A militância de Florestan Fernandes em defesa da escola pública brasileira (1954 – 1964)

Autores

DOI:

10.29286/rep.v29ijan/dez.8517

Palavras-chave:

História da Educação, Florestan Fernandes, intelectual

Resumo

Temos por objetivo analisar a participação de Florestan Fernandes na Campanha em Defesa da Escola Pública (1960). Do estudo, compreendemos que a luta pela superação dos dilemas educacionais conferiu unidade à atuação de Florestan Fernandes dentro e fora do espaço acadêmico e coerência entre sua visão de mundo e ação intelectual. Momento em que o sociólogo aliou sua formação intelectual à persuasão, para conscientizar e convocar os cidadãos a transformar a realidade. Isso nos levou a defender que os escritos educacionais se fazem centrais para entender Florestan Fernandes como intelectual.

Biografia do Autor

Mario Borges NETTO, Universidade Federal de Uberlândia (UFU)

Professor do Instituto de Ciências Humanas do Pontal (ICHPO) da Universidade Federal de Uberlândia (UFU).

Doutor em Educação pela Universidade Estadual de Maringá – UEM. Professor do Instituto de Ciências Humanas do Pontal, da Universidade Federal de Uberlândia – ICHPO/UFU. Líder do Grupo de Estudos e Pesquisas História da Educação e Marxismo (HISTEDBR). E-mail: mario.netto@ufu.br

Maria Cristina Gomes MACHADO, Universidade Estadual de Maringá (UEM).

Doutora em Filosofia e História da Educação pela Universidade Estadual de Campinas – UNICAMP. Bolsista produtividade em pesquisa do CNPq. Professora do Departamento de Fundamentos da Educação e do Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Estadual de Maringá – UEM. Líder do Grupo de Estudos e Pesquisas História da Educação, Intelectuais e Instituições Escolares (HISTEDBR/GT Maringá). E-mail: mcgmachado@uem.br

Referências

BUFFA, E. Ideologias em conflito: escola pública e escola privada. São Paulo: Cortez & Moraes, 1979. (Coleção educação universitária).

FERNANDES, F. A condição de sociólogo. São Paulo: HUCITEC, 1978.

FERNANDES, F. A contestação necessária: retratos intelectuais de inconformistas e revolucionários. 2 ed. São Paulo: Expressão Popular, 2015.

FERNANDES, F. A democratização do ensino. In: BARROS, R. S. M. de (Org.). Diretrizes e bases da educação nacional. São Paulo: Pioneira, 1960a.

FERNANDES, F. A sociologia numa era de revolução social. São Paulo: Editora Nacional, 1963.

FERNANDES, F. Capitalismo dependente e classes sociais na América Latina. 4ª ed. rev. São Paulo: Global, 2009.

FERNANDES, F. Educação e sociedade no Brasil. São Paulo: Dominus, 1966.

FERNANDES, F. Em defesa da escola pública. In: BARROS, R. S. M. de (Org.). Diretrizes e bases da educação nacional. São Paulo: Pioneira, 1960b.

FERNANDES, F. Ensaios de Sociologia Geral e Aplicada. 2ª ed. São Paulo: Pioneira, 1971.

FERNANDES, F. Florestan Fernandes, história e histórias. In: COHN, A. (Org.). Florestan Fernandes. Rio de Janeiro: Beco do Azougue, 2008a. (Encontros).

FERNANDES, F. Mudanças sociais no Brasil. 4ª ed. São Paulo: Global, 2008a.

FERNANDES, F. Objetivos da Campanha em Defesa da Escola Pública. In: BARROS, R. S. M. de (Org.). Diretrizes e bases da educação nacional. São Paulo: Pioneira, 1960c.

FREITAG, B. Democratização, universidade, revolução. In. D’INCAO, M. A. (Org.). O saber militante: ensaios sobre Florestan Fernandes. Rio de Janeiro: Paz e Terra; São Paulo: EdUnesp, 1987.

FREITAG, B. Florestan Fernandes por ele mesmo. Estudos Avançados. vol. 10, n°. 26. São Paulo, jan./abr. 1996.

GRAMSCI, A. Quaderni del carcere – Edizione critica dell’Istituto Gramsci. A cura di Valentino Gerratana. Turim: Einaudi, 2007, 4 vols.

SANFELICE, J. L. Florestan Fernandes: um intelectual da educação. Revista HISTEDBR On-line, Campinas, nº56, p.252-265, mai. 2014.

SAVIANI, D. Ensino Público e algumas falas sobre universidade. 5. ed., São Paulo: Cortez: Autores Associado, 1991.

SAVIANI, D. Florestan Fernandes e a educação. Estudos Avançados, São Paulo, v.10, n.26, p.71-87, jan.-abr. 1996.

TEIXEIRA, A. Educação não é privilégio. Rio de Janeiro: José Olympio, 1957.

Downloads

Publicado

2020-03-02

Como Citar

NETTO, M. B., & MACHADO, M. C. G. (2020). A militância de Florestan Fernandes em defesa da escola pública brasileira (1954 – 1964). Revista De Educação Pública, 29(jan/dez). https://doi.org/10.29286/rep.v29ijan/dez.8517