POTENCIAIS OPORTUNIDADES FORMATIVAS COM MTSK E PESQUISAS CIENTÍFICAS SOBRE FRAÇÕES E OPERAÇÕES

Autores

DOI:

10.26571/reamec.v9i1.11462

Palavras-chave:

Oportunidades formativas, MTSK, Formação docente, Educação matemática, Frações

Resumo

As pesquisas com o Mathematics Teachers’ Specialized Knowledge (MTSK) têm crescido no mundo e no Brasil, entretanto ainda há poucos estudos sobre criação e avaliação de atividades formativas com tal marco teórico. O objetivo deste artigo é discutir teoricamente como a combinação das dimensões do MTSK com resultados científicos em Educação Matemática pode oferecer caminhos formativos para potencializar o desenvolvimento de conhecimento especializado docente sobre frações e operações, seu ensino e aprendizagem. Trata-se de uma pesquisa qualitativa analítico-descritiva, de caráter teórico-exploratório, em que analisamos um trecho de uma oficina formativa na qual um licenciando foi convidado a refletir sobre a sequenciação didática para ensinar os referidos conteúdos e a partir da sua resposta realizamos uma análise reflexiva a posteriori sobre caminhos formativos possíveis. Nossos resultados mostram tais caminhos, ligados a todas as dimensões MTSK fundadas em resultados científicos, dentre os quais destacamos: (i) recomendações de encadeamento de conceitos sobre frações e operações provenientes de especificações curriculares, pesquisas científicas ou opinião de professores experientes, elaboradas levando em consideração as características de aprendizagem de estudantes, erros comuns e suas fontes prováveis; (ii) conceitos, algoritmos, procedimentos, justificativas e fenômeno ligados a frações e suas operações, bem como, diferentes conexões entre tais conceitos; (iii) explicações instrucionais e estratégias didáticas que permitam ensinar para a compreensão por meio do fazer matemática, ao invés de apenas memorizá-la, incluindo conhecimentos da prática de definir e demonstrar.

Downloads

Não há dados estatísticos.

##plugins.generic.paperbuzz.metrics##

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Gladys Denise Wielewski, Universidade Federal de Mato Grosso

Possui graduação em Licenciatura em Matemática pela Universidade Federal de Mato Grosso (1988), mestrado em Educação pela Universidade Federal de Mato Grosso (1998) e doutorado em Educação Matemática pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (2005). Fez Pós-Doutorado na Universidade Nova de Lisboa-Portugal (2008). Atualmente é professora na categoria Adjunto da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) atuando na Graduação e na Pós-Graduação, nível de Mestrado em Educação no Instituto de Educação da UFMT e de Doutorado em Educação em Ciências e Matemática, da Rede Amazônica de Educação em Ciências e Matemática/REAMEC. Tem experiência na área de Matemática, com ênfase em Prática de Ensino, atuando principalmente nos seguintes temas: ensino de matemática, aritmética, habilidades matemáticas, história da matemática e metodologia da matemática. Na pesquisa, atua nas temáticas: História da Educação Matemática, História da Matemática, Didática da Matemática, Resolução de Problemas, Pensamento Matemático.

Jeferson Gomes Moriel Junior, Instituto Federal de Mato Grosso

Licenciado em Matemática (UNESP), Mestre em Ensino de Ciências e Educação Matemática (UEL, PR) e Doutor em Educação em Ciências e Matemática (UFMT / REAMEC). É docente de Matemática no Instituto Federal de Mato Grosso (IFMT), campus Cuiabá e ocupa o cargo de Diretor de Pós-Graduação do IFMT, tendo sido Coordenador do Núcleo de Inovação Tecnológica do IFMT. Atua em dois programas de pós-graduação do IFMT: Mestrado acadêmico em Ensino (PPGEn) e Mestrado profissional em Educação Profissional e Tecnológica (ProfEPT). Tem experiência docente no ensino fundamental, médio, técnico, tecnológico, bacharelado, licenciatura, especialização e mestrado, passando por disciplinas de Matemática escolar, Matemática Financeira, Estatística, Cálculo, Álgebra linear, Modelagem matemática, História da matemática e Metodologia de pesquisa em Educação Matemática. Já desenvolveu projeto de extensão sobre Educação Financeira. Em termos de pesquisa, desenvolve investigações visando melhorias no Ensino de Matemática e, atualmente, investiga conhecimentos especializados de professores de matemática. Seus projetos têm sido realizados no interior do TSK Group - Teacher's Specialized Knowledge Research Group (IFMT-CBA), apoiados pela Rede Iberoamericana MTSK (incluindo Espanha, Portugal, Chile, Brasil, Equador, Peru e México) e têm obtido resultados em forma de livros, capítulos de livros, artigos em congressos nacionais e internacionais (SEIEM, CIBEM, CIEM, ENEM, SEMIEDU, etc) e em revistas (indexadas em JCR, Latindex, Capes, ANPEd, EBSCO, Mathematics Education, etc).

Referências

AGUILAR, A. El conocimiento especializado de una maestra sobre la clasificación de las figuras planas. Un estudio de caso. 2016. 220 p. Tese de doutorado (Doutorado em Educação Matemática). Universidad de Huelva, Huelva.

ANGELO, C. L.; DOS SANTOS, J. R. V.; MELÃO, W. S. Licenciandos em Matemática e Situações da Matemática Escolar: um Estudo Exploratório sobre a Formação Inicial de Professores de Matemática. Revista Brasileira de Ensino de Ciência e Tecnologia, v. 2, n. 3, p. 41-59, 2009. Disponível em: http://revistas.utfpr.edu.br/pg/index.php/rbect/article/view/552. Acesso em: 20 Dez. 2020.

ASHLOCK, R. B. Error patterns in computation: Using error patterns to improve instruction. Upper Saddle River, N.J.: Pearson Education, 2006.

BALL, D. L.; THAMES, M. H.; PHELPS, G. Content Knowledge for Teaching: What Makes It Special? Journal of teacher education, v. 59, n. 5, p. 389-407, 2008.

BARBOSA, E. P. Os Por Quês Matemáticos dos Alunos na Formação dos Professores. In: XIII Conferência Interamericana de Educação Matemática, 13., 2011, Recife. Anais […]. Recife, 2011. p. 1-12. Disponível em: http://www.cimm.ucr.ac.cr/ocs/files/conferences/1/schedConfs/1/papers/611/public/611-9763-1-PB.pdf. Acesso em: 20 Dez. 2020.

BAYOUD, J. M. A comparison of pre-service and experienced elementary teachers’ pedagogical content knowledge (PCK) of common error patterns in fractions. 2011. 180 p. Dissertação (Mestrado em Artes e Educação). Departament of Education, American University of Beirut, Beirut.

BEHR, M. J.; LESH, R.; POST, T. R.; SILVER, E. A. Rational number concepts. In: LESH, R. e LANDAU, M. (Ed.). Acquisition of mathematics concepts and processes. New York: Academic Press, 1983. p. 91-125.

BERTONI, N. E. A construção do conhecimento sobre número fracionário. Bolema: Boletim de Educação Matemática, v. 21, n. 31, p. 209-237, 2008. Disponível em: http://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/bolema/article/view/2111. Acesso em: 20 Dez. 2020.

BERTONI, N. E. Educação e linguagem matemática: Frações e números fracionários. Curitiba: PEDEad, 2009. 95 p. Disponível em: http://www.sbembrasil.org.br/files/fracoes.pdf. Acesso em: 14 Ago. 2013.

BOGDAN, R.; BIKLEN, S. Investigação qualitativa em educação: uma introdução à teoria e aos métodos. Porto: Porto Editora, 1991.

BRASIL. Base Nacional Comum Curricular (BNCC). Brasília: MEC, 2018. 595 p. Disponível em: http://basenacionalcomum.mec.gov.br/images/BNCC_EI_EF_110518_versaofinal_site.pdf. Acesso em: 20 Dez. 2020.

CAMPOS, T. M. M.; SILVA, A. D. F. G. Conhecimento profissional docente de professoras das séries iniciais da educação básica acerca da equivalência de números racionais na representação fracionária em um processo de formação continuada. Revemat: revista eletrônica de educação matemática, v. 4, n. 1, p. 114-127, 2009.

CANO, M. C.; FLORES, E. Prácticas matemáticas: un avance en su caracterización. In: IV Congreso Iberoamericano sobre Conocimiento Especializado del Profesor de Matemáticas 2019, Huelva. Anais […]. Huelva, 2019. p. 87-94. Disponível em: http://www.redmtsk.com/wp-content/uploads/Actas-IV-CIMTSK-prueba-FINAL-290720.pdf. Acesso em: 20 Dez. 2020.

CARRILLO, J.; CLIMENT, N.; CONTRERAS, L. C.; MONTES, M. Á.; ESCUDERO, D.; MEDRANO, E. F. Un marco teórico para el Conocimiento especializado del Profesor de Matemáticas. Huelva: Universidad de Huelva Publicaciones, 2014. 93 p.

CARRILLO, J.; CONTRERAS, L. C.; CLIMENT, N.; MONTES, M.; ESCUDERO, D. I.; FLORES, E.; CATALÁN, M. C. M. Didáctica de las Matemáticas para maestros de Educación Primária. Madri: Paraninfo, 2016. 357 p.

CARRILLO, J.; MONTES, M. A.; CONTRERAS, L. C.; CLIMENT, N. Les connaissances du professeur dans une perspective basée sur leur spécialisation: MTSK. Annales de Didactique et de Sciences Cognitivess, v. 22, n. 1, p. 185-205, 2017. Disponível em: https://goo.gl/Ly1ekK. Acesso em: 20 Dez. 2020.

CARRILLO-YAÑEZ, J.; CLIMENT, N.; MONTES, M.; CONTRERAS, L. C.; FLORES-MEDRANO, E.; ESCUDERO-ÁVILA, D.; VASCO, D.; ROJAS, N.; FLORES, P.; AGUILAR-GONZÁLEZ, Á.; RIBEIRO, M.; MUÑOZ-CATALÁN, M. C. The mathematics teacher’s specialised knowledge (MTSK) model. Research in Mathematics Education, v. 20, n. 3, p. 236-253, 2018. Disponível em: https://doi.org/10.1080/14794802.2018.1479981. Acesso em: 20 Dez. 2020.

CASTRO, R. A.; OLIVEIRA, N. Número fracionário: estudo histórico, epistemológico e da transposição didática. Revista de educação, v. 12, n. 13, p. 59-70, 2009. Disponível em: http://www.sare.unianhanguera.edu.br/index.php/reduc/article/viewFile/824/664. Acesso em: 20 Dez. 2020.

CATALÁN, M. C. M.; CARRILLO, J. Didáctica de las Matemáticas para maestros de Educación Infantil. Madri: Paraninfo, 2018. 318 p.

CHARALAMBOUS, C. Y.; HILL, H. C.; BALL, D. L. Prospective teachers’ learning to provide instructional explanations: how does it look and what might it take? Journal of Mathematics Teacher Education, n. 14, p. 441-463, 2011.

CLIMENT, N.; MONTES, M. Diseño de tareas para la formación de profesores de matemáticas a partir de MTSK. In: IV Congreso Iberoamericano sobre Conocimiento Especializado del Profesor de Matemáticas 2019, Huelva. Anais […]. Huelva, 2019. p. 60-70. Disponível em: http://www.redmtsk.com/wp-content/uploads/Actas-IV-CIMTSK-prueba-FINAL-290720.pdf. Acesso em: 20 Dez. 2020.

CONTRERAS, L. C.; MONTES, M. A.; CLIMENT, N.; CARRILLO, J. Introducción al modelo MTSK: origen e investigaciones realizadas. For-Mate, v. 1, n. 1, p. 1-10, 2017. Disponível em: https://www.researchgate.net/publication/313824049. Acesso em: 20 Dez. 2020.

DRECHMER, P. A. D. O.; ANDRADE, S. V. R. D. O estudo de frações e seus cinco significados. In: CONFERÊNCIA INTERAMERICANA DE EDUCAÇÃO MATEMÁTICA - CIAEM, 13., 2011, Recife. Anais […]. Recife, 2011. p. 1-8. Disponível em: http://www.diaadiaeducacao.pr.gov.br/portals/pde/arquivos/1959-8.pdf

ou

http://cimm.ucr.ac.cr/ocs/index.php/xiii_ciaem/xiii_ciaem/paper/viewFile/1660/728. Acesso em: 20 Dez. 2020.

FÁVERO, M. H.; PINA NEVES, R. D. S. A divisão e os racionais: revisão bibliográfica e análise. Zetetiké, v. 20, n. 1, p. 39-78, 2012. Disponível em: http://www.fae.unicamp.br/zetetike/viewarticle.php?id=553. Acesso em: 20 Dez. 2020.

FERREIRA, E. S. Onze avos, doze avos,... De onde vem este termo avo? Revista Brasileira de História da Matemática, v. 6, n. 11, p. 97-108, 2006. Disponível em: http://goo.gl/TCDyGJ. Acesso em: 20 Dez. 2020.

FIORENTINI, D. A formação Matemática e didático-pedagógica nas disciplinas da Licenciatura em Matemática. Revista de Educação, n. 18, p. 107-115, 2005.

FORRESTER, T.; CHINNAPPAN, M. The predominance of procedural knowledge in fractions. Shaping the future of mathematics education, p. 185-192, 2010.

GARCIA, M.; PRIETO, N.; CATALÁN, M. Una propuesta colaborativa para enriquecer la formación matemática inicial y continua de maestros de infantil. In: III Jornadas de Investigación en Didáctica de las Matemáticas, 3., 2017, Huelva. Anais […]. Huelva, 2017. p. 102-107. Disponível em: http://www.redmtsk.com/wp-content/uploads/Actas-III-Jornadas-SIDM-2017.pdf. Acesso em: 20 Dez. 2020.

GUERRA, R. B.; SILVA, F. H. S. D. As Operações com Frações e o Princípio da Contagem. Bolema: Boletim de Educação Matemática, v. 21, n. 31, p. 41-54, 2008. Disponível em: http://www.redalyc.org/pdf/2912/291221883004.pdf. Acesso em: 20 Dez. 2020.

INEP. Banco de dados do SAEB de 1995 a 2005. Brasília: MEC, 2014. Disponível em: http://download.inep.gov.br/educacao_basica/prova_brasil_saeb/resultados/matematica-uf(urb_s_fed)95-05-8a.xls. Acesso em: 16 ago 2014.

INEP. Censo da Educação Básica 2016: notas estatísticas. Brasília: MEC, p. 29, 2017. Disponível em: http://download.inep.gov.br/educacao_basica/censo_escolar/notas_estatisticas/2017/notas_estatisticas_censo_escolar_da_educacao_basica_2016.pdf. Acesso em: 20 Dez. 2020.

KILPATRICK, J.; SPANGLER, D. A. Educating Future Mathematics Education Professors. In: ENGLISH, L. D. e KIRSHNER, D. (Ed.). Handbook of International Research in Mathematics Education. New York: Routledge, 2015. p. 297-310.

KILPATRICK, J.; SWAFFORD, J.; FINDELL, B. Adding it up: Helping children learn mathematics. Washington, DC: National Academies Press, 2001. Disponível em: http://www.sjsd.k12.mo.us/cms/lib3/MO01001773/Centricity/Domain/872/Adding%20it%20Up.pdf. Acesso em: 20 Dez. 2020.

LIMA, E. L. Divisão de números racionais escritos na forma de frações. Revista do Professor de Matemática, v. 3, p. 40-42, 1983.

LIN, C.-Y.; BECKER, J.; BYUN, M.-R.; YANG, D.-C.; HUANG, T.-W. Preservice Teachers’ Conceptual and Procedural Knowledge of Fraction Operations: A Comparative Study of the United States and Taiwan. School Science and Mathematics, v. 113, n. 1, p. 41-51, 2013. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1111/j.1949-8594.2012.00173.x. Acesso em: 20 Dez. 2020.

LIZARDE, E. MTSK y formación docente continua: explorando horizontes de posibilidades. In: IV Congreso Iberoamericano sobre Conocimiento Especializado del Profesor de Matemáticas 2019, Huelva. Anais […]. Huelva, 2019. p. 158-166. Disponível em: http://www.redmtsk.com/wp-content/uploads/Actas-IV-CIMTSK-prueba-FINAL-290720.pdf. Acesso em: 20 Dez. 2020.

LOPES, A. J. O que nossos alunos podem estar deixando de aprender sobre frações, quando tentamos lhes ensinar frações. Bolema: Boletim de Educação Matemática, v. 21, n. 31, p. 1-22, 2008. Disponível em: http://www.periodicos.rc.biblioteca.unesp.br/index.php/bolema/issue/view/756. Acesso em: 20 Dez. 2020.

MA, L. Knowing and teaching elementary mathematics: Teachers' understanding of fundamental mathematics in China and the United States. Lawrence Erlbaum Associates Mahwah, NJ, 1999. 198 p

MONTES, M. A.; CONTRERAS, L. C.; CARRILLO, J. Conocimiento del profesor de matemáticas: Enfoques del MKT y del MTSK. In: Investigación en Educación Matemática XVII, 17., 2013, Bilbao, Espanha. Anais […]. Bilbao, Espanha, 2013. p. 403-410. Disponível em: http://funes.uniandes.edu.co/12056/1/Montes2014Conocimiento.pdf. Acesso em: 20 Dez. 2020.

MOREIRA, P. C.; DAVID, M. M. M. S. Matemática escolar, matemática científica, saber docente. Zetetiké, v. 11, n. 19, p. 57-80, 2003. Disponível em: http://www.fae.unicamp.br/revista/index.php/zetetike/article/view/2490/2250. Acesso em: 20 Dez. 2020.

MOREIRA, P. C.; FERREIRA, M. C. C. A Teoria dos Subconstrutos e o Número Racional como Operador: das estruturas algébricas às cognitivas. Bolema: Boletim de Educação Matemática, v. 21, n. 31, p. 103-127, 2008. Disponível em: http://www.redalyc.org/pdf/2912/291221883007.pdf. Acesso em: 20 Dez. 2020.

MORIEL JUNIOR, J. G. Conhecimento especializado para ensinar divisão de frações. 2014. 162 p. Tese (Doutorado em Educação em Ciências e Matemática). PPGECEM/REAMEC, Universidade Federal de Mato Grosso, Cuiabá.

MORIEL JUNIOR, J. G. Uma nova caracterização para as interpretações de divisão de frações. In: VIII Congreso Iberoamericano de Educación Matemática: Libro de actas, 8., 2017, Madri. Anais […]. Madri, 2017. p. 588-596. Disponível em: http://cibem.org/images/site/LibroActasCIBEM/ComunicacionesLibroActas_CB801-900.pdf. Acesso em: 20 Dez. 2020.

MORIEL JUNIOR, J. G.; DUARTE, E. B. Mapeamento global da produção sobre Mathematics Teacher’s Specialized Knowledge no Google Scholar até 2019. Research, Society and Development, v. 9, n. 11, p. e71191110526, 12/02 2020. Disponível em: https://rsdjournal.org/index.php/rsd/article/view/10526. Acesso em: 20 Dez. 2020.

MORIEL JUNIOR, J. G.; TEIXEIRA, M. C.; SILVA FILHO, V. P.; ZIMMERMANN JUNIOR, C. Questões para potencializar o conhecimento especializado para ensinar divisão de frações. In: CIEM, 2017, Canoas. Anais […]. Canoas, 2017. p. 1-12. Disponível em: http://www.conferencias.ulbra.br/index.php/ciem/vii/paper/viewFile/7289/3446. Acesso em: 20 Dez. 2020.

MORIEL JUNIOR, J. G.; WIELEWSKI, G. D. Por quês matemáticos na Revista do Professor de Matemática. Revista de Educação Pública, v. 22, n. 51, p. 975-998, 2013a. Disponível em: http://200.129.241.78/ojs/index.php/educacaopublica/article/view/1266/1018. Acesso em: 20 Dez. 2020.

MORIEL JUNIOR, J. G.; WIELEWSKI, G. D.Seis possibilidades de resposta para o por quê matemático sobre divisão de frações. In: Seminário Educação - SEMIEDU, 2013, Cuiabá. Anais […]. Cuiabá, 2013b. p. 1 - 15. Disponível em: http://goo.gl/LuAiYI. Acesso em: 20 Dez. 2020.

MORIEL JUNIOR, J. G.; WIELEWSKI, G. D. Base de conhecimento de professores de matemática: do genérico ao especializado. Revista de Ensino, Educação e Ciências Humanas, v. 18, n. 2, p. 126-133, 2017. Disponível em: https://revista.pgsskroton.com/index.php/ensino/article/view/4579/3572. Acesso em: 20 Dez. 2020.

MORIEL JUNIOR, J. G.; WIELEWSKI, G. D.; CARRILLO, J. Meta-análise sobre conhecimento para ensinar divisão de frações. Bolema: Boletim de Educação Matemática, v. 33, n. 65, p. 988-1026, 2019. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/1980-4415v33n65a02

http://www.scielo.br/pdf/bolema/v33n65/1980-4415-bolema-33-65-0988.pdf. Acesso em: 20 Dez. 2020.

NAISER, E. A.; WRIGHT, W. E.; CAPRARO, R. M. Teaching fractions: Strategies used for teaching fractions to middle grades students. Journal of research in childhood education, v. 18, n. 3, p. 193-198, 2003.

NUNES, T.; BRYANT, P. Crianças fazendo matemática. Porto Alegre: Artes Médicas, 1997.

PAENZA, A. Matemática, cadê você?: sobre números, personagens, problemas e curiosidades. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2009.

PETIT, M. M.; LAIRD, R. E.; MARSDEN, E. A focus on fractions: bringing research to the classroom. New York & London: Routledge, 2010.

PINILLA, M. I. F. Fractions: conceptual and didactic aspects. Acta Didactica Universitatis Comenianae, n. 7, p. 81-115, 2007. Disponível em: http://www.ddm.fmph.uniba.sk/ADUC/files/Issue7/05Pinilla.pdf. Acesso em: 20 Dez. 2020.

QUIROGA, R.; GAMBOA, M. Contribución del MTSK em la Elaboración del Plan de Formación de Profesores de Matemática. In: III Jornadas de Investigación en Didáctica de las Matemáticas, 3., 2017, Huelva. Anais […]. Huelva, 2017. p. 125-130. Disponível em: http://www.redmtsk.com/wp-content/uploads/Actas-III-Jornadas-SIDM-2017.pdf. Acesso em: 20 Dez. 2020.

RIBEIRO, M. Tareas para alumnos y tareas para la formación: discutiendo el conocimiento especializado del profesor y del formador de profesores de matemáticas. In: XX Jornadas Nacionales de Educación Matemática, 2016, Valparaíso. Anais […]. Valparaíso, 2016. p. 31-39. Disponível em: http://static.ima.ucv.cl.s3.amazonaws.com/wp-content/uploads/2016/03/Acta-XXJNEM-final.pdf. Acesso em: 20 Dez. 2020.

RICONSCENTE, M. Mobile learning game improves 5th graders’ fractions knowledge and attitudes. GameDesk Institute, p. 1-44, 2011.

ROJAS, N. Caracterización del conocimiento especializado del profesor de matemáticas: Un estudio de casos. 2014. 200p. Tese (Doutorado em Educação Matemática). Universidad de Granada, Granada.

ROWLAND, T. The Knowledge Quartet: The Genesis and Application of a Framework for Analysing Mathematics Teaching and Deepening Teachers’ Mathematics Knowledge. SISYPHUS - Journal of education, v. 1, n. 3, p. 15-43, 2013. Disponível em: http://revistas.rcaap.pt/sisyphus/article/view/3705/2859. Acesso em: 20 Dez. 2020.

SANTOS, R. S. D.; SANTOS, M. C. D.; CAMPOS, T. M. M. Estratégias utilizadas pelos alunos da educação básica na resolução de questões sobre números racionais na prova do saepe/sistema de avaliação educacional de Pernambuco. In: ENCONTRO NACIONAL DE EDUCAÇÃO MATEMÁTICA - ENEM, 11., 2013, Curitiba. Anais […]. Curitiba, 2013. p. 1-15. Disponível em: http://sbem.esquiro.kinghost.net/anais/XIENEM/pdf/1500_1265_ID.pdf. Acesso em: 20 Dez. 2020.

SHULMAN, L. S. Those who understand: Knowledge growth in teaching. Educational researcher, v. 15, n. 2, p. 4-14, 1986. Disponível em: http://www.itp.wceruw.org/documents/Shulman_1986.pdf. Acesso em: 20 Dez. 2020.

SILVA, M. J. F.; ALMOULOUD, S. A. As Operações com Números Racionais e seus Significados a partir da Concepção Parte-todo. Bolema: Boletim de Educação Matemática, v. 21, n. 31, p. 55-78, 2008. Disponível em: http://www.leoakio.com/wa_files/2105-8989-2-PB.pdf. Acesso em: 20 Dez. 2020.

TARDIF, M. Saberes docentes e formação profissional. Petrópolis: Vozes, 2002.

VASCO, D.; MORIEL JUNIOR, J. G.; CONTRERAS, L. C. Subdominios KoT y KSM del Mathematics Teacher’s Specialised Knowledge (MTSK): definición, categorías y ejemplos. In: III Jornadas de Investigación en Didáctica de las Matemáticas, 3., 2017, Huelva. Anais […]. Huelva, 2017. p. 29-37. Disponível em: http://www.redmtsk.com/wp-content/uploads/Actas-III-Jornadas-SIDM-2017.pdf. Acesso em: 20 Dez. 2020.

WU, H.-H. Teaching Fractions According to the Common Core Standards. American Mathematical Society, p. 1-88, 2011.

Downloads

Publicado

2021-01-26

Como Citar

WIELEWSKI, G. D.; MORIEL JUNIOR, J. G. POTENCIAIS OPORTUNIDADES FORMATIVAS COM MTSK E PESQUISAS CIENTÍFICAS SOBRE FRAÇÕES E OPERAÇÕES. REAMEC - Rede Amazônica de Educação em Ciências e Matemática, [S. l.], v. 9, n. 1, p. e21013, 2021. DOI: 10.26571/reamec.v9i1.11462. Disponível em: https://periodicoscientificos.ufmt.br/ojs/index.php/reamec/article/view/11462. Acesso em: 28 fev. 2021.

Edição

Seção

Educação Matemática

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>