambiente (CTSA) estabelecida nos trabalhos; ii) localizar as propostas didáticas nas diferentes correntes da Educação CTSA, e iii) caracterizar as dimensões conceituais das QSC abordadas. Por meio de análise de conteúdo do corpus selecionado, evidenciamos que a natureza das relações entre QSC e CTSA identificada é diversa e revela: i) indefinição do conceito de QSC no contexto de ensino; ii) que os objetivos educacionais se vincularam às correntes da Educação CTSA que pouco consideram aspectos éticos, morais e o engajamento dos estudantes em ações sociopolíticas; com isso iii) a relação entre ciência e tecnologia foi a única dimensão contemplada no conjunto das propostas. Por fim, apontamos aproximações e divergências entre a produção acadêmica e o planejamento didático com o uso de QSC e discutimos a necessidade de aprofundamento dos referenciais teóricos da área nas pesquisas e nos estudos que abordam QSC para contribuir com a construção adequada desse conceito e com a formação de professores no âmbito do ensino de biologia.

Downloads

Não há dados estatísticos.

##plugins.generic.paperbuzz.metrics##

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Maíra Batistoni e Silva, Universidade de São Paulo

Professora Doutora da área de Ensino do Departamento de Fisiologia do Instituto de Biociências da Universidade de São Paulo. Possui Bacharelado (2001) e Licenciatura (2003) em Ciências Biológicas pela Universidade de São Paulo, Mestrado em Ecologia pela Universidade Estadual de Campinas (2006), Doutorado em Educação pela Universidade de São Paulo (2015) e Pós-Doutorado no Departamento do Ensino e Educação Comparada da FEUSP (2016-2018). Foi professora na Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP - Diadema) no Setor de Educação (2016-2018) e professora de Ciências e Biologia da Escola de Aplicação da FEUSP (2005-2016). Atualmente coordena o Laboratório de Pesquisa em Práticas Epistêmicas e Científicas - LaPPEC/IB-USP. Tem interesse pelos seguintes temas de pesquisa: Ensino de Ciências, Ensino de Biologia, Ensino de Fisiologia, Ensino de Ciências por Investigação, Práticas Científicas e Epistêmicas no Ensino de Ciências, Questões sociocientíficas no Ensino de Ciências.

Karolina Martins Almeida e Silva, Universidade Federal do Tocantins

Licenciada em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de Goiás (2007), Mestre em Educação em Ciências e Matemática pela Universidade Federal de Goiás (2010) e Doutora em Educação - Educação em Ciências, pela Universidade de Brasília (2016). Atualmente é professora adjunta III da Universidade Federal do Tocantins e professora permanente do Programa de Pós-Graduação em Ensino de Ciências e Matemática - PPGecim. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Ensino de Ciências e Biologia, atuando principalmente nas seguintes linhas de pesquisa: formação de professores, Educação CTS e Questões Sociocientíficas.

Leila Cristina Aoyama Barbosa Souza, Secretaria de Estado de Ciência e Tecnologia de Mato Grosso

Licenciada em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de Mato Grosso (2004), Mestre em Ensino de Ciências pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (2010), Doutora em Educação Científica e Tecnológica pela Universidade Federal de Santa Catarina (2016). Pós-doutorado em Filosofia pela Universidade Federal de Santa Catarina (2017-2018). Vencedora do Prêmio CAPES de Tese - Edição 2017 - Área Ensino. Membra da Associação Brasileira de Ensino de Biologia (SBEnBio), do Conselho Deliberativo da Diretoria Regional 1 (SBEnBio/R1) e da Associação Brasileira de Pesquisa em Educação em Ciências (ABRAPEC). É professora da área de Biologia na Escola Técnica Estadual de Educação Profissional e Tecnológica de Rondonópolis (MT), vinculado à Secretaria de Estado de Ciência e Tecnologia de Mato Grosso - SECITEC/MT, desde 2005. Pesquisadora colaboradora dos grupos de pesquisa: Grupo de Investigação no Ensino de Química (GIEQ/UFSC) e Grupo de Estudos e Pesquisas em Educação em Ciências (GEPEC/IFMT). Professora credenciada do Programa de Pós Graduação em Educação (PPGEdu) da Universidade Federal de Rondonópolis (UFR). Desenvolve pesquisas no campo dos estudos CTS/CTSA (ciência, tecnologia, sociedade e ambiente). Coordena projeto de pesquisa sobre abordagens de questões sociocientíficas articuladas à Educação Profissional, sob financiamento da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Mato Grosso (FAPEMAT), período 2018-2021. 

Referências

ACEVEDO DÍAZ, J. A. Reflexiones sobre las finalidades de la enseñanza de las ciencias: educación científica para la ciudadanía. Revista Eureka sobre Enseñanza y Divulgación de las Ciencias, Puerto Real, Cádiz, Espanha, v. 1, n. 1, p. 3-15, out 2017.

AZEVEDO, R. O. M.; GHEDIN, E.; FORSBERG, M. C. S.; GONZAGA, A. M. O enfoque CTS na formação de professores de Ciências e a abordagem de questões sociocientíficas. In: ENCONTRO NACIONAL DE PESQUISA EM EDUCAÇÃO EM CIÊNCIAS (ABRAPEC), 9., 2013, São Paulo. Atas.... Águas de Lindóia, São Paulo: 2013.

BARDIN, L. Análise de Conteúdo. Edição revista e atualizada. São Paulo: Ed. Almedina, 2011. 280p.

CONRADO, D. M. Questões Sociocientíficas na Educação CTSA: Contribuições de um modelo teórico para o letramento científico crítico. 2017. 237 f. Tese (Doutorado) - Universidade Federal da Bahia, Instituto de Física, Programa de Pós-Graduação em Ensino, Filosofia e História das Ciências, Salvador, 2017. Disponível em: http://repositorio.ufba.br/ri/handle/ri/24732. Acesso em: 20 out. 2020.

CONRADO, D M.; NUNES-NETO, N. F. Questões Sociocientíficas para a aprendizagem de conteúdos conceituais, procedimentais e atitudinais no Ensino de Ciências. In: _____ (Orgs.) Questões Sociocientíficas: fundamentos, propostas de ensino e perspectivas para ações sociopolíticas. Salvador: EDUFBA, 2018. cap. 3, p. 77-118.

DIONOR, G. A.; CONRADO, D. M.; MARTINS, L.; NUNES NETO, N. F. Análise de propostas de ensino baseadas em QSC: Uma revisão da literatura na educação básica. Alexandria: Revista de Educação em Ciência e Tecnologia, Florianópolis, v. 13, n. 1, p. 197-224, mai. 2020. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/alexandria/article/view/1982-5153. 2020v13n1p197. Acesso em: 01 nov. 2020.

FERNANDES, J. P.; GOUVÊA, G. A perspectiva CTS e a abordagem de questões sociocientíficas no ensino de ciências: aproximações e distanciamentos. # Tear: Revista de Educação, Ciência e Tecnologia, Canoas, Rio Grande do Sul, v. 9, n. 2, 2020. Disponível em: https://www.periodicos.ifrs.edu.br/index.php/tear/article/view/4460. Acesso em: 24 mai. 2021.

FERREIRA, A. S.; SOUZA, L. C. A. B.; GOMES, M. N.; BARTH, A. A evolução dos estudos sobre questões sociocientíficas: caracterização dos trabalhos apresentados em eventos brasileiros da área de ensino de ciências. South American Development Society Journal, São Paulo, v. 6, n. 18, p. 257, 2020. Disponível em: http://www.sadsj.org/index.php/revista/article/view/359. Acesso em: 24 mai. 2021.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. São Paulo: Atlas, 2002.

HODSON, D. Realçando o papel da ética e da política na educação científica: algumas considerações teóricas e práticas sobre questões sociocientíficas. In: CONRADO, D. M.; NUNES-NETO, N. F. (Orgs.) Questões Sociocientíficas: fundamentos, propostas de ensino e perspectivas para ações sociopolíticas. Salvador: EDUFBA, 2018. cap. 1, p. 27-58.

LUDKE, M.; ANDRÉ, M. E. D. A. Pesquisa em educação: abordagens qualitativas. 2. ed. Rio de Janeiro: E.P.U., 2013.

MACHADO, L. C. F. Sala de aula de Biologia: práticas cognitivas e construção de significados biológicos. In: V Encontro Nacional de Ensino de Biologia. Revista de Ensino de Biologia da Associação Brasileira de Ensino de Biologia, v. 7, 2014, p. 4794-4805. Disponível em:https://sbenbio.org.br/publicacoes/anais/V_Enebio/V_Enebio_completo.pdf. Acesso em: 10 jun. 2020.

MARTÍNEZ PÉREZ, L. F. A abordagem de questões sociocientíficas na formação continuada de professores de ciências: contribuições e dificuldades. 2010. 351 f. Tese (Doutorado) – Universidade Estadual Paulista, Faculdade de Ciências, Programa de Pós-Graduação em Educação para a Ciência, Bauru, 2010. Disponível em: https://repositorio.unesp.br/handle/11449/102011. Acesso em: 10 set. 2020.

MARTÍNEZ-PÉREZ, L. F. Questões sociocientíficas na prática docente: Ideologia, autonomia e formação de professores. São Paulo: Editora UNESP. 2012.

MARTÍNEZ-PÉREZ, L. F.; PARGA LOZANO, D. L. La emergencia de las cuestiones sociocientíficas en el enfoque CTSA. Góndola enseñ. aprendiz. cienc., Bogotá, Colômbia, v. 8, n. 1, p. 23-35, jan./jun. 2013. Disponível em: https://revistas.udistrital.edu.co/index.php/GDLA/article/view/5021. Acesso em: 15 set. 2020.

NASCIMENTO, T.G.; LINSINGEN, I. V. Articulações entre o enfoque CTS e a pedagogia de Paulo Freire como base para o ensino de ciências. Convergencia, Toluca, v. 13, n. 2, p. 95-116, Out. 2006. Disponível em: http://www.scielo.org.mx/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1405-14352006000300006. Acesso em: 15 out. 2020.

PEDRETTI, E. Teaching Science, Technology, Society and Environment (STSE) Education. In: Z. Dana (Org.), The role of the moral reasoning on socioscientific issues and discourse is science education. London, Dordrecht, Boston: Kluwer Academic Publishers, 2003. cap. 11, p. 219-240.

PEDRETTI, E.; NAZIR, J. Currents in STSE education: Mapping a complex field, 40 years on. Science Education, Hoboken, Nova Jersey, EUA, v. 95, n. 4, p. 601-626, Jan. 2011.

PINHÃO, F.; MARTINS, I. Cidadania e Ensino de Ciências: questões para o debate. Ensaio Pesquisa em Educação em Ciências, Belo Horizonte, v. 18, n. 3, p. 9-29, Jan. 2016. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/1983-21172016180301. Acesso em: 20 out. 2020.

PINHEIRO, N. A. M.; SILVEIRA, R. M. C. F.; BAZZO, W. A. Ciência, tecnologia e sociedade: a relevância do enfoque CTS para o contexto do ensino médio. Ciência & Educação, Bauru, v. 13, n. 1, 71-84, jan./abr. 2007. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/S1516-73132007000100005. Acesso em: 20 out. 2020.

RATCLIFFE, M. D.; GRACE, M. Science education for citizenship: teaching socio-scientific issues. Maidenhead: Open University Press, 2003.

REIS, Pedro. A promoção do pensamento através da discussão dos novos avanços na área da biotecnologia e da genética. 1997. 202 f. Dissertação (Mestrado) – Universidade de Lisboa, Faculdade de Ciências, Programa de Pós-Graduação em Educação, Lisboa, 1997.

REIS, P. Da discussão à ação sóciopolítica sobre controvérsias sócio-científicas: uma questão de cidadania. Ensino de Ciências e Tecnologia em Revista, Santo Ângelo, RS, v. 3, n.1, p. 1-10, 2013.

SADLER, T. D.; AMIRSHOKOOHI, A.; KAZEMPOUR, M.; ALLPAW, K. M. Socioscience and Ethics in Science Classrooms: Teacher Perspectives and Strategies. Journal of Research in Science Teaching, Hoboken, Nova Jersey, EUA, v. 43, n. 4, p. 353-376, Mar. 2006.

SANTOS, W. L. P. Educação científica na perspectiva de letramento como prática social: funções, princípios e desafios. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, v. 12, n. 36, p. 474-492, set./dez. 2007. Disponível em: https://doi.org/10.1590/S1413-24782007000300007. Acesso em: 10 mar 2020.

SANTOS, W. L. P. Educação científica humanística em uma perspectiva freireana: resgatando a função do ensino de CTS. Alexandria, Florianópolis, v.1, n. 1, p. 109-131, Mar. 2008. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/alexandria/article/view/37426. Acesso em: 10 out 2020.

SANTOS, W. L. P; SILVA, K. M. A; SILVA, S. M. B. Perspectivas e Desafios de Estudos de QSC na Educação Científica Brasileira. In: CONRADO, D. M.; NUNES-NETO, N. F. (Orgs.) Questões Sociocientíficas: fundamentos, propostas de ensino e perspectivas para ações sociopolíticas. Salvador: EDUFBA, 2018. cap. 19, p. 427-451.

SARMENTO, A. C. H.; MUNIZ, C. R. R.; GUIMARÃES, A. P. M. Desenvolvimento de ações sociopolíticas para um ensino de biologia mais humano e crítico-reflexivo. In: VII Encontro Nacional de Ensino de Biologia. Anais do VII ENEBio - I EREBIO NORTE, 2018, p. 813-821. Disponível em:

https://sbenbio.org.br/wp-content/uploads/anais/anais_vii_enebio_norte_completo_2018.pdf. Acesso em: 10 jun. 2020.

SAUCEDO, K. R. R.; PIETROCOLA, M. Características de pesquisas nacionais e internacionais sobre temas controversos na Educação Científica. Ciência & Educação, Bauru, v. 25, n.1, p. 215-233, Abr. 2019. Disponível em: https://doi.org/10.1590/1516-731320190010014. Acesso em: 10 nov. 2020.

SCHNEIDER-FELICIO, B. V. Apresentação. In: R. Levinson (Org.) Controvérsias sociocientíficas: aspectos metodológicos para a aproximação entre educação em ciências e educação popular: entrevista com Ralph Levinson. Cadernos CIMEAC, Uberaba, 2016. p. 6-24.

SILVA, J. V. D.; SIMÕES NETO, J. E. Um perfil cienciométrico sobre questões sociocientíficas em anais do Encontro Nacional de Ensino de Química (ENEQ). REAMEC - Rede Amazônica de Educação em Ciências e Matemática, [S. l.], v. 9, n. 1, p. e21034, 2021. Disponível em: https://periodicoscientificos.ufmt.br/ojs/index.php/reamec/article/view/11651. Acesso em: 24 mai. 2021.

SILVA, S. N.; EL-HANI, C. N. A abordagem do tema Ambiente e a formação do cidadão socioambientalmente responsável. Revista Brasileira de Pesquisa em Educação em Ciências, Belo Horizonte, v.14, n. 2, p. 225–234, Nov. 2014. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/rbpec/article/view/4363. Acesso em: 12 nov. 2020.

SOUSA, G. P.; BITENCOURT, I. M.; TEIXEIRA, P. M. M. Aplicando princípios do movimento CTS numa sequência de aulas de citologia. In: IV Encontro Nacional de Ensino de Biologia. Revista de Ensino de Biologia da Associação Brasileira de Ensino de Biologia, [S. l.], v. 5, 2012. Disponível em: https://sbenbio.org.br/wp-content/uploads/edicoes/revista_sbenbio_n5/arquivos/4414.pdf. Acesso em: 10 jun. 2020.

SOUSA, P. S.; GEHLEN, S. T. Questões Sociocientíficas no Ensino de Ciências: algumas características das pesquisas brasileiras. Ensaio Pesquisa em Educação em Ciências, Belo Horizonte, v. 19, n. e2569, p. 1-22, Mai. 2017. Disponível em: https://doi.org/10.1590/1983-21172017190109. Acesso em: 10 nov. 2020.

SOUSA, G. P.; TEIXEIRA, P. M. M. Percepções de uma professora sobre a aplicação do enfoque CTS em aula de genética no Ensino Médio. In: V Encontro Nacional de Ensino de Biologia. Revista de Ensino de Biologia da Associação Brasileira de Ensino de Biologia, [S. l.], v. 7, 2014. p. 2772-2783. Disponível em: https://sbenbio.org.br/publicacoes/anais/V_Enebio/V_Enebio_completo.pdf. Acesso em: 10 jun. 2020.

TEIXEIRA, P. M. M. Educação científica e Movimento CTS no quadro das tendências pedagógicas no Brasil. Revista Brasileira de Pesquisa em Educação em Ciências, v.3, n.1, p. 88–102, Nov. 2003. Disponível em: https://periodicos.ufmg.br/index.php/rbpec/article/view/4114. Acesso em: 18 nov. 2020.

TIPPINS, D.; MUELLER, M.; EIJCK, M.; ADAMS, J. Cultural studies and environmentalism: The confluence of ecojustice, place-based (science) education, and indigenous knowledge. Dordrecht: Springer, 2010.

ZEIDLER, D. L.; SADLER, T. D.; SIMMONS, M. L.; HOWES, E. V. Beyond STS: A research based framework for socio scientific issues education. Science Education, v. 89, n. 3, p. 357- 377, Mar. 2005.

Downloads

Publicado

2021-08-22

Como Citar

SILVA, M. B. e; SILVA, K. M. A. e; SOUZA, L. C. A. B. ENTRE PROPÓSITOS E CONCEITOS: QUESTÕES SOCIOCIENTÍFICAS EM PROPOSTAS DIDÁTICAS PARA O ENSINO DE BIOLOGIA. REAMEC - Rede Amazônica de Educação em Ciências e Matemática, [S. l.], v. 9, n. 2, p. e21051, 2021. DOI: 10.26571/reamec.v9i2.11782. Disponível em: https://periodicoscientificos.ufmt.br/ojs/index.php/reamec/article/view/11782. Acesso em: 26 set. 2021.

Edição

Seção

Educação em Ciências