CHARACTERIZATION OF BIOMASS SORGHUM CULTIVARS AIMING TO GENERATE ENERGY FOR THE NORTH REGION OF MATO GROSSO, BRAZIL

Autores

  • André Luiz da Silva dedeh.luiz@gmail.com
    Universidade Federal de Mato Grosso - Campus Sinop
  • Flavio Dessaune Tardin flavio.tardin@embrapa.br
    Embrapa Milho e Sorgo
  • Gheorges Wilians Rotta gheorges.rotta@fiagril.com.br
    Fiagril
  • Aisy Botega Baldoni aisy.baldoni@embrapa.br
    Embrapa Agrossilvipastoril
  • Marco Antonio Aparecido Barelli mbarelli@unemat.br
    Universidade do Estado de Mato Grosso - Campus Cáceres
  • Alexandre Ferreira da Silva alexandre.ferreira@embrapa.br
    Embrapa Milho e Sorgo
  • Daiane Rubia Gonçalves daiane_rubia@hotmail.com
    Fiagril
  • Fabio Barros fabaum17_@hotmail.com
    Embrapa e Milho e Sorgo
  • Jackson Roberto Dias Ribeiro jacksonrdr@msn.com
    Mestrando em Agricultura Tropical - UFES
  • Rafael Augusto da Costa Parrella rafael.parrella@embrapa.br
    Embrapa Milho e Sorgo

DOI:

10.31413/nativa.v4i3.3304

Resumo

CARACTERIZAÇÃO DE CULTIVARES DE SORGO BIOMASSA VISANDO A GERAÇÃO DE ENERGIA PARA A REGIÃO NORTE DE MATO GROSSO

O sorgo biomassa possui elevada produção de biomassa lignocelulósica, surgindo como alternativa de cultivo visando produção de energia renovável. O objetivo deste trabalho foi caracterizar cultivares de sorgo biomassa visando a geração de energia para região Norte de MT. Para tal, implantou-se em 04/12/2014, em Sinop-MT, um experimento no delineamento em blocos casualizados, com três repetições, composto por 36 genótipos de sorgo (34 biomassas e 2 forrageiros). As características avaliadas foram: florescimento, altura de plantas, acamamento, população de plantas, produção de massa verde, produção de massa seca, porcentagem de massa seca e umidade. Os dados foram submetidos a análise de variância e as médias dos genótipos foram agrupadas pelo teste de Scott-Knott. Os materiais forrageiros floresceram, em média, aos 77 dias, enquanto que os genótipos de biomassa floresceram dos 101 aos 130 dias. Enquanto o melhor genótipo forrageiro (Volumax) produziu 11,6 t de massa seca ha-1, 15 genótipos de sorgo biomassa produziram, em média, 24 t. Demonstrando estes serem os de maior interesse de cultivo na região de estudo. A matéria seca produzida pelos genótipos de sorgo biomassa associado a seu poder calorífico demonstram potencial da cultura para produção de energia renovável.

Palavras-chave: Sorghum bicolor, energia renovável, bioenergia.

 

ABSTRACT

Biomass sorghum has high lignocellulosic biomass production, emerging as a cultivation alternative for renewable energy production. The objective of this study was to characterize biomass sorghum cultivars aiming to generate energy for the north of Mato Grosso. To this end, an experiment in the randomized block design with three replications, consisting of 36 sorghum genotypes (34 biomass and two forage) was implanted in 12/04/2014 in Sinop/Mato Grosso. The evaluated characteristics were: flowering, plants height, lodged plants, finishing, plants population, green mass production, dry matter production, dry matter percentage and humidity. Data were subjected to analysis of variance, and the averages of the genotypes were grouped by the Scott-Knott test. Forage materials flourished on average after 77 days, whereas the biomass genotypes flourished from 101 to 130 days. While the best forage genotype (Volumax) produced 11.6 t ha-1 dry matter, 15 genotypes of sorghum biomass produced on average 24 t, each one. Demonstrating being a potential for cultivating in the region. The dry matter produced by biomass sorghum genotypes associated with its calorific has demonstrated the potential of culture for renewable energy production.

Keywords: Sorghum bicolor, renewable energy, bioenergy.

 

DOI: http://dx.doi.org/10.14583/2318-7670.v04n03a11

Biografia do Autor

André Luiz da Silva, Universidade Federal de Mato Grosso - Campus Sinop

Estagiário na Embrapa Milho e Sorgo.

Flavio Dessaune Tardin, Embrapa Milho e Sorgo

Pesquisador na Embrapa Milho e Sorgo.

Gheorges Wilians Rotta, Fiagril

Gerente de Sustentabilidade na Fiagril.

Aisy Botega Baldoni, Embrapa Agrossilvipastoril

Pesquisadora na Embrapa Agrossilvipastoril.

Marco Antonio Aparecido Barelli, Universidade do Estado de Mato Grosso - Campus Cáceres

Professor Doutor, Departamento de Agronomia, Unemat campus Cáceres.

Alexandre Ferreira da Silva, Embrapa Milho e Sorgo

Pesquisador na Embrapa Milho e Sorgo.

Daiane Rubia Gonçalves, Fiagril

Analista Ambiental na Fiagril.

Fabio Barros, Embrapa e Milho e Sorgo

Estagiário Embrapa Milho e Sorgo.

Jackson Roberto Dias Ribeiro, Mestrando em Agricultura Tropical - UFES

Programa de Pós Graduação em Agricultura Tropical-UFES.

Rafael Augusto da Costa Parrella, Embrapa Milho e Sorgo

Pesquisador na Embrapara Milho e Sorgo. Líder do Programa.

Referências

CONAB. Companhia Nacional de Abastecimento. A geração termelétrica com a queima do bagaço de cana-de-açúcar no

Brasil: análise do desempenho da safra 2009-2010. Brasília, 2011. 157 p.

CRUZ, C.D. Programa GENES - aplicativo computacional em genética e estatística. Viçosa: UFV, 2009. Disponível em:<http://www.ufv.br/dbg/genes/genes.htm>. Acesso em: 14 jul. 2015.

MOURA, L. M; OLIVEIRA, I. C. M; SILVA, K. J; DUARTE, D. D; SILVA, R. A; PARELLA, R. A. C; OLIVEIRA, N. A; DURÃES, N. N. L. Caracterização de Híbridos de Sorgo Biomassa. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE MELHORAMENTO DE PLANTAS, 8, 2015, Goiânia. Anais... Viçosa: Sociedade Brasileira de Melhoramento de Plantas, 2015.

PARELLA, R. A. C. Desempenho agronômico de híbridos de sorgo biomassa. Brasília: EMBRAPA/CNPMS-MG, 2011. 19 p. (Boletim de Pesquisa e Desenvolvimento,41).

PARRELLA, R. A. C. Cultivares. In: MAY, A.; SILVA, D. D.; SANTOS, F.C. Cultivo do sorgo biomassa para cogeração de energia elétrica. Sete Lagoas: Embrapa Milho e Sorgo, 2013. 65 p. (EMBRAPA/CNPMS-MG. Documentos, 152).

SCHUCK, D. A; TARDIN, F. D; SCHANFRANSKI, N. O; DIEL, F. A; MORALES, M. M; SILVA, V. Q. R. da; PARELLA, R. A. C; SILVA, A. F. da. Productive behavior of biomass sorghum hybrids (Sorghum bicolor) for energy production in Sinop - MT. In: GENETICS AND PLANT BREEDING MEETING OF RIO DE JANEIRO, 2., 2014, Campos Goytacazes. Abstracts. [S.I]: SBMP: UENF, 2014. p. 57.

Downloads

Publicado

2016-06-30

Como Citar

Silva, A. L. da, Tardin, F. D., Rotta, G. W., Baldoni, A. B., Barelli, M. A. A., Silva, A. F. da, Gonçalves, D. R., Barros, F., Ribeiro, J. R. D., & Parrella, R. A. da C. (2016). CHARACTERIZATION OF BIOMASS SORGHUM CULTIVARS AIMING TO GENERATE ENERGY FOR THE NORTH REGION OF MATO GROSSO, BRAZIL. Nativa, 4(3), 175–178. https://doi.org/10.31413/nativa.v4i3.3304

Edição

Seção

Notas Técnicas / Technical Notes

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)