GÊNERO E EDUCAÇÃO FÍSICA ESCOLAR

REFLEXÕES A PARTIR DA APLICAÇÃO DO MODELO DO SPORT EDUCATION

Autores

  • Aluízio Henrique Rocha Pires Universidade Estadual Paulista
  • Rafael Soares Bufalo Universidade Estadual Paulista
  • Thomás Augusto Parente Universidade Estadual Paulista
  • Fernanda Moreto Impolcetto Universidade Estadual Paulista

DOI:

10.51283/rc.v26i2.14063

Palavras-chave:

Educação Física Escolar, Pedagogia do Esporte, Sport Education, Gênero

Resumo

O objetivo deste estudo foi analisar como o modelo do Sport Education influenciou as questões de gênero presentes em aulas de Educação Física Escolar no Ensino Médio. Os dados foram produzidos por meio de um projeto de extensão vinculado à Universidade Estadual Paulista desenvolvido em uma escola do interior do Estado de São Paulo. A análise foi realizada por meio da técnica categorias de codificação, da qual emergiram duas categorias principais: a) o projeto de Educação Esportiva; e b) Educação Física escolar e gênero. Ambas procuram discutir sobre como o Sport Education na Educação Física Escolar, a partir dos seus princípios, pode auxiliar nas questões de gênero e buscar práticas coeducativas, apesar de ainda surgirem problemas em relação a temática. Concluiu-se que há estereótipos de gênero que se refletem nas aulas de Educação Física Escolar e, por meio do Sport Education, puderam ser discutidos com os estudantes na busca pela superação dos mesmos.

Referências

ALTMANN, Helena; AYOUB, Eliana; AMARAL, Silvia Cristina Franco. Gênero na prática docente em educação física: “meninas não gostam de suar, meninos são habilidosos ao jogar”? Estudos feministas, v. 19, n. 2, p. 491-501, 2011.

BALBINO, Marcela Albertini; CARDOSO, Priscila Carla; FONSECA, Débora Cristina. Violências de gênero, sexualidade e educação física escolar: como essa questão social vem sendo tratada no contexto escolar. Revista brasileira de educação física e esporte, v. 35, n. esp., p. 63-70, 2021.

BARBOUR, Rosaline. Grupos focais. Porto Alegre, RS: ARTMED, 2009.

BOGDAN, Robert; BIKLEN, Sari. Investigação qualitativa em educação. Porto, Portugal: Porto Editora, 1994.

BRANDOLIN, Fábio; KOSLINSKI, Mariane Campelo; SOARES, Antônio Jorge Gonçalves. A percepção dos alunos sobre a educação física no ensino médio. Revista da educação física, v. 26, n. 4, p. 601-610, 2015.

BRASIL. Base Nacional Comum Curricular. Brasília, DF: Ministério da Educação, 2018.

CAGLIARI, Mayara de Sena. Pedagogia do esporte e TIC: contribuições para o ensino do handebol na educação física escolar. 2018. 103f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Humano e Tecnologias). Universidade Estadual Paulista, Rio Claro, SP, 2018.

COSTA, Luciane Cristina Arantes da e colaboradores. O Sport Education Model como possibilidade formativa: uma experiência na formação inicial em Educação Física. Reaserch, society and development, v. 9, n. 8, p. 1-20, 2020.

COSTA, Maria Regina Ferreira; SILVA, Rogério Goulart da. A educação física e a co-educação: igualdade ou diferença? Revista brasileira de ciência do esporte, v. 23, n. 2, p. 43-54, 2002.

EVANGELIO, Carlos e colaboradores. The sport education model in elementary and secondary education: a systematic review. Movimento, v. 24, n. 3, p. 931-946, 2018.

FARIAS, Alison Nascimento; IMPOLCETTO, Fernanda Moreto; BENITES, Larissa Cerignoni. A análise de dados qualitativos em um estudo sobre educação física escolar: o processo de codificação e categorização. Pensar a prática, v. 23, e57323, p.1-20, 2020.

GALATTI, Larissa Rafaela e colaboradores. Pedagogia do esporte: tensão na ciência e o ensino dos jogos esportivos coletivos. Revista da educação física, v. 25, n. 1, p. 153-162, 2014.

GIL-ARIAS, Alexander e colaboradores. A hybrid tgfu/se volleyball teaching unit for enhancing motivation in physical education: a mixed-method approach. International journal of environmental research and public health, v. 18, n. 110, p. 1-20, 2021a.

GIL-ARIAS, Alexander e colaboradores. Effect of a hybrid teaching games for understanding/sport education unit on elementary students’ self-determined motivation in physical education. European physical education review, v. 27, n. 2, p. 366-383, 2021b.

GINCIENE, Guy; MATTHIESEN, Sara Quenzer. O modelo do Sport Education no ensino do atletismo na escola. Movimento, v. 23, n. 2, p. 729-742, 2017.

GONÇALVES, Carlos E.; SILVA, Manuel José Coelho E.; CRUZ, Jaume. Efeito do gênero, contexto de prática e tipo de modalidade desportiva sobre os valores no desporto de jovens. Boletim da sociedade portuguesa de educação física, p. 71–83, 2007.

GONZÁLEZ, Fernando Jaime. O ensino dos esportes. In: GONZÁLEZ, Fernando Jaime; DARIDO, Suraya Cristina; OLIVEIRA, Amauri Aparecido Bássoli de. Esportes de marca e com rede divisório ou muro/parede de rebote. 2. ed. Maringá, PR: Eduem, 2017.

GRAÇA, Armândio; MESQUITA, Isabel. A investigação sobre os modelos de ensino dos jogos desportivos. Revista portuguesa de ciências do desporto, v. 7, n. 3, p. 401-421, 2007.

JACO, Juliana Fagundes; ALTMANN, Helena. Significados e expectativas de gênero: olhares sobre a participação nas aulas de educação física. Educação em foco, v. 22, n. 1, p. 1-26, 2017.

JACOBY, Lara Félix; GOELLNER, Silvana Vilodre. Educação física e questões de gênero: motivos para a escolha de modalidades esportivas por estudantes do ensino médio de uma escola militar. Motrivivência, v. 32, n. 62, p. 1-19, 2020.

LANG, Affonso Manoel Righi; GONZÁLEZ, Fernando Jaime. Ressignificando o ensino dos esportes de invasão: um relato de experiência com o modelo Sport Education e a utilização das TIC. In: CESAR, Denise Jovê; PONTES, Carlos José Farias; SILVA, Francisco Carlos da (Orgs.). Pesquisas no ensino básico, técnico e tecnológico: interdisciplinaridades. Rio Branco, AC: Stricto Sensu, 2020.

LEONARDI, Tiago José e colaboradores. Referenciais da pedagogia do esporte e as dimensões dos conteúdos: interfaces teóricas e aplicadas. Pensar a prática, v. 24, e68983, p. 1-22, 2021.

LOPES, Fabiano Schulz; CARLAN, Paulo. O ensino do futsal escolar a partir do Sport Education Model. Motricidades, v. 4, n. 2, p. 127-141, 2020.

LUCCA, Mateus Henrique Servilha de; IMPOLCETTO, Fernanda Moreto; GINCIENE, Guy. Possibilities for teaching the technical conceptual knowledge of handball in a didactic unit based on Sport Education. Retos, v. 44, p. 395-404, 2022.

LUDKE, Menga; ANDRÉ, Marli Eliza Dalmazo Afonso de. Pesquisa em educação: abordagens qualitativas. Rio de Janeiro: LTC, 2013.

MARIANO, Gabriela Suffin; MIRANDA, José Luiz Aparecido; METZNER, Andreia Cristina. Fatores que levam ao desinteresse dos alunos do ensino médio em participar das aulas de educação física. Revista Educação Física UNIFAFIBE, v. 5, p. 7-18, 2017.

MARIMON, Tzusy Estivalet de Mello; ROMÃO, José Eustáquio. Educação física e relações de gênero. Cadernos de pós-graduação - educação, v. 8, p. 13-25, 2009.

MARTINS, Mariane Zuaneti; SILVA, Bruna Saurin. Incorporar meninas nas aulas de esporte: pensando possíveis articulações entre os estudos de gênero e a pedagogia do esporte. Pensar a prática, v. 23, e59259, p. 1-23, 2020.

PEREIRA, Beatriz de Souza. Sport Education no ensino médio: análise de conduta nas aulas de educação física escolar. 2021. 54f. Trabalho de Conclusão de Curso (Licenciatura em Educação Física). Universidade Estadual Paulista, Rio Claro, SP, 2021.

PRADO, Vagner Matias do; ALTMANN, Helena; RIBEIRO, Arilda Ines Miranda. Condutas naturalizadas na Educação Física: uma questão de gênero? Currículo sem fronteiras, v. 16, n. 1, p. 59-77, 2016.

PRADO, Vagner Matias do; RIBEIRO, Arilda Ines Miranda. Gêneros, sexualidades e Educação Física escolar: um início de conversa. Motriz, v. 16, n. 2, p. 402-413, 2010.

SANTOS, Paulo Sérgio Moreira dos; HIROTA, Vinícius Barroso. Futsal na educação física escolar: a participação das meninas. Educacíon física y deportes, v. 17, n. 167, 2012.

SIEDENTOP, Daryl. The Sport Education Model. In: SIEDENTOP, Daryl. Sport Education: quality PE through positive sport experiences. Champaign, USA: Human Kinects, 1994.

SILVA, Paula; GOMES, Maria Paula Brandão Botelho; GOELLNER, Silvana Vilodre. As relações de género no espaço da educação física: a percepção de alunos e alunas. Revista portuguesa de ciências do desporto, v. 8, n. 3, p. 396-405, 2008.

SOUZA, Hadamo Fernandes de; COSTA, Jonatas Maia da. A exclusão (normativa) em aulas de Educação Física: enfrentando a indisciplina por meio do modelo de ensino Sport Education. Motrivivência, v. 32, n. 63, p. 1-21, 2020.

SOUZA JÚNIOR, Osmar Moreira de. Gênero, Educação física escolar e pedagogia do esporte: construindo processos educativos empoderadores. In: WENETZ, Ileana; ATHAYDE, Pedro; LARA, Larissa. Gênero e sexualidade no esporte e na educação física. Natal, RN: EDUFRN, 2020.

THOMAS, Jerry; NELSON, Jack; SILVERMAN, Stephen. Métodos de pesquisa em atividade física. 6. ed. Porto Alegre, RS: Artmed, 2012.

VARGAS, Tairone Girardon e colaboradores. A experiência do Sport Education nas aulas de educação física: utilizando o modelo de ensino em uma unidade didática de futsal. Movimento, v. 24, n. 3, p. 735-748, 2018.

VIANNA, José Antonio; SOUZA, Silvana Márcia de; REIS, Katarina Pereira dos. Bullying nas aulas de educação física: a percepção dos alunos no Ensino Médio. Ensaio: avaliação e políticas públicas em educação, v. 23, n. 86, p. 73-93, 2015.

Downloads

Publicado

2022-08-03

Como Citar

Pires, A. H. R. ., Bufalo, R. S. ., Parente, T. A., & Impolcetto, F. M. . (2022). GÊNERO E EDUCAÇÃO FÍSICA ESCOLAR: REFLEXÕES A PARTIR DA APLICAÇÃO DO MODELO DO SPORT EDUCATION. Corpoconsciência, 26(2), 149-164. https://doi.org/10.51283/rc.v26i2.14063

Edição

Seção

Seção Temática - PEDAGOGIA DO ESPORTE: DESAFIOS E TEMAS EMERGENTES

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)