O QUE MOSTRAM OS ESTUDOS SOBRE OS CONTEÚDOS PRESENTES NOS LIVROS DIDÁTICOS PARA O ENSINO DE PILHAS?

Autores

DOI:

10.26571/reamec.v11i1.14961

Palavras-chave:

Eletroquímica, Pilhas, Livro Didático, PNLD

Resumo

Os livros didáticos estão presentes em uma significativa proporção de escolas, fazem parte do cotidiano escolar e muitas vezes é o único material didático utilizado para o ensino. Assim, são necessários constantes acompanhamentos dos conteúdos e das abordagens neles apresentados, principalmente sobre temáticas que envolvem conceitos mais abstratos. Neste manuscrito são apresentados os resultados de uma pesquisa bibliográfica cujo objetivo foi analisar trabalhos publicados na literatura que investigaram como a temática das pilhas galvânicas são abordadas nos livros didáticos. O levantamento bibliográfico foi realizado nas bases de dados Google Acadêmico, Scielo e Portal Capes. Após aplicados critérios de seleção e exclusão, foram eleitas doze publicações que constituíram o corpus desta pesquisa. As discussões foram pautadas em quatro categorias de análise, a saber: Abordagem Experimental, Enfoque CTSA/Ambiental, Imagens e Representações e Enfoque Teórico e Conceitual. Os resultados indicam que aspectos importantes, envolvendo conceitos de eletroquímica, vêm merecendo a atenção de estudiosos, garantindo avanços na qualidade do conteúdo disponibilizados nos livros. Apontam também obstáculos que ainda precisam ser superados, como as abordagens conceituais equivocadas, o uso recorrente de imagens com função meramente ilustrativa e, a ocorrência de propostas experimentais ainda com caráter procedimental.

Downloads

Não há dados estatísticos.

##plugins.generic.paperbuzz.metrics##

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Carlos Alberto Pereira Domingues , Instituto Federal de São Paulo (IFSP-SP) – São Paulo, São Paulo, Brasil.

Possui graduação em Bacharelado em Quimica pelo Instituto Manchester Paulista de Ensino Superior(2004), graduação em Licenciatura em Quimica pela Faculdades Oswaldo Cruz(2005) e especialização em Lato sensu em Quimica pela Faculdades Oswaldo Cruz(2008). Atualmente é Professor da Etec de Tiquatira. Tem experiência na área de Química.

Elaine Pavini Cintra, Instituto Federal de São Paulo (IFSP-SP) – São Paulo, São Paulo, Brasil.

Possui graduação em Química pela Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto FFCLRP - USP (1995), mestrado em Química pela Universidade de São Paulo - USP (1999) e doutorado em Química (Físico-Química) pela Universidade de São Paulo USP (2003). Atualmente é professora do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo e docente no Mestrado Profissional de Ensino de Ciências e Matemática (EnCiMa). Atuou de 2012 a 2017 como coordenadora do Projeto PIBID do IFSP - Campus São Paulo. Tem experiência na área de Química, envolvendo o ensino de Química e Ciências com ênfase na importância das múltiplas representações no processo de aprendizagem. Vem desenvolvendo pesquisas pautadas em avaliações de larga escala associando abordagens pedagógicas e estatísticas.

Referências

AIKENHEAD, G. S. Science‐based occupations and the science curriculum: Concepts of evidence. Science Education, v. 89, n. 2, p. 242-275, 2005. https://doi.org/10.1002/sce.20046.

ARNAUD, A. A. A construção do conteúdo de reações redox em livros didáticos da educação básica. Dissertação de Mestrado. Universidade de São Paulo, 2019. Disponível em: https://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/81/81132/tde-10122019-180334/en.php.

ARTHUR, T. A evolução das atividades experimentais em livros didáticos de Química. Dissertação de Mestrado. Universidade Federal de Sao Carlos, 2011. Disponível em: https://repositorio.ufscar.br/handle/ufscar/6513.

BANDEIRA, D. Materiais didáticos. Curitiba, PR: IESDE, 2009, 448p.

BARDIN, L. Análise de Conteúdo. Lisboa: 2011.

BOCANEGRA, C. H. Aspectos conceituais e espistemológicos do tema eletroquímica nos livros didáticos de química aprovados pelo Programa Nacional do Livro Didático para o ensino médio-PNLEM. Dissertação de Mestrado. Universidade Estadual Paulista, 2010. Disponível em: https://repositorio.unesp.br/handle/11449/90098.

BOULABIAR, A.; BOURAOUI, K.; CHASTRETTE, M.; ABDERRABBA, M. A historical analysis of the Daniell cell and electrochemistry teaching in French and Tunisian textbooks. Journal of Chemical Education, v. 81, n. 5, p. 754–757, 2004. Disponível em: https://doi.org/10.1021/ed081p754.

BRADLEY, J. D.; OGUDE, N. A. Electrode Processes and Aspects Relating to Cell EMF, Current, and Cell Components in Operating Electrochemical Cells: Precollege and College Student Interpretation. J. Chem. Educ., v. 73, n. 12, p. 1145, 1996.

BRASIL. MEC/SEF. Parâmetros curriculares nacionais : história. Brasília, 1998. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/seb/arquivos/pdf/pcn_5a8_historia.pdf.

________. MEC. Base Nacional Comum Curricular (BNCC), 2018a. Disponível em: http://basenacionalcomum.mec.gov.br/images/BNCC_EI_EF_110518_versaofinal_site.pdf.

________. MEC/ FNDE. Edital de Convocação para o Processo de Inscrição e Avaliação de Obras Didáticas para o Programa Nacional do Livro e do Material Didático PNLD 2019. 2018(b). Disponível em: http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_docman&view=download&alias=79531-edital-pnld-2019-consolidado-3-retificao-pdf&category_slug=dezembro-2017-pdf&Itemid=30192

CARAMEL, N. J.; PACCA, J. L. Concepções alternativas em eletroquímica e circulação da corrente elétrica. Caderno Brasileiro de Ensino de Física, v. 28, n. 1, p. 7–26, 2011. Disponível em: https://dialnet.unirioja.es/servlet/articulo?codigo=3683134.

CHOPPIN, A. História dos livros e das edições didáticas: sobre o estado da arte. Educação e Pesquisa, v. 30, n. 3, p. 549–566, dez. 2004. Disponível em: https://www.scielo.br/j/ep/a/GNrkGpgQnmdcxwKQ4VDTgNQ/?lang=pt.

CORRÊA, R. L. T. O livro escolar como fonte de pesquisa em História da Educação. Cadernos CEDES, v. 20, n. 52, p. 11–23, nov. 2000. Disponível em: https://www.scielo.br/j/ccedes/a/yTJRZTvmDVZ5dfGfF6b3VQB/abstract/?lang=pt .

DE JONG, O.; ACAMPO, J.; VERDONK, A. Problems in Teaching the Topic of Redox Reactions: Actions and Conceptions of Chemistry Teachers. J. Res. Sci. Teach., n. 32, p. 1097–1110, 1995. Disponivel em: https://doi.org/10.1002/tea.3660321008

DE JONG, O.; TREAGUST, D. F. The Teaching and Learning of Eletrochemistry. Em J. K. Gilbert, M. Reiner e M. Nakhleh, Chemical Education: Theory and Pratice in Science Education. Netherlands: Kluwer Academic Publishers, p. 317 - 337, 2002.

DIAS, K. F. Abordagem ambiental nos livros didáticos de química aprovados pelo PNLEM 2007: princípios da carta de belgrado. Dissertação de Mestrado. Universidade Federal de Goiás, 2012. Disponível em: http://repositorio.bc.ufg.br/tede/handle/tde/562.

FARIA, N. D. Experiências de Físico-Química nos Livros Didáticos do PNLD 2018: Uma Análise Crítica. Monografia. Universidade de Brasília, 2017. Disponível em: https://bdm.unb.br/handle/10483/19340.

FRANCISCO JUNIOR, W. E.; SOUZA, B. E. S. S. Um olhar sobre experimentos de Química e Física em livros de ciências do ensino fundamental II. REAMEC –Rede Amazônica de Educação em Ciências e Matemática. Cuiabá, v. 10, n. 1, e22007, jan./abr. Disponível em: 2022. https://doi.org/10.26571/reamec.v9i3.13009

FRISON, M. D. et al. Livro Didático como Instrumento de Apoio para Construção de Propostas de Ensino de Ciências Naturais. VII ENPEC - Encontro Nacional de Pesquisa em Educação em Ciências, Florianópolis, p. 1-13, 2009. Disponível em: http://www.fep.if.usp.br/~profis/arquivos/viienpec/VII%20ENPEC%20-%202009/www.foco.fae.ufmg.br/cd/pdfs/425.pdf.

GOES, L. F.; NOGUEIRA, K. S. C.; FERNANDEZ, C. A representação das reações redox através das imagens em livros didáticos brasileiros de química. Acta Scientiae, v. 20, n. 2, p. 135–153, 2018. Disponível em: http://posgrad.ulbra.br/periodicos/index.php/acta/article/view/3738.

GOMES, D. C.; SOUZA, K. S. Unidades de ensino potencialmente significativas (UEPS) e a aprendizagem da oxirredução. REAMEC-Rede Amazônica de Educação em Ciências e Matemática, v. 11, n. 1, p. e23004-e23004, 2023. https://doi.org/10.26571/reamec.v11i1.14444

JOAQUIM, M. G. D. G. Imagens na comunicação do conhecimento em livros didáticos de química e física: uma análise à luz da semiótica peirceana. Dissertação de Mestrado. Universidade de São Paulo, 2017. Disponível em: https://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/81/81132/tde-26052017-101455/en.php.

JOHNSTONE, A. H. Why is science difficult to learn? Things are seldom what they seem, Journal of Computer Assisted Learning, v. 7, n. 2, 75–83, 1991.

JUSTO, V. A. A abordagem de ensino por investigação nas atividades experimentais de eletroquímica dos livros didáticos do PNLD 2015. Monografia Especialização. Universidade Federal de Minas Gerais, 2016. Disponível em: http://hdl.handle.net/1843/BUOS-APUFHY.

MARTINS, A. N. A. et al. Descarte de pilhas e baterias: a problemática da abordagem nos livros didáticos de química do PNLD 2015 para o conteúdo de eletroquímica. Revista Verde de Agroecologia e Desenvolvimento Sustentável, v. 9, n. 5, p. 31–35, 2014. Disponível em: https://dialnet.unirioja.es/servlet/articulo?codigo=7389686.

MELLO, P. E. D. Material didático para educação de jovens e adultos: história, formas e conteúdos. Doutorado. Universidade de São Paulo. Faculdade de Educação, 2010. Disponivel em: http://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/48/48134/tde-26012011-142038/.

MELONI, R. A. Rupturas e permanências: um estudo das imagens de objetos em manuais de ensino de Química 1856 a1971. Imagens da Educação, v. 8, n. 2, p. e42015, 2018. Disponível em: https://doi.org/10.4025/imagenseduc.v8i2.42015.

NASCIMENTO, R. S. Abordagem Ambiental no Ensino de Química: Um Estudo dos Livros Didáticos Aprovados pelo PNLD 2015 e 2018. Monografia. Universidade Federal de Sergipe, 2019. Disponível em: http://ri.ufs.br/jspui/handle/riufs/12726 .

NIAZ, M.; CHACÓN, E. A conceptual change teaching strategy to facilitate high school students’ understanding of electrochemistry. Journal of Science Education and Technology, v. 12, n. 2, p. 129- 134, 2003. Disponível em: https://doi.org/10.1023/A:1023983626388.

ÖSTERLUND, L. L.; BERG, A.; EKBORG, M. Redox models in chemistry textbooks for the upper secondary school: friend or foe? Chemistry Education Research and Practice, v. 11, n. 3, p. 182- 192, 2010. Disponível em: https://pubs.rsc.org/en/content/articlelanding/2010/RP/C005467B.

PEDRETTI, E.; NAZIR, J. Currents in STSE education: Mapping a complex field, 40 years on. Science education, v. 95, n. 4, p. 601-626, 2011. Disponível em: https://onlinelibrary.wiley.com/doi/10.1002/sce.20435.

PERALES, F. J.; JIMÉNEZ, J. D. Las ilustraciones en la enseñanza-aprendizaje de las ciencias. Análisis de libros de texto. Enseñanza de las ciencias: revista de investigación y experiencias didácticas, v. 20, n. 3, p. 369–386, 2002.

SANGER, M. J.; GREENBOWE, T. J. Common student misconceptions in electrochemistry: Galvanic, electrolytic, and concentration cells. Journal of Research in Science Teaching., v. 34, n. 4, p. 377–398, 1997. Disponível em: https://onlinelibrary.wiley.com/doi/10.1002/(SICI)1098-2736(199704)34:4%3C377::AID-TEA7%3E3.0.CO;2-O.

SILVA, M. R. E.; CINTRA, E. P. Experimentação e Simulações: Contribuições para o Ensino e Aprendizagem Das Reações Redox. Enseñanza de las ciencias. n. Extra, p. 1153-1159, 2013. Disponível em: https://ddd.uab.cat/record/175243.

SILVA, R. S. Experimentação no Ensino de Química: uma sequência didática sobre a formação da ferrugem. REAMEC – Rede Amazônica de Educação em Ciências e Matemática. Cuiabá. v. 9. n. 2. e21058. maio-agosto. 2021. http://dx.doi.org/10.26571/reamec.v9i2.12744.

TOQUETTO, A. R. Os Temas "Vidros E Metais” em Livros Didáticos de Química: Uma Análise a partir dos Estudos Sociais da C&T.Dissertação de Mestrado. Universidade Federal de Santa Catarina, 2016. Disponível em: https://repositorio.ufsc.br/xmlui/handle/123456789/169087.

ZAMBON, L. B. Seleção e utilização de livros didáticos de física em escolas de educação básica. Dissertação de Mestrado. Universidade Federal de Santa Maria, 2012. Disponível em: http://repositorio.ufsm.br/handle/1/6990.

ZAMBON, L. B.; TERRAZZAN, E. A. Políticas de material didático no Brasil: organização dos processos de escolha de livros didáticos em escolas públicas de educação básica. Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos, v. 94, n. 237, p. 585-602, 2013. Disponível em: http://educa.fcc.org.br/pdf/rbep/v94n237/v94n237a12.pdf.

Downloads

Publicado

2023-08-25

Como Citar

DOMINGUES , C. A. P. .; CINTRA, E. P. O QUE MOSTRAM OS ESTUDOS SOBRE OS CONTEÚDOS PRESENTES NOS LIVROS DIDÁTICOS PARA O ENSINO DE PILHAS?. REAMEC - Rede Amazônica de Educação em Ciências e Matemática, Cuiabá, Brasil, v. 11, n. 1, p. e23043, 2023. DOI: 10.26571/reamec.v11i1.14961. Disponível em: https://periodicoscientificos.ufmt.br/ojs/index.php/reamec/article/view/14961. Acesso em: 21 jun. 2024.