Lazer na formação continuada: a experiência de viagens de estudo na educação física

Nara Rejane Cruz de Oliveira, Adriana Maria Wan Stadnik

Resumo


O trabalho tem por objetivo refletir criticamente sobre o lazer relacionado à formação continuada do professor de educação física, a partir de experiências em duas viagens de estudo (nos anos de 2005 e 2006), compartilhadas por um grupo de professores latino-americanos (brasileiros, argentinos e peruanos). O problema desta pesquisa é a relação entre formação continuada e lazer. A metodologia utilizada está referenciada na pesquisa qualitativa e amparada em entrevistas com os participantes e revisão de literatura. Os resultados sugerem que é possível aprender de maneira significativa em atividades de educação não formal aliadas ao lazer, como as viagens de estudo analisadas. Algumas funções do lazer (descanso, diversão e desenvolvimento) ocorreram simultaneamente à formação continuada dos profissionais envolvidos, o que nos leva a crer que as viagens de estudo têm muito a oferecer, dada a possibilidade de abertura a novas perspectivas, por meio de ricos intercâmbios culturais.


Palavras-chave


Lazer; Formação continuada; Viagens de estudo; Educação Física

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais

Revista Corpoconsciência

Faculdade de Educação Física da Universidade Federal de Mato Grosso - FEF/UFMT

Avenida Fernando Correa da Costa, 2367, Boa Esperança, Cuiabá, Mato Grosso, Brasil, CEP 78060-900

E-mail: ecmmoreira@uol.com.br