APROXIMAÇÕES ENTRE A ABORDAGEM DE CONTROVÉRSIAS SOCIOCIENTÍFICAS E A PEDAGOGIA FREIREANA

Autores

DOI:

10.26571/reamec.v9i2.11547

Palavras-chave:

Paulo Freire, Questões Sociocientíficas, Educação em Ciências

Resumo

Diversas estratégias educacionais vêm sendo propostas por educadores e pesquisadores da área de ensino de ciências, a exemplo da abordagem de controvérsias sociocientíficas, a qual tem como principal objetivo desenvolver a criticidade dos cidadãos. Tal criticidade já foi extensamente defendida e definida por muitos pesquisadores, inclusive por um dos mais importantes pensadores brasileiros: Paulo Freire. Todavia, a obra de Freire ainda não foi pensada em conjunto com a abordagem de controvérsias sociocientíficas, numa perspectiva de propor o uso das duas de forma unificada. Tendo em vista esta lacuna, o objetivo deste artigo é analisar possíveis aproximações entre a abordagem de controvérsias sociocientíficas e a Pedagogia Freireana, de modo a propor uma estratégia para utilização das duas abordagens de forma conjunta. Para tanto, realizamos uma pesquisa teórica exploratória, visando construir hipóteses sobre o tema. Foram analisadas as principais obras de Paulo Freire e alguns dos mais importantes artigos sobre controvérsias sociocientíficas, sendo comparadas as metodologias propostas, buscando pontos de aproximação entre elas. As análises indicaram que a abordagem de controvérsias sociocientíficas e a Pedagogia Freireana possuem vários aspectos em comum, a exemplo da dialogicidade, do uso de temas de interesse dos estudantes e da busca pela transformação da realidade. Por isso, foi possível propor uma estratégia com base nas duas abordagens de modo que uma complementasse a outra.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

##plugins.generic.paperbuzz.metrics##

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Carla Krupczak, Universidade Federal do Paraná

Licenciada e Bacharela em Química pela Universidade Federal do Paraná (2017), com período sanduíche na Universidade de Coimbra (2016). Mestra em Educação em Ciências e em Matemática pela mesma instituição (2019). Atualmente é doutoranda do Programa de Pós-graduação em Educação em Ciências e em Matemática da UFPR. Participou do Programa de Educação Tutorial (PET-Química) da UFPR (2013-2016), desenvolvendo atividades de ensino, pesquisa e extensão e realizando eventos e atividades de divulgação científica. Realiza pesquisas na área de Educação em Ciências, com foco na História, Filosofia e Sociologia da Ciência, atuando, principalmente, com os temas: Natureza da Ciência e Controvérsias Sociocientíficas.

Joanez Aparecida Aires, Universidade Federal do Paraná

Pós doutora em Didática das Ciências, pela Universidade de Lisboa. Doutora em Educação Científica e Tecnológica pela Universidade Federal de Santa Catarina. Mestre em Educação, área de concentração em Educação e Ciência, também pela UFSC. Licenciada em Química. Professora Associada no Curso de Licenciatura em Química na Universidade Federal do Paraná, atuando na docência e junto ao grupo de pesquisa em Educação Química da UFPR (EDUQUIM). Credenciada no Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências e em Matemática/ UFPR. Atuou no PIBID/UFPR como Coordenadora da área de Química (2010-2013) e como Coordenadora Institucional, também no PIBID/UFPR de 2014 a 2017. Participou da Comissão Avaliadora de Livros Didáticos de Química do Ministério da Educação no Programa Nacional do Livro Didático (PNLD 2009, 2012, 2015 e 2018). Interesses de pesquisa concentram-se nas áreas de História da Disciplina Escolar Química, Formação de Professores de Química, Alfabetização Científica e Tecnológica, Ciência Tecnologia e Sociedade, História e Filosofia da Ciência, Controvérsias Sociocientíficas e Natureza da Ciência. 

Referências

DELIZOICOV, D.; ANGOTTI, J. A. P.; PERNAMBUCO, M. M. C. A. Ensino de Ciências: Fundamentos e Métodos. São Paulo: Cortez, 2011.

EASTWOOD, J. L.; SADLER, T. D.; ZEIDLER, D. L.; LEWIS, A.; AMIRI, A.; APPLEBAUM, S. Contextualizing nature of science instruction in socioscientific issues. International Journal of Science Education, v. 34, n. 15, p. 2289-2315, 2012. Disponível em: https://www.tandfonline.com/doi/abs/10.1080/09500693.2012.667582. Acesso em: 14 nov. 2020.

FREIRE, P. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. 45. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2013.

FREIRE, P. Pedagogia do oprimido. 17. ed. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 1987. Disponível em: http://www.letras.ufmg.br/espanhol/pdf/pedagogia_do_oprimido.pdf. Acesso em: 17 set. 2020.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2002.

HODSON, D. Realçando o papel da ética e da política na educação científica: algumas considerações teóricas e práticas sobre questões sociocientíficas. In: CONRADO, D. M.; NUNES-NETO, N. (Orgs.). Questões sociocientíficas: fundamentos, propostas de ensino e perspectivas para ações sociopolíticas. Salvador: EDUFBA, 2018, p. 27-57. Disponível em: http://books.scielo.org/id/n7g56/pdf/conrado-9788523220174.pdf. Acesso em 17 set. 2020.

KARISAN, D.; ZEIDLER, D. L. Contextualization of nature of science within the socioscientific issues framework: A review of research. International Journal of Education in Mathematics, Science and Technology, v. 5, n. 2, p. 139-152, 2017. Disponível em: https://files.eric.ed.gov/fulltext/EJ1124953.pdf. Acesso em 15 nov. 2020.

KOLSTØ, Stein D. Scientific literacy for citizenship: Tools for dealing with the science dimension of controversial socioscientific issues. Science Education, v. 85, n. 3, p. 291-310, 2001. Disponível em: https://onlinelibrary.wiley.com/doi/10.1002/sce.1011. Acesso em: 12 nov. 2020.

KRUPCZAK, C.; LORENZETTI, L.; AIRES, J. A. Controvérsias sociocientíficas como forma de promover os eixos da alfabetização científica. Tear: Revista de Educação, Ciência e Tecnologia, v. 9, n. 1, p. 1-20, 2020. Disponível em: https://periodicos.ifrs.edu.br/index.php/tear/article/view/3820. Acesso em: 10 nov. 2020.

KRUPCZAK, C. Natureza da ciência nas pesquisas sobre controvérsias sociocientíficas: o estado do conhecimento no contexto brasileiro. 2019. 171 f. Dissertação (Mestrado) - Curso de Programa de Pós-Graduação em Educação em Ciências e em Matemática, Universidade Federal do Paraná, Curitiba, 2019. Disponível em: https://acervodigital.ufpr.br/bitstream/handle/1884/66231/R%20-%20D%20-%20CARLA%20KRUPCZAK.pdf?sequence=1&isAllowed=y. Acesso em: 12 nov. 2020.

LEDERMAN, N. G.; ANTINK, A.; BARTOS, S. Nature of science, scientific inquiry, and socio-scientific issues arising from genetics: A pathway to developing a scientifically literate citizenry. Science & Education, v. 23, n. 2, p. 285-302, 2014. Disponível em: https://link.springer.com/article/10.1007/s11191-012-9503-3. Acesso em: 10 nov. 2020.

MUNDIM, J. V.; SANTOS, W. L. P. Ensino de ciências no ensino fundamental por meio de temas sociocientíficos: análise de uma prática pedagógica com vista à superação do ensino disciplinar. Ciência & Educação, Bauru, v. 18, n. 4, p. 787-802, 2012. Disponível em: https://www.scielo.br/pdf/ciedu/v18n4/v18n4a04.pdf. Acesso em: 10 nov. 2020.

RATCLIFFE, M.; GRACE, M. Science education for citizenship: Teaching socio-scientific issues. Philadelphia: McGraw-Hill Education (UK), 2003.

REIS, P. Controvérsias sócio-científicas: discutir ou não discutir?: percursos de aprendizagem na disciplina de ciências da Terra e da vida. 2004. 488 f. Tese (Doutorado em Educação) – Faculdade de Ciências, Universidade de Lisboa, Lisboa (Portugal), 2004. Disponível em: https://repositorio.ul.pt/bitstream/10451/3109/1/ulsd046398_td_Pedro_Reis.pdf. Acesso em: 18 out. 2020.

SADLER, T. D. Informal reasoning regarding socioscientific issues: A critical review of research. Journal of Research in Science Teaching, v. 41, n. 5, p. 513-536, 2004. Disponível em: https://onlinelibrary.wiley.com/doi/abs/10.1002/tea.20009. Acesso em: 02 nov. 2020.

SANTOS, W. L. P. Scientific literacy: A Freirean perspective as a radical view of humanistic science education. Science Education, v. 93, n. 2, p. 361-382, 2009. Disponível em: https://onlinelibrary.wiley.com/doi/abs/10.1002/sce.20301. Acesso em: 14 out. 2020.

SANTOS, P. G. F.; LOPES, N. C.; QUINATO, G. A. C.; RECENA, M. C. P.; CARVALHO, W. L. P.; ROTHBERG, D. Uma discussão crítica sobre as aproximações entre as questões sociocientíficas e a concepção educacional de Paulo Freire para o Ensino de Ciências. In: Congreso Latinoamericano de Investigación en Didáctica de las Ciencias Experimentales, 1., 2012, Santiago. Anais do I Congreso Latinoamericano de Investigación em Didáctica de las Ciencias Experimentales. Santiago: Chile, 2012. p. 1-16. Disponível em: http://laboratoriogrecia.cl/?page_id=149&did=50. Acesso em: 12 out. 2020.

SOUSA, P. S.; GEHLEN, S. T. Argumentação centrada em questões sociocientíficas e Educação Problematizadora: algumas relações. In: Encontro Nacional de Pesquisa em Educação em Ciências, 10., 2015, Águas de Lindóia. Anais do X Encontro Nacional de Pesquisa em Educação em Ciências. Águas de Lindóia: Hotel Magestic, 2015, p. 1-8. Disponível em: http://www.abrapecnet.org.br/enpec/x-enpec/anais2015/lista_area_09.htm. Acesso em: 12 nov. 2020.

YACOUBIAN, H. A.; KHISHFE, R. Argumentation, critical thinking, nature of science and socioscientific issues: a dialogue between two researchers. International Journal of Science Education, v. 40, n. 7, p. 796-807, 2018. Disponível em: https://www.tandfonline.com/doi/abs/10.1080/09500693.2018.1449986. Acesso em 12 nov. 2020.

ZEIDLER, D. L.; NICHOLS, B. H. Socioscientific issues: Theory and practice. Journal of Elementary Science Education, v. 21, n. 2, p. 49, 2009. Disponível em: https://link.springer.com/article/10.1007/BF03173684. Acesso em 02 nov. 2020.

ZEIDLER, D. L.; WALKER, K. A.; ACKETT, W. A.; SIMMONS, M. L. Tangled up in views: Beliefs in the nature of science and responses to socioscientific dilemmas. Science Education, v. 86, n. 3, p. 343-367, 2002. Disponível em: https://onlinelibrary.wiley.com/doi/10.1002/sce.10025. Acesso em: 15 nov. 2020.

Downloads

Publicado

2021-05-30

Como Citar

KRUPCZAK, C.; AIRES, J. A. . APROXIMAÇÕES ENTRE A ABORDAGEM DE CONTROVÉRSIAS SOCIOCIENTÍFICAS E A PEDAGOGIA FREIREANA. REAMEC - Rede Amazônica de Educação em Ciências e Matemática, [S. l.], v. 9, n. 2, p. e21039, 2021. DOI: 10.26571/reamec.v9i2.11547. Disponível em: https://periodicoscientificos.ufmt.br/ojs/index.php/reamec/article/view/11547. Acesso em: 15 jun. 2021.