PERCURSO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL DE TREINADORES E TREINADORAS DE BASQUETEBOL DE JOVENS

Autores

  • Kaique Bueno de Camargo Favari Universidade Estadual de Campinas
  • Luis Felipe Nogueira Silva Universidade Estadual de Campinas
  • Mairin Del Corto Motta Universidade Estadual de Campinas
  • Luiza Darido da Cunha Universidade Federal de São Paulo
  • Larissa Rafaela Galatti Universidade Estadual de Campinas

DOI:

10.51283/rc.v25i2.11404

Palavras-chave:

Treinador(a) esportivo, Esporte, Pedagogia do Esporte, Aprendizagem

Resumo

O estudo primou por verificar o percurso de formação profissional de treinadores e treinadoras de basquetebol de diferentes idades, que atuam em categorias de base, descrevendo aprendizagens identificadas em contextos formais, não formais e informais. Para tanto, foram realizadas entrevistas semiestruturadas, cujas respostas foram submetidas à Análise Temática. Os resultados evidenciaram a importância dos três referidos contextos formativos nos processos de aprendizagem profissional entre homens e mulheres, ainda que tenham sido registradas diferenças relevantes entre os dois grupos; para atuarem no mesmo cargo, as mulheres apresentaram maior qualificação formal; treinadores e treinadoras mais jovens tiveram maior número de oportunidades em estágios internacionais em relação aos/às mais experientes. De todo modo, o estudo permitiu evocar, a partir dos relatos obtidos, a assertiva contribuição dos contextos de aprendizagem formais, não formais e informais na formação profissional de treinadores e treinadoras em uma modalidade esportiva coletiva.

Referências

BARROS, Thaís Emanuelle da Silva de e colaboradores. As fontes de conhecimento de treinadores de ginástica artística. Pensar a prática, v. 20, n. 3, p. 446-460, 2017.

BRASIL. Lei nº 9.696, de 1 de setembro de 1998. Dispõe sobre a regulamentação da Profissão de Educação Física e cria os respectivos Conselho Federal e Conselhos Regionais de Educação Física. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 1998.

BRASIL. Ministério da Educação. Resolução CNE/CES nº 7, de 5 de abril de 2004. Diário Oficial da União, Brasília, DF, 2004.

BRAUN, Virgínia; CLARKE, Victoria; WEATE, Paul. Using Thematic Analysis in Sport and Exercise Research. In: SMITH, Brett; SPARKES, Andrew C. (Orgs.) Routledge handbook of qualitative research in sport and exercise. p. 191-205; Londres, England: Routledge, 2016.

CORTELA, Caio Corrêa e colaboradores. Perfil e desenvolvimento profissional de treinadores de tênis. Caderno de educação física e esporte, v. 17, n. 1, p. 167-178, 2019.

CUNHA, Luiza Darido da. Trajetórias de aprendizagem dos treinadores de basquetebol atuantes nas instituições de esporte em Franca-SP. 2017. 149f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Motricidade). Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Rio Claro, SP, 2017.

CUSHION, Christopher J.; ARMOUR, Kathy M..; JONES, Robin. Coach education and continuing professional development: experience and learning to coach. Quest, v. 55, n. 33, p. 215-230, 2003.

FACUNDO, Lucas Alves e colaboradores. Trajetória profissional de treinadores no contexto do esporte paralímpico. Movimento, v. 25, p. 25034, 2019.

GALATTI, Larissa Rafaela e colaboradores. Coaching in Brazil sport coaching as a profession in Brazil: an analysis of the coaching literature in Brazil from 2000-2015. International sport coaching journal, v. 3, n. 3, p. 316-331, 2016a.

GALATTI, Larissa Rafaela e colaboradores. Coaches’ perceptions of youth players’ development in a professional soccer club in Brazil: paradoxes between the game and those who play. Sports coaching review, v. 5, n. 2, p. 174-185, 2016b.

GALATTI, Larissa Rafaela; SANTOS, Yura Yuka Sato dos; KORSAKAS, Paula. A coach developers’ narrative on scaffolding a learner-centred coaching course in Brazil. International sport coaching journal, v. 6, n. 3, p. 339-348, 2019.

GALATTI, Larissa Rafaela e colaboradores. Scaffolding a club philosophy among coaches: perspectives from a spanish club. Revista de psicología del deporte, v. 28, n. 3, p. 24-29, 2019.

LEONARDI, Tiago José e colaboradores. Pedagogia do esporte: indicativos para o desenvolvimento integral do indivíduo. Revista mackenzie de educação física e esporte, v. 13, n. 1, 2014.

LEMYRE, François; TRUDEL, Pierre; DURAND-BUSH, Natalie. How youth-sport coaches learn to coach. Sport psychologist, v. 21, p. 191–209, 2007.

MILISTETD, Michel e colaboradores. The learner-centred status of a Brazilian university coach education program. International sport coaching journal, v. 5, n. 2, p. 105-115, 2018.

MILISTETD, Michel e colaboradores. Formação de treinadores esportivos: Orientações para a organização das práticas pedagógicas nos cursos de bacharelado em Educação Física. Journal of physical education, v. 28, n. 1, p. e2849, 2017.

MILISTETD, Michel e colaboradores. Coaches’ development in Brazil: structure of sports organizational programmes. Sports coaching review, v. 5, n. 2, p. 138-152, 2016.

MOLETTA, Andréia Fernanda e colaboradores. Treinadores (as) de basquetebol de Santa Catarina: o desenvolvimento da aprendizagem formal, informal e não-formal. E-Balonmano: revista de ciencias del deporte, v. 15, n. 3, p. 197-206, 2019.

NASH, Christine e colaboradores. The coaching journey: learning as lifelong and life-wide. In: THELWELL, Richard; DICKS, Matt (Orgs.). Professional advances in sports coaching: research and practice. Londres, England: Routledge, 2018.

NELSON, Lee; CUSHION, Christopher J.; POTRAC, Paul. Formal, nonformal and informal coach learning: a holistic conceptualisation, International journal of sports science and coaching, v. 1, n. 3, p. 247–259, 2006.

PASSERO, Júlia Gravena e colaboradores. Gender (in) equality: a longitudinal analysis of women's participation in coaching and referee positions in the Brazilian Women’s Basketball League (2010-2017). Cuadernos de psicologia del deporte, v. 19, p. 252-261, 2019.

REVERDITO, Riller Silva e colaboradores. Coaching and continuity make a difference: competence effects in a youth sport program. Journal of physical education and sport, v. 20, n. 4, p. 1964-1971, 2020.

RODRIGUES, Heitor de Andrade e colaboradores. As fontes de conhecimento dos treinadores de jovens atletas de basquetebol. Motrivivência, v. 29, n. 51, p. 100-118, 2017.

RODRIGUES, Heitor de Andrade; PAES, Roberto Rodrigues; NETO, Samuel Souza. A socialização profissional do treinador esportivo como um processo formativo de aquisição de saberes. Movimento, v. 22, n. 2, p. 509-521, 2016.

SCHIAVON, Laurita Marconi e colaboradores. Análise da formação e atualização dos técnicos de ginástica artística do estado de São Paulo. Pensar a prática, v. 17, n. 3, p. 618-635, 2014.

TOZETTO, Alexandre Vinícius Bobatto; GALATTI, Larissa Rafaela; MILISTETD, Michel. Desenvolvimento profissional de treinadores esportivos no Brasil: perspectiva de aprendizagem ao longo da vida. Pensar a prática, v. 21, p. 207-219, 2018.

TOZETTO, Alexandre Vinícius Bobatto e colaboradores. Football coaches’ development in Brazil: a focus on the content of learning. Motriz, v. 23, n. 3, p. 1-9, 2017.

TOZETTO, Alexandre Vinícius Bobatto e colaboradores. Strategies for coaches’ development in a football club: a learning organization. Motriz, v. 25, n. 2, 2019.

TRUDEL, Pierre; GILBERT, Wade. Coaching and coach education. In: KIRK, David; MACDONALD, Doune; O’SULLIVAN, Mary M. (Orgs.). The handbook of physical education. Londres, England: Sage, 2006.

VIRGÍLIO, Ana Carolina Seragi e colaboradores. Aprendizagem de treinadores esportivos: fontes de conhecimento e prática profissional nos jogos esportivos coletivos. Journal of sport pedagogy and research, v. 3, n. 2, p. 20-26, 2017.

Downloads

Publicado

2021-07-28

Como Citar

Favari, K. B. de C., Silva, L. F. N., Motta, M. D. C. ., Cunha, L. D. da, & Galatti, L. R. (2021). PERCURSO DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL DE TREINADORES E TREINADORAS DE BASQUETEBOL DE JOVENS. Corpoconsciência, 25(2), 53-70. https://doi.org/10.51283/rc.v25i2.11404

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)