O PIBID de Educação Física da UEM-PR: uma reflexão com a prática escolar

Autores

DOI:

10.29286/rep.v29ijan/dez.8447

Palavras-chave:

Educação Física Escolar, Prática de Ensino, Formação de Professores

Resumo

Este artigo busca analisar a prática escolar na proposta de ensino do PIBID Educação Física da UEM-PR (2014-2017). Esta pesquisa documental analisou os planos de aula objetivados pelos Pibidianos para o 8º ano de uma escola pública estadual na cidade de Maringá-PR, por meio da técnica de interpretação hermenêutica-dialética. Concluiu-se que os pressupostos teóricos norteadores da prática escolar contribuíram com a formação inicial dos Pibidianos, na medida em que possibilitaram aproximar a teoria da prática escolar objetivada numa Perspectiva Crítico-Superadora, fundamentada na tendência Pedagógica Histórico-Crítica e na concepção de desenvolvimento humano da Teoria Histórico-Cultural.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Bruno Nicolau Cerine da CRUZ, Universidade Estadual de Maringá

Possui graduação em Educação Física pela Universidade Estadual de Maringá.  Atualmente participa do Grupo de Estudos e Pesquisas em Educação, Políticas e Práticas Pedagógicas da Cultura Corporal, realizando estudos sobre a Teoria Histórico-Cultural, sua relação com o ensino, aprendizagem e desenvolvimento humano e as propostas político-educacionais nesta perspectiva; desenvolvendo atividades para a formação esportiva e esporte de rendimento nas modalidades Badminton e Parabadminton.

Carlos Henrique Ferreira MAGALHÃES, Universidade Estadual de Maringá

Possui Doutorado em Educação pela Universidade Federal de São Carlos (2009). Atualmente é Professor Associado da Universidade Estadual de Maringá-PR. Tem experiência na área de Educação Física Escolar e Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: trabalho docente; educação e trabalho, economia-política e Estética.

Gabriel Ferezin CAMARGO, Universidade Estadual de Maringá

Mestrando no Programa de Pós Graduação em Educação (PPE-UEM).
Possui graduação em Educação Física pela Universidade Estadual de Maringá(2017) e ensino-medio-segundo-grau pelo Colégio Objetivo Noroeste(2009). Tem experiência na área de Educação Física

Referências

BATISTA, A. M. A.; MAGALHÃES, C. H. F. A prática escolar do Badminton no PIBID de Educação Física da Universidade Estadual de Maringá. In: 1º Congresso Pedagogia Histórico-Crítica: educação e desenvolvimento humano, 2015, Bauru. Anais [...]. São Paulo: Faculdade de Ciências, 2016. p. 540-547.

CAPES, Ministério da Educação. Pibid – Programa Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência. Portaria n. 96, de 18 de julho de 2013. Disponível em: https://www.capes.gov.br/images/stories/download/legislacao/Portaria_096_18jul13_AprovaRegulamentoPIBID.pdf. Acesso em: 12 mar. 2019.

CRUZ, B. N. C; SILVA, G. C. R; MAGALHÃES, C. H. F. A objetivação da prática escolar do PIBID de Educação Física em uma escola pública do interior do Paraná. Rev. Bras. de Iniciação Científica (RBIC), Itapetininga, v. 5, n. 4, p. 18-32, jul./set., 2018.

CRUZ, B. N. C. O Futsal na perspectiva da Teoria Histórico-Cultural: possibilidades pedagógicas e político-educativas. 2018. 73 f. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação) - Universidade Estadual de Maringá, Paraná, 2018. Disponível em https://drive.google.com/drive/folders/1Lyck5OTjhI3nLVQeddep2y9GWl5xFmTB. Acesso em: 15 jan. 2019.

DUARTE, N. A Individualidade Para-Si: contribuição a uma teoria histórico-social da formação do indivíduo. 2. Ed. Campinas, SP: Autores Associados, 1999.

ENGELS, F. A origem da família, da propriedade privada e do Estado. 9ª ed. Civilização brasileira. 1984. Tradução de Leandro Konder. 9. ed. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1984. Coleção: Perspectivas do Homem, v. 99.

ENGELS, F. Sobre o papel do trabalho na transformação do macaco em homem. 1876. Disponível em: https://pcb.org.br/portal/docs/opapeldotrabalho.pdf. Acesso em: 01 set. 2017.

MAGALHÃES, C. H. F. A necessidade de financiar o PIBID. In: MARTINS, J. A; ZAPPONE, M. H. Y. (org.). Formação docente: percursos e reflexões a partir do PIBID-UEM. Maringá: Eduem, 2018. p. 69-84.

GALUCH, M. T. B; SFORNI, M. S. F. Aprendizagem conceitual e apropriação da linguagem escrita: contribuições da teoria histórico-cultural. Est. Aval. Educ., São Paulo, v. 20, n. 42, p. 111-124, jan./abr. 2009.

LAVOURA, T. N.; SILVA, A. L. B; CARVALHO, M. J. F; PEREIRA, C. R.; LOPES, A.V. O pibid e a formação de professores: contribuições da pedagogia histórico-crítica para uma formação plena de conteúdos. In: 1º Congresso Pedagogia Histórico-Crítica: educação e desenvolvimento humano. 2015, Bauru. Anais [...]. São Paulo: Faculdade de Ciências, 2016. p. 1094-1103.

LEONTIEV, A. O Desenvolvimento do Psiquismo. Tradução de Rubens Eduardo Frias. 2. Ed. São Paulo: Centauro, 2004. 353 p.

LURIA, A. R. Atenção e memória (Curso de Psicologia Geral). Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1991b. v. III. Disponível em: https://www.passeidireto.com/arquivo/2112047/a-r-luria-curso-de-psicologia-geral-vol-3. Acesso em: 11 jan. 2019.

MARTINS, L. M. O Desenvolvimento do Psiquismo e a Educação Escolar: contribuições à luz da psicologia histórico cultural e da pedagogia histórico-crítica. 2011. 248 p. (Tese Livre-Docente) - Departamento de Psicologia, Universidade Estadual Paulista, Bauru, SP, 2011.

MARTINS, L. M.; RABATINI, V. G. A Concepção de Cultura em Vigotski: contribuições para a educação escolar. Psicologia Política, v. 11, n. 22, p. 345-358, jul./dez. 2011. Disponível em: http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1519-549X2011000200011. Acesso em: 3 fev. 2018.

MARTINS, J. A.; ZAPPONE, M. H. Y. Formação docente: percursos e reflexões a partir do PIBID-UEM. Maringá: Eduem, 2018. 255 p.

MINAYO, M. C. S. O desafio do conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde. São Paulo: Hucitec; Rio de Janeiro: Abresco, 1998.

MODESTO, N. L.; CREPALDI, J. V. S.; MAGALHÃES, C. H. F. PIBID no Ensino Médio: uma prática escolar desenvolvida sob a perspectiva da problematização. Arquivos em Movimento, v. 13, n. 2, p. 46-55, jul./dez. 2017. Disponível em: https://revistas.ufrj.br/index.php/am/article/view/12299. Acesso em: 5 jan. 2019.

MOTA, J. F.; OLIVEIRA, G. S.; REIS, S. V.; SOUZA, A. C. B. Possibilidades metodológicas para ensino da Educação Física à luz da Pedagogia Histórico-Crítica e da Cultura Corporal: experiências do Programa de Incentivo à Docência na Educação Básica-PIBID/UFPA. In: 1º Congresso Pedagogia Histórico-Crítica: educação e desenvolvimento humano, 2015, Bauru. Anais [...]. São Paulo: Faculdade de Ciências, 2016. p. 472-481.

PARANÁ, Secretaria de Educação. Diretrizes Curriculares da Educação Básica: Educação Física. Disponível em: http://www.educadores.diaadia.pr.gov.br/arquivos/File/diretrizes/dce_edf.pdf. Acesso em: 10 ago. 2018.

RIBEIRO, D. M. et al. Formação de Professores no Paraná: o Pibid em foco. Porto Alegre: Unioeste, 2014.

SAVIANI, D. Escola e Democracia. Edição Comemorativa. Campinas: Autores Associados, 2008.

SAVIANI, D. Pedagogia histórico-crítica: primeiras aproximações. 11. ed. Campinas: Autores Associados, 2012.

SILVA JÚNIOR, J. R.; FERRETTI, C. J. O Institucional e a cultura da escola. São Paulo: Xamã, 2004.

SOARES, L. S; TAFFAREL, C. N. Z; VARJAL, E; FILHO, L.C; ESCOBAR, M. O; BRACHT, V. Metodologia do Ensino de Educação Física. 2. ed. São Paulo: Cortez, 2012.

VYGOTSKY, L. S. (1931). Historia del desarrollo de las funciones psíquicas superiores. Obras Escogidas. Tomo III. Disponível em:

https://www.google.com.br/url?sa=t&rct=j&q=&esrc=s&source=web&cd=1&cad=rja&uact=8&ved=0ahUKEwiUvvrBktfWAhVChJAKHfpXAl0QFggnMAA&url=https%3A%2F%2Fedisciplinas.usp.br%2Fpluginfile.php%2F289941%2Fmod_folder%2Fcontent%2F...%2FTomo%25203.pdf%3F...&usg=AOvVaw3_kW_S5OJfd80nkDBfpiTB. Acesso em: 10 dez. 2018.

Downloads

Publicado

2020-03-02

Como Citar

CERINE DA CRUZ, B. N.; FERREIRA MAGALHÃES, C. H.; CAMARGO, G. F. O PIBID de Educação Física da UEM-PR: uma reflexão com a prática escolar. Revista de Educação Pública, [S. l.], v. 29, n. jan/dez, 2020. DOI: 10.29286/rep.v29ijan/dez.8447. Disponível em: https://periodicoscientificos.ufmt.br/ojs/index.php/educacaopublica/article/view/8447. Acesso em: 7 mar. 2021.