REMUNERAÇÃO DE EXECUTIVOS: Uma análise da produção científica internacional de 2006 a 2015

Roberto Francisco de Souza, Ivan Rafael Defaveri, Delci Grapegia Dal Vesco

Resumo


Esta pesquisa aborda a produção cientifica sobre remuneração executiva no período de 2006 a 2015. Tem como objetivo investigar a produção científica permanente sobre remuneração de executivos, disponíveis na base de dados internacional Scopus. Para o estudo e para a interpretação dos dados, utilizou-se a análise de conteúdo fundamentada em Bardin. Foram analisados os títulos de 571 artigos, considerando o termo “executive compensation”. Verificou-se que o tema é frequentemente discutido no cenário internacional. Há concentração de pesquisas em países desenvolvidos, destacando-se os EUA, UK, e em desenvolvimento, com destaque para a China. A literatura de governança corporativa é a mais recorrente nas pesquisas relacionadas a remuneração de executivos, seguida pela literatura de desempenho e teoria da agência. Predomina a metodologia quantitativa com o uso de técnicas estatísticas e modelagem econométrica.

   

Palavras-chave


: Remuneração de Executivos; Sistemas de Incentivo; Bibliometria

Texto completo:

PDF HTML

Referências


ACEDO, F. J.; CASILLAS, J. C. Current paradigms in the international management field: An author co-citation analysis. International Business Review, v. 14, n. 5, p. 619-639, 2005.

ANTHONY, R. N.; GOVINDARAJAN, V. Sistemas de controle gerencial. 4. ed. São Paulo: Atlas, 2006.

ARAÚJO, C. AA. Bibliometria: evolução histórica e questões atuais. Em questão, v. 12, n. 1, p. 11-32, 2006.

BARDIN, L.. Análise de conteúdo.(1991). Lisboa: Edições, v. 70, n. 3, 2000.

BARDIN, L. Análise de conteúdo. São Paulo: Edições Setenta, 2011.

BARKEMA, H. G.; GOMEZ-MEJIA, L. R. Managerial Gompensation and Firm Performance: A General Research Framework. Academy of Management journal, v. 41, n. 2, p. 135-145, 1998.

BOGAERT, J.; ROUSSEAU, R.; VAN HECKE, Piet. Percolation as a model for informetric distributions: fragment size distribution characterised by Bradford curves. Scientometrics, v. 47, n. 2, p. 195-206, 2000.

BOUWENS, J.; LENT, L. Performance measure properties and the effect of incentive contracts. Journal of Management Accounting Research, v. 18, n. 1, p. 55-75, 2006.

BRADFORD, S. C. Sources of information on specific subjects. Engineering, 137(3550), p. 85-86, 1934

CONYON, M. J. Executive compensation and incentives. The Academy of Management Perspectives, v. 20, n. 1, p. 25-44, 2006.

DUTRA, J. S. Gestão de pessoas: modelo, processos, tendências e perspectivas. São Paulo:

Atlas, 2002.

EGGHE, L. Zipfian and lotkaian continuous concentration theory. Journal of the American Society for Information Science and Technology, v. 56, n. 9, p. 935-945, 2005.

GUEDES, V. LS. ; BORSCHIVER, S. Bibliometria: uma ferramenta estatística para a gestão da informação e do conhecimento, em sistemas de informação, de comunicação e de avaliação científica e tecnológica. Encontro Nacional de Ciência da Informação, v. 6, n. 1, p. 1-18, 2005.

HANASHIRO, D. M. M. et al (Org.). Gestão do fator humano: uma visão baseada em

stakeholders. 2. ed. São Paulo: Saraiva, 2008.

HOLGADO-SILVA, H. C. et al. Bibliometria em estudos organizacionais: o perfil das produções em ecologia das organizações. Gestão e Sociedade, v. 12, n. 31, p. 2042-2066, 2018.

JENSEN, M.C.; MURPHY, K.J. Performance pay and top-management incentives. The

Journal of Political Economy, v. 98, n. 2, p. 225-264, Apr. 1990

JUNIOR, C. M. et al. As leis da bibliometria em diferentes bases de dados científicos. Revista de Ciências da Administração, v. 18, n. 44, p. 111-123, 2016.

KRAUTER, E.. Contribuição do sistema de remuneração de executivos para o desempenho financeiro: um estudo em empresas industriais brasileiras. Tese de Doutorado. Universidade de São Paulo. 2009.

KRAUTER, E. Remuneração de Executivos e Desempenho Financeiro: um Estudo com Empresas Brasileiras. Revista de Educação e Pesquisa em Contabilidade. v. 7, n. 3, art. 3, p. 259-273, jul./set. 2013

LOTKA, A. J. The frequency distribution of scientific productivity. Journal of the Washington academy of sciences, v. 16, n. 12, p. 317-323, 1926.

MACIAS-CHAPULA, C. A.; O papel da informetria e da cienciometria e sua perspectiva nacional e internacional. Revista Ciência da Informação, Brasília, DF, v. 27, n. 2, p. 134-140, 1998.

MURPHY, K. J. Executive compensation. Handbook of labor economics, v. 3, p. 2485-2563, 1999.

MILKOVICH, G. T.; BOUDREAU, J. W. Administração de recursos humanos. São Paulo:

Atlas, 2000.

OLIVA, E. C.; ALBUQUERQUE, L. G. Sistema de remuneração de executivos e conselheiros como suporte à estrutura de governança corporativa. BASE - Revista de Administração e Contabilidade da UNISINOS, v. 4, n. 1, p. 61-73, 2007.

PRITCHARD, A. Statistical bibliography or bibliometrics? Journal of Documentation, [S.l.], v. 25, n. 4, p. 348-349, 1969.

RIBEIRO, H. C. M. et al. Cocriação de valor: uma bibliometria de 2000 a 2014. Revista Eletrônica de Estratégia & Negócios, v. 9, n. 1, p. 118-151, 2016.

RODRIGUES, D. G. N. A diversidade no Conselho de Administração e a utilização de sistemas de incentivos. 2014. Tese de Doutorado. Instituto Superior de Economia e Gestão.

SILVA, J. O.. BEUREN, I. M. Evidenciação da remuneração variável dos executivos nas maiores empresas brasileiras listadas na Bovespa. Enfoque: Reflexão Contábil. v. 34, p. 95-124, 2015.

SOUZA, R. F. et al. Sistemas de Incentivos e Remuneração de Executivos: Uma Análise da Produção Científica Brasileira. In: X Congresso Anpcont. 2016.

XAVIER, P. R. et al. Remuneração variável: quando os resultados falam mais alto. São Paulo: Makon, 1999.




DOI: https://doi.org/10.30781/repad.v4i2.10331

Apontamentos

  • Não há apontamentos.

Comentários sobre o artigo

Visualizar todos os comentários
 |  Incluir comentário

Direitos autorais 2020 Roberto Francisco de Souza, Ivan Rafael Defaveri, Delci Grapegia Dal Vesco

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

Revista Estudos e Pesquisas em Administração - Repad

ISSN 2594-7559

Qualis/Capes (2017-2020): Estrato B4

Universidade Federal de Mato Grosso

Campus Universitário de Rondonópolis, Mato Grosso, Brasil

Curso de Administração