O ENSINO DE CIÊNCIAS EXATAS E NATURAIS NA EDUCAÇÃO BÁSICA: CONTRIBUIÇÕES DOS OBJETOS DE APRENDIZAGEM

Autores

DOI:

10.26571/reamec.v9i1.11585

Palavras-chave:

Ensino, Objeto de Aprendizagem, Ensino de Ciências Exatas e Naturais, TDIC, Aprendizagem significativa

Resumo

O presente trabalho foi concebido a partir dos estudos e pesquisas suscitadas na disciplina intitulada Objetos de Aprendizagem aplicados ao Ensino de Ciências Exatas e Naturais do programa de Pós-Graduação Stricto Sensu, de uma Instituição de Ensino Superior (IES) do interior do Rio Grande do Norte. A pesquisa teve como objetivo avaliar as potencialidades pedagógicas e cognitivas dos objetos de aprendizagem (OA) para o ensino de ciências exatas e naturais na Educação Básica e foi pautada metodologicamente nos pressupostos da abordagem de pesquisa qualitativa do tipo exploratória, desenvolvida a partir da avaliação das potencialidades pedagógicas e cognitivas dos OA com a participação de um grupo composto por de (quinze) professores alunos da disciplina, a análise dos resultados foi realizada a partir de um questionário. Ressalta-se que o trabalho foi fundamentado nos pressupostos teóricos da aprendizagem significativa ausubeliana e aportes teóricos que fundamentam o uso dos OA digitais e das Tecnologias Digitais da Informação e Comunicação (TDIC). Por meio deste estudo, foi possível perceber indícios relativo aos aspectos teóricos, metodológicos e práticos da avaliação das ferramentas digitais que possibilita o auxílio aos professores e aos alunos no processo de ensino e aprendizagem de forma reflexiva, assim como, verificar como ocorrem as implicações do seu uso no âmbito do ensino das Ciências Exatas e Naturais.

Downloads

Não há dados estatísticos.

##plugins.generic.paperbuzz.metrics##

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Verônica Maria Lavor Silva de Melo, Secretaria Municipal da Educação (SME), Fortaleza, Ceará, Brasil

Possui graduação em Formação Prof. em Áreas Específicas - Matemática pela Universidade Estadual do Ceará (2002). Foi tutora do Instituto Federal de Educação e Cultura do Ceará - IFCE dos cursos de Hotelaria e Licenciatura em Matemática e também foi tutora presencial do curso de Licenciatura em Matemática da Universidade Estadual do Ceará - UECE. Na atualidade é professora da Secretaria Municipal da Educação de Fortaleza - SME, atuando principalmente nos seguintes temas: Ensino de Matemática, Educação Matemática, Tecnologias no Ensino de Matemática, Aprendizagem Significativa, Formação de Professores. 

Bergson Rodrigo Siqueira de Melo, Secretaria Municipal da Educação (SME), Fortaleza, Ceará, Brasil

Doutor em Educação pelo Pograma de Pós-Graduação em Educação - PPGE da Universidade Estadual do Ceará - UECE (2018), Mestre em Tecnologia da Informação e Comunicação na Formação em EaD pela Universidade Federal do Ceará - UFC (2009), Especialista em Matemática e Física pela Universidade Regional do Cariri - URCA (2005), possui Licenciatura em Matemática pela Fundação de Ensino Superior de Olinda - FUNESO - UNESF (2000), Licenciatura em Filosofia pela Universidade Estadual do Ceará - UECE (2015). Professor de Matemática e Ciências da Prefeitura Municipal de Fortaleza - SME. Tem experiência na área de Matemática, com ênfase em Educação Matemática, atuando principalmente nos seguintes temas: Educação Matemática, Formação de Professores, Teoria da Atividade, EaD, Didática da Matemática, Filosofia da Ciência e da Matemática, Tecnologia para o ensino de Matemática, TDIC, Objetos de Aprendizagem e Ensino de Matemática. https://orcid.org/0000-0003-0437-8062. Telefone para contato (85-985277667), e-mail:bergson1melo@gmail.com.

Antonio Marcos da Costa Silvano, Instituto Federal de Educação do Ceará (IFCE), Cedro, Ceará, Brasil

Doutor em Educação pelo Programa de Pós-graduação da Universidade Estadual do Ceará (PPGE/UECE) com ênfase em formação de professores de matemática e uso das tecnologias digitais. Mestre no Ensino de Ciências e Matemática pela Universidade Federal do Ceará (UFC -2011) e Especialista no ensino de Matemática pela Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA-2004), Especialista em Gestão e Avaliação da Educação pública pela Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF-2011) e licenciado em Ciências-Matemática pela Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA-2002). Professor efetivo do Instituto Federal de Educação do Ceará (IFCE) Campus Cedro, Coordenador do Curso de Licenciatura em Matemática - IFCE campus Cedro. Tem experiência na área de Educação e Matemática, com ênfase na formação de professores, Ensino e aprendizagem de Matemática, atuando principalmente no seguinte tema: Formação de professores, saberes docentes e conhecimento digital, educação matemática, didática e tecnologias digitais, álgebra, teoria dos números, estruturas algébricas, cálculo diferencial e integral, estatística, metodologia do ensino de matemática e laboratório de matemática.

Referências

AUSUBEL, D. Aquisição e Retenção de Conhecimentos: Uma Perspectiva Cognitiva. Lisboa: Plátano Edições Técnicas, 2003.

AUSUBEL, D.P., NOVAK, J.D., HANESEIAN, H. Educational Psychology: A Cognitive View. New York: Warbel & Peck. 1978.

ALMEIDA, M. E. B. de VALENTE, J. A. Tecnologias e currículo: trajetórias convergentes ou divergentes? São Paulo: Paulus, 2011.

ALMEIDA, M.; VALENTE, J.A. Integração currículo e tecnologias e a produção de narrativas digitais. In: Currículo sem Fronteiras, v. 12, n. 3, p. 57-82, Set/Dez 2012. Disponível em: http://www.curriculosemfronteiras.org/vol12iss3articles/almeida-valente.pdf. Acesso em: 12 dez.2020.

AGUIAR, Eliane Vigneron Barreto; FLÔRES, Maria Lucia Pozzatti. Objetos de Aprendizagem: conceitos básicos. In: TAROUCO, Liane Margarida Rockenbach et al. Objetos de aprendizagem: teoria e prática. Porto Alegre: Evangraf, 2014. p. 12-28.

BRAGA, Juliana (Org.). Objetos de Aprendizagem: introdução e fundamentos. Santo André: UFABC, 2015. v. 1, 157 p. Disponível em: https://pesquisa.ufabc.edu.br/intera/wp-content/uploads/2015/12/objetos-de-aprendizagem-v1.pdf. Acesso em: 10 nov. 2020.

BECK, R.J. Learning Objects: What? Center for Internation Education. University of Winsconsin. Milwaukee. 2001.

GIL, A. C. Como elaborar projetos de pesquisa. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2002.

LAVOR. O. P.; MARTINS, K. M. L. Potencializando o Ensino de Matemática Através de Objetos de Aprendizagem. Revista e-Mosaicos. Rio de Janeiro, v.9. n.21, 2020. https://doi.org/10.12957/e-mosaicos.2020.46565.

MELO, B. R. S. de; SILVANO, A. M. da C.; RIBEIRO, J. W.; MELO, V. M. L. S. de. O USO PEDAGÓGICO DO SOFTWARE WINPLOT NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DE CÁLCULO. REAMEC - Rede Amazônica de Educação em Ciências e Matemática, [S. l.], v. 8, n. 3, p. 378-395, 2020. https://doi.org/10.26571/reamec.v8i3.10470

MORIN, E. Introdução ao Pensamento Complexo. 3ª. ed. Porto Alegre: Sulina, 2015.

MINAYO, Maria Cecília de Souza (org.); DESLANDES, Suely Ferreira; GOMES Romeu. Pesquisa social: teoria, método e criatividade. Petrópolis, RJ: Ed. Vozes, 2016.

MÓRAN, José. Coleção Mídias Contemporâneas. Convergências Midiáticas, Educação e Cidadania: aproximações jovens. Vol. II] Carlos Alberto de Souza e Ofélia Elisa Torres Morales (orgs.). PG: Foca Foto-PROEX/UEPG, 2015 Disponível em: http://www2.eca.usp.br/moran/wp-content/uploads/2013/12/mudando_moran.pdf. Acesso 15 dez. 2020.

MOREIRA, M. A. Teorias de Aprendizagem. São Paulo: E.P.U. Ltda. 2. ed. São Paulo, 2011.

OLIVEIRA, W. A. Ensino de sequências: dos parâmetros curriculares nacionais à base nacional comum curricular. Anais ... XXIII Encontro Brasileiro de Estudantes de Pós-Graduação em Educação Matemática, UNICSUL - Campus Anália Franco, São Paulo - SP, 25 a 27 de outubro de 2019.

TEIXEIRA, A. S. M.; MUSSATO, S. Contribuições do Software Geogebra nas aulas com sólidos geométricos de faces planas nos anos iniciais do Ensino Fundamental. REAMEC - Rede Amazônica de Educação em Ciências e Matemática, [S. l.], v. 8, n. 3, p. 449-466, 2020. https://doi.org/10.26571/reamec.v8i3.10835

VALENTE, J. A. O computador na sociedade do conhecimento. Campinas, Unicamp/NIED: 1999.

WILEY, D. A. Projeto de objetos de aprendizagem e teoria do sequenciamento. 2000. 142f. Tese de Doutorado. Brigham Young University, Department of Instructional Psychology and Technology, Provo, Utah, Estados Unidos, 2000. Disponível em: https://opencontent.org/docs/dissertation.pdf. Acesso em 25 jan. 2021.

Downloads

Publicado

2021-03-10

Como Citar

MELO, V. M. L. S. de .; MELO, B. R. S. de .; SILVANO, A. M. da C. O ENSINO DE CIÊNCIAS EXATAS E NATURAIS NA EDUCAÇÃO BÁSICA: CONTRIBUIÇÕES DOS OBJETOS DE APRENDIZAGEM. REAMEC - Rede Amazônica de Educação em Ciências e Matemática, [S. l.], v. 9, n. 1, p. e21022, 2021. DOI: 10.26571/reamec.v9i1.11585. Disponível em: https://periodicoscientificos.ufmt.br/ojs/index.php/reamec/article/view/11585. Acesso em: 21 abr. 2021.

Edição

Seção

Educação Matemática

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)