ESTUDOS E EXPERIÊNCIAS SOBRE A GINÁSTICA PARA TODOS E PAULO FREIRE

Autores

  • Eliana de Toledo Universidade Estadual de Campinas, Limeira, São Paulo, Brasil

Palavras-chave:

Ginástica, GPT, Autonomia, FORUMGPT

Resumo

Desde 1988, as publicações sobre a Ginástica para Todos (GPT) no Brasil têm reforçado uma perspectiva pedagógica, com vistas à oferta de propostas de ensino (método, estratégias, educativos, etc). Assim, o objetivo da pesquisa é identificar quais obras e autores nacionais têm apresentado relações entre a GPT e o pedagogo Paulo Freire. Trata-se de uma pesquisa bibliográfica, cuja amostra envolve todos os Anais do Fórum Internacional de Ginástica para Todos, e que utilizou-se da análise de conteúdo por categorias a priori. Identificou-se um total de 35 produções, distribuídas nas nove edições. Um grupo pequeno de autores traz produções recorrentes, e outros, de forma mais pontual. Sete obras foram mencionadas, se destacando a “Pedagogia da Autonomia”. A pesquisa colaborou para uma maior sistematização destas produções, assim como, visa inspirar os educadores para abarcar e melhor dialogarem com Paulo Freire, fortalecendo ainda mais a perspectiva pedagógica e transformadora da GPT.

Referências

AYOUB, Eliana. A ginástica geral na sociedade contemporânea: perspectivas para a educação física escolar. 1998. 187f. Tese (Doutorado em Educação Física). Universidade Estadual de Campinas, Campinas, SP, 1998.

BARBOSA-RINALDI, Ieda Parra. A ginástica como área do conhecimento na formação profissional em educação física: diretrizes para a estruturação curricular. 2005. 219f. Tese (Doutorado em Educação Física). Universidade Estadual de Campinas, Campinas, SP, 2005.

BARBOSA-RINALDI, Ieda Parra; PAOLIELLO, Elizabeth. Saberes ginásticos necessários à formação profissional em Educação Física: encaminhamentos para uma estruturação curricular. Revista brasileira de ciências do esporte, v. 29, n. 2, p. 277-243, jan., 2008.

BORTOLETO, Marco Antonio Coelho; PAOLIELLO, Elizabeth (Org.). Ginástica para todos: um encontro com a coletividade. Campinas, SP: Unicamp, 2017.

BROCHADO, Fernando A.; BROCHADO, Monica M. V. Ginástica geral. Rio Claro, SP: Costa, 1988.

CNPq. Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Grupo de Pesquisa Gímnica: formação, intervenção e escola. Disponível em: <http://dgp.cnpq.br/dgp>. Acesso em: 10 de junho de 2020.

ENCONTRO DE GINÁSTICA GERAL. Campinas, 1996. Coletânea: textos e sínteses do I e II Encontro de Ginástica Geral. Campinas, SP: Gráfica Central da Unicamp, 1996.

FEF. Faculdade de Educação Física. Histórico. Disponível em: . Acesso em: 22 de junho de 2020.

FORUMGPT. Histórico do Fórum Internacional de Ginástica para Todos. Disponível em: . Acesso em: 02 de julho de 2020.

FREIRE, Paulo. Conscientização: teoria e prática da libertação: uma introdução ao pensamento de Paulo Freire. 3. ed. São Paulo: Moraes, 1980.

______. Pedagogia da autonomia: saberes necessários à prática educativa. 21. ed. São Paulo: Paz e Terra, 1996.

GALLARDO, Jorge Sergio Pérez. Prática de ensino da educação física: a criança em movimento. São Paulo: FTD, 2010.

GALLARDO; Jorge Sergio Pérez; GUTIÉRREZ, Luis Linzmayer. Educación física escolar: conceptos fundametnales para la formación y actuacion profesional. Concepción, Chile: Universidad del Bio-Bio, 2019.

GALLARDO; Jorge Sergio Pérez; OLIVEIRA, Amauri Aparecido Bássoli de; ARAVENA, César Jaime Oliva. Didática de educação física: a criança em movimento. São Paulo: FTD, 1998.

GAMA, Leonardo da Rocha. Ginástica e ética na escola: apontamentos para compreender a convivência humana. 2009. 218f. Dissertação (Mestrado em Educação). Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, RN, 2009a.

______. (Org.). Ginástica geral na escola pública: anotações de um conviver pedagógico. Natal: SME, 2009b.

______. Ginástica e ética na escola: apontamentos para compreender a convivência humana. Conexões, v. 10, n. esp., p. 144-161, dez., 2012.

GEREZ, Alessandra Galve e colaboradores. A prática pedagógica e a organização didática dos conteúdos de Educação Física para idosos no Projeto Sênior para a vida ativa da USJT: uma experiência rumo à autonomia. Revista brasileira de ciências do esporte, v. 28, n. 2, p. 221-236, jan., 2007.

GIL, Antonio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. 5. ed. São Paulo: Atlas, 2010.

GRUPO GINÁSTICO UNICAMP. Grupo Ginástico Unicamp. Disponível em . Acesso em: 22 de junho de 2020.

GUIMARÃES, Cláudia Cristina Pacífico de Assis. Educação física escolar e a promoção da saúde: uma pesquisa participante. 2009. 164f. Dissertação (Mestrado em Educação Física). Universidade São Judas Tadeu, São Paulo, SP, 2009.

LIMA, Letícia Bartholomeu de Queiroz e colaboradores. A produção acadêmica em Ginástica na Pós-Graduação em Educação Física das Universidades estaduais de São Paulo. Revista brasileira ciência e movimento, v. 1, n. 24, p. 52-68, 2016.

MACIEL, Maria Augusta G. B.; VIEIRA-LAPEADE, José J. A ginástica rítmica enquanto prática esportiva educacional inclusiva na Vila Olímpica da Mangueira (2002-2013). EFDeportes.com, ano 19, n. 195, ago., 2014.

MATURANA, Humberto, REZEPKA, Sima N. Formação humana e capacitação. Petrópolis, SP: Vozes, 2000.

MARTÍN-BARBERO, Jesús. Dos meios às mediações. Rio de Janeiro: EdUFRJ, 1997.

MENEGALDO, Fernanda R. Ginástica para todos: por uma noção de coletividade. 2018. 160f. Dissertação (Mestrado em Educação Física. Universidade Estadual de Campinas, Campinas, SP, 2018.

MENEGALDO, Fernanda R.; BORTOLETO, Marco Antonio Coelho. Ginástica para todos: primeiras reflexões sobre uma prática coletiva. Revista da Alesde, v. 2, p. 300-312, 2019.

NOGUEIRA, Valdilene Aline e colaboradores. Práticas corporais e Paulo Freire: uma análise sobre a produção do conhecimento. Movimento, v. 24, n. 4, p. 1265-1280, out./ dez., 2018.

NOGUEIRA, Valdilene Aline e colaboradores. Inspirações freirianas e educação fisica escolar: a organização do currículo em uma comunidade de aprendizagem brasileira. Motrivivência, v. 31, n. 59, p. 1-17, jul./ set., 2019.

PADILHA, Paulo R. Planejamento dialógico: como construir o projeto político-pedagógico da escola. 3. ed. São Paulo: Cortez e Instituto Paulo Freire, 2002.

PAOLIELLO, Elizabeth e colaboradores. Grupo Ginástico Unicamp: 25 anos. Campinas, SP: Unicamp, 2014.

PATRICIO, Tamiris Lima. Panorama da ginástica para todos no Brasil: um estudo sobre a invisibilidade. 2016. 117f. Dissertação (Mestrado em Educação Física). Universidade Estadual de Campinas, Campinas, SP, 2016.

PÉREZ GALLARDO, Jorge Sérgio. Proposta de uma linha de ginástica para a educação física escolar. In: NISTA-PÍCCOLO, Vilma Lení (Org.). Educação física escolar: ser...ou não ter? Campinas, SP: Unicamp, 1993.

______. (Coord.). Educação física: contribuições à formação profissional. 2. ed. Ijuí, RS: Unijuí, 2004.

REZENDE, Carlos R. A. Ginástica Geral no Brasil – uma análise histórica. In: ENCONTRO DE GINÁSTICA GERAL, Campinas, 1996. Coletânea: textos e sínteses do I e II Encontro de Ginástica Geral. Campinas: Gráfica Central da Unicamp, 1996.

SARGI, Andrey Amorim e colaboradores. A ginástica para todos na formação profissional em Educação Física: contribuições a partir da extensão universitária. Corpoconsciência, v. 19, n. 3, p. 11-21, set./ dez., 2015.

SCHIAVON, Laurita Marconi; TOLEDO, Eliana de; AYOUB, Eliana. Por uma ginástica para toda a vida. In: GALATTI, Larissa Rafaela (Orgs.). Múltiplos cenários da prática esportiva: pedagogia do esporte. Campinas, SP/ Extremadura, Espanha: Unicamp/ Universidade de Extremadura, 2017.

SOUZA, Elizabeth Paoliello Machado. Ginástica geral: uma área do conhecimento da educação física. 1997. 163f. Tese (Doutorado em Educação Física). Universidade Estadual de Campinas, Campinas, SP, 1997.

SRAUSS, Anselm L.; CORBIN, Juliet M. Pesquisa qualitativa: técnicas e procedimentos para o desenvolvimento de teoria fundamentada. 2. ed. Porto Alegre, RS: Artmed, 2008.

TOLEDO, Eliana de. A ginástica geral como uma possibilidade de ensino da ginástica nas aulas de Educação Física. 1995. 51f. Monografia (Trabalho de Conclusão de Curso em Educação Física). Universidade Estadual de Campinas, Campinas, SP, 1995.

______. O papel da universidade para o desenvolvimento da ginástica geral no Brasil. In: AYOUB, Eliana; PAOLIELLO, Elizabeth (Edits.). Anais do III Fórum Internacional de Ginástica Geral. Campinas, SP: FEF/Unicamp; SESC/Campinas, 2005.

______. Aspectos pedagógicos do ensino da ginástica rítmica. In: NISTA-PICCOLO, Vilma Lení; TOLEDO, Eliana de. (Orgs.). Abordagens pedagógicas do esporte. Campinas, SP: Papirus, 2014.

TOLEDO, Eliana de; DESIDERIO, Andrea; SCHIAVON, Laurita Marconi. Ginástica e terceiro setor: possibilidades de alcance da cidadania. In: TOLEDO, Eliana; SILVA, Paula Cristina da Costa (Orgs.). Democratizando o ensino da ginástica: estudos e exemplos de sua implantação em diferentes contextos sociais. Várzea Paulista, SP: Fontoura, 2013.

UNICAMP – UNIVERSIDADE ESTADUAL DE CAMPINAS. Grupo de Pesquisa em Ginástica da FEF avança nas relações internacionais. Notícias. Comunidade Interna, 12, maio de 2017. Disponível em <https://www.unicamp.br/unicamp/noticias/2017/05/12/grupo-de-pesquisa-em-ginastica-da-fef-avanca-nas-relacoes-internacionais>. Acesso em: 2 de julho de 2020.

______. Paulo Freire dá nome ao prédio principal da Educação. Notícias. Atualidades, 28, maio de 2019. Disponível em <https://www.unicamp.br/unicamp/noticias/2019/05/28/paulo-freire-da-nome-ao-predio-principal-da-educacao>. Acesso em: 2 de julho de 2020.

VELARDI, Marília; TOLEDO, Eliana. Sport for all as a space for developing autonomy: an outlook based in the thoughts of educator Paulo Freire. In: European Sport for All Congress, 2th, 2008. Book of Abstracts... Barcelona, Spain: European Sport for All Congress Book, 2008.

Downloads

Publicado

2020-11-26

Como Citar

de Toledo, E. (2020). ESTUDOS E EXPERIÊNCIAS SOBRE A GINÁSTICA PARA TODOS E PAULO FREIRE . Corpoconsciência, 24(3), 47-62. Recuperado de https://periodicoscientificos.ufmt.br/ojs/index.php/corpoconsciencia/article/view/10984