CLUBE DE LITERATURA E MATEMÁTICA ONLINE: TRÊS CRÔNICAS DE CLARICE LISPECTOR

Autores

DOI:

10.26571/reamec.v11i1.16749

Palavras-chave:

Literatura e Matemática, Educação Matemática, História, Formação de Professores

Resumo

O artigo apresenta o Clube de Literatura e Matemática, uma ação de extensão online, que integrou a pesquisa de mestrado “Clube de Literatura e Matemática como espaço de diálogo e formação docente”, e analisa os diálogos produzidos pelos professores participantes da pesquisa sobre a leitura de três crônicas de Clarice Lispector, uma das mais influentes escritoras brasileiras. Uma das atividades do Clube de Literatura e Matemática foi a leitura e discussão das crônicas: “Carta ao Ministro da Educação” (1968), “Você é um número” (1971) e “Perdão, Explicação e Mansidão” (1971). As crônicas, que apresentam indicativos sobre o modo como Clarice percebia a Matemática e a Educação, possibilitam reflexões pertinentes sobre o contexto educacional e social do final dos anos 1960 e início dos anos 1970 no Brasil. Das discussões entre os participantes emergiram aproximações entre literatura e matemática que evidenciam possíveis contribuições da literatura e do contexto histórico de produção das crônicas para a formação de professores à medida que problematizam a neutralidade da matemática e poetizam a matemática.

Downloads

Não há dados estatísticos.

##plugins.generic.paperbuzz.metrics##

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Alessandra Heckler Stachelski, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil.

Mestranda no Programa de Pós-Graduação em Ensino de Matemática da UFRGS, bolsista FAPERGS e CAPES/BRASIL por meio do Programa de Desenvolvimento da Pós-Graduação (PDPG). Possui graduação sanduíche em Licenciatura em Matemática pela UFRGS, com intercâmbio realizado na Universidade de Évora (Portugal), como bolsista da CAPES/BRASIL (Programa Ciência Sem Fronteiras) durante dois semestres letivos pelo Programa de Licenciaturas Internacionais (PLI). Atualmente realiza pesquisa sobre possíveis relações entre Matemática e Literatura e suas potencialidades na Educação e na Formação de Professores.

Andréia Dalcin, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil.

Possui Doutorado (2008) e Mestrado (2002) em Educação área de Educação Matemática pela Universidade Estadual de Campinas; graduação em Licenciatura em Ciências: Habilitação Matemática pela Universidade Luterana do Brasil (1996). Desenvolve pesquisas nos campos da História da Educação Matemática e Formação de Professores. Atualmente atua como professora Associada na Universidade Federal do Rio Grande do Sul - UFRGS - FACED/ Departamento de Ensino e Currículo. Atua como docente e pesquisadora permanente no Programa de Pós Graduação em Ensino de Matemática do Instituto de Matemática e Estatística UFRGS e como colaboradora no Programa de Pós-graduação em Educação em Ciências e Matemática PPGECEM, da Rede Amazônica de Educação em Ciências e Matemática REAMEC. Líder do Grupo de Pesquisa História, Filosofia e Educação Matemática - HIFEM. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Educação Matemática, pesquisando e orientado principalmente nos seguintes temas: ensino de matemática, educação, história e filosofia da matemática e da educação matemática, formação de professores de matemática e ciências, formação de professores para Educação do Campo e conexões entre a Matemática e as Artes. Coordenou o Subprojeto Matemática do PIBID/UFRGS de 2013 a 2017. Coordena o Projeto de extensão Laboratórios de Matemática em escolas públicas desde 2017.

Referências

BRAGHINI, Mitsuko Zuquim Braghini. A história dos estudantes “excedentes” nos anos 1960: a superlotação das universidades e um “torvelinho de situações improvisadas”. Educar em Revista, n. 51, p. 123–144, jan. 2014. ISSN: 1984-0411. https://doi.org/10.1590/S0104-40602014000100009

COSSON, Rildo. Círculos de Leitura e Letramento Literário. 1. ed. São Paulo: Editora Contexto, 2022.

FREIRE, Paulo. À sombra desta mangueira. 11. ed. Rio de Janeiro: Editora Paz & Terra, 2015a. Livro eletrônico.

FREIRE, Paulo. Educação como prática para a liberdade. 1. ed. Rio de Janeiro: Editora Paz & Terra, 2015b. Livro eletrônico.

FREIRE, Paulo. Pedagogia da Autonomia: saberes necessários à prática educativa. 60. ed. Rio de Janeiro / São Paulo: Editora Paz & Terra, 2019.

JATOBÁ, Vivian Resende. Descobertas de si e do Mundo: intimidade e poética do cotidiano na crônica de Clarice Lispector. 2013. 139 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade de Brasília, Faculdade de Comunicação, Programa de Pós-Graduação em Comunicação, Brasília, 2013. Disponível em: https://repositorio.unb.br/bitstream/10482/15215/1/2013_VivianResendeJatoba.pdf Acesso em: 28 set. 2023.

LISPECTOR, Clarice. As grandes punições. Jornal do Brasil, Rio de Janeiro, 4 nov. 1967. Caderno B, p. 2. Disponível em: https://memoria.bn.br/DocReader/DocReader.aspx?bib=030015_08&Pesq=carta%20clarice%20lispector&pagfis=106596 Acesso em: 26 set. 2023.

LISPECTOR, Clarice. Carta ao Ministro da Educação. Jornal do Brasil, Rio de Janeiro, 17 fev. 1968a. Caderno B, p. 2. Disponível em: http://memoria.bn.br/DocReader/DocReader.aspx?bib=030015_08&Pesq=clarice%20lispector&pagfis=111444 Acesso em: 21 set. 2023.

LISPECTOR, Clarice. Sentir-se Útil. Outra carta. Hermética? Jornal do Brasil, Rio de Janeiro, 24 fev. 1968b. Caderno B, p. 2. Disponível em: https://memoria.bn.br/DocReader/DocReader.aspx?bib=030015_08&Pesq=carta%20clarice%20lispector&pagfis=111752 Acesso em: 21 set. 2023.

LISPECTOR, Clarice. Você é um número. Jornal do Brasil, Rio de Janeiro, 7 ago. 1971a. Caderno B, p. 2. Disponível em: https://memoria.bn.br/DocReader/docreader.aspx?bib=030015_09&pasta=ano%20197&pesq=clarice%20lispector&pagfis=215708 Acesso em: 21 set. 2023.

LISPECTOR, Clarice. Perdão, explicação e mansidão. Jornal do Brasil, Rio de Janeiro, 21 ago. 1971b. Caderno B, p. 2. Disponível em: https://memoria.bn.br/DocReader/docreader.aspx?bib=030015_09&pasta=ano%20197&pesq=clarice%20lispector&pagfis=216784 Acesso em: 21 set. 2023.

LISPECTOR, Clarice. Um sopro de vida. 1. ed. Rio de Janeiro: Rocco digital, 2020. Livro eletrônico.

STACHELSKI, Alessandra. Clube de Literatura e Matemática como espaço de diálogo e formação docente. 2023. 260f. Dissertação (Mestrado). Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Programa de Pós-Graduação em Ensino de Matemática, Porto Alegre, 2023.

SILVA, F. C. C. da; CARVALHO, G. G. B. C. A narrativa de Clarice Lispector no coração selvagem do Brasil no Século XX: alguns aspectos sociopolíticos. Fólio - Revista De Letras. v. 12, n. 2, p. 109-126, 2021. ISSN 2176-4182. https://doi.org/10.22481/folio.v12i2.7427

Downloads

Publicado

2023-12-09

Como Citar

STACHELSKI, A. H.; DALCIN, A. CLUBE DE LITERATURA E MATEMÁTICA ONLINE: TRÊS CRÔNICAS DE CLARICE LISPECTOR. REAMEC - Rede Amazônica de Educação em Ciências e Matemática, Cuiabá, Brasil, v. 11, n. 1, p. e23105, 2023. DOI: 10.26571/reamec.v11i1.16749. Disponível em: https://periodicoscientificos.ufmt.br/ojs/index.php/reamec/article/view/16749. Acesso em: 19 jun. 2024.

Edição

Seção

Mat(h)Ifem: diálogos entre Matemática, Arte, Tecnologias e História