ATIVIDADE DO ALUMÍNIO NA SOLUÇÃO DO SOLO DE UM LATOSSOLO VERMELHO DISTRÓFICO SUBMETIDO AO MANEJO DO SOLO E DE CULTURAS

Autores

  • Silvio Tulio Spera Embrapa Agrossilvipastoril
  • Pedro Alexandre Varella Escosteguy
  • Henrique Pereira dos Santos
  • Vilson Antônio Klein

DOI:

10.31413/nativa.v2i3.1372

Resumo

O objetivo do trabalho foi avaliar a interação do manejo do solo e de culturas nos atributos químicos da solução de solo referentes à porcentagem e atividade de formas de Al tóxico de camadas de solo entre 0 a 20 cm. As amostras foram provenientes de experimento conduzido em Passo Fundo, RS, em um Latossolo Vermelho distrófico, com mais de duas décadas de cultivo sem aplicação de calcário. O delineamento experimental utilizado foi de blocos ao acaso, em esquema de subparcelas. Os tratamentos foram: plantio direto (PD), cultivo mínimo com escarificador (PM) e preparo convencional com arado e grade (PC), combinados com as rotações de culturas: trigo/soja (R1); trigo/soja - ervilhaca/sorgo (R2) e trigo/soja - ervilhaca/sorgo - aveia branca/soja (R3), para avaliar o efeito da interação destas rotações com o tipo de manejo de solo no rendimento de grãos (RG), na massa seca da parte aérea (MS) e nos atributos químicos da solução do solo referentes à porcentagem e atividade de formas de Al tóxico, nas camadas de 0 a 6,7 cm e de 6,8 a 20 cm. Uma floresta subtropical adjacente foi amostrada com a finalidade de se balizar os valores originais dos atributos avaliados. Não houve correlações entre o RG e a MS e os atributos de solo avaliados, em ambas as camadas, mesmo havendo diferenças de níveis de restrições físicas e químicas entre as camadas. Os atributos químicos da solução do solo não foram influenciados pela interação dos fatores estudados, sendo pouco influenciados pela rotação de culturas. O plantio direto propiciou maiores valores de carbono orgânico dissolvido e menor teor e atividade de Al na solução.

Palavra-chave: acidez; sistema plantio direto, preparo convencional, química do solo.

ACTIVITY ALUMINIUM ON THE SOIL SOLUTION OF A TYPIC HAPLUSTOX UNDER SOIL AND CROP MANAGEMENTS

ABSTRACT

The aim of this work was to evaluate the interaction of soil and crop managements in chemical attributes on soil solution concerning the percentage of activity and forms of toxic Al in two soil layers situated among 0 to 20 cm. The samples were from experiment conducted in Passo Fundo, RS, in a Typic Haplustox, after more than two decades of cropping, without limestone application. The experimental design was randomized block, in subplots scheme. The treatments consisted of: no-tillage (PD), minimum cultivation with chisel plow (PM) and conventional plowing with disk plow (PC). These were combined with crop rotations: wheat-soybean (R1); wheat- soybean/common vetch-sorghum (R2) and wheat-soybean/common vetch-sorghum/white oats-soybean (R3), to assess the effect of these rotations interactions with the soil management type on the grains yield (RG), in the crops dry mass(MS) and chemical attributes of soil solution concerning the percentage on activity and forms of Al toxic, in layers of 0 to 6.7 cm and 6.8 to 20 cm. There were no correlations between the RG and the MS and the soil attributes assessed, in both layers, even when differences in levels of chemical and physical constraint between the layers. Chemical attributes of soil solution were not influenced by the  studied factors interaction, being slightly influenced by crop rotation. The PD provided the greatest values of dissolved organic carbon and lowest level and Al activity in soil solution.

Keywords: soil acidity; no-till, soil plowing, soil chemistry.

 

DOI: http://dx.doi.org/10.14583/2318-7670.v02n03a01

Biografia do Autor

Silvio Tulio Spera, Embrapa Agrossilvipastoril

Embrapa Agrossilvipastoril

Núcleo de Recursos Naturais

Área de Física, Classificação e Manejo de Solos

Referências

ALLEONI, L. R. F. et al. Acidity and aluminum speciation as affected by surface liming in tropical no-till soils. Soil Science Society of America Journal, Madison, v.74, n.3, p.1.010-1.017, maio 2010.

ANGHINONI, I.; SALET, R .L. Reaplicação de calcário no sistema plantio direto consolidado. In: KAMINSKI, J., (Coord.). Uso de corretivos da acidez do solo no plantio direto. Pelotas: SBCS-NRS, 2000, p.41-59.

CAMBRI, M. A. Calagem e formas de alumínio em três localidades sob sistema de plantio direto. 2004. 83f. Tese (Doutorado em Agronomia) – Universidade de São Paulo, Piracicaba, 2004.

COHORT SOFTWARES. Free Trial Version of CoStat 6.4. Disponível em: <http://www.cohort.com>. Acesso em: 02/04/2009.

ESCOSTEGUY, P. A .V. Exchangeable and formation constants of copper, zinc and cadmium with humic substances at indigenous concentrations. 2001. 208f. Thesis (Ph.D. in Soil Science) – University of Wisconsin, Madison, 2001.

GEBRIM, F. O. et al. Lixiviação de cátions favorecida pela presença de ânions inorgânicos e ácidos orgânicos de baixa massa molecular em solos adubados com camas de aviário. Revista Brasileira de Ciência do Solo, Viçosa, v.32, n.esp., p.2.255-2.267, dez. 2008.

GLOAGUEN, T. V. et al. Composição química da solução do solo nas diferentes classes de poros do solo. Revista Brasileira de Ciência do Solo, Viçosa, v.33, n.5, p.1.105-1.113, set./out. 2009.

GRIMM, D. M. et al. Continuous multiligand distribution model used to predict the stability constant of copper (II) metal complexation with humic material from fluorescence quenching data. Environment Science Technology, Athens, v.25, n.9, p.1.427-1.431, set. 1991.

JANTÁLIA, C. P. et al. Mudanças no estoque de C do solo em áreas de produção de grãos: avaliação do impacto do manejo do solo. In: ALVES, B. J. R. et al. (Eds.). Manejo de sistemas agrícolas. Impacto no sequestro de C e nas emissões de gases de efeito estufa. Porto Alegre: Genesis, 2006. p.35-57.

KINRAIDE, T. B. Identify of the rhizotoxic aluminum species. In: WRIGHT, R. S. et al. (Eds.). Plant-soil interactions at low pH. Dordrecht: Kluwer, 1991. p.717-728.

MEURER, E. J.; ANGHINONI, I. A solução do solo. In: MEURER, E. J. (Ed.). Fundamentos de química do solo. 5.ed. Porto Alegre: Evangraf, 2012. p.87-113.

NOLLA, A. et al. Crescimento, morfologia radicular e liberação de compostos orgânicos por plântulas de soja em função da atividade de alumínio na solução do solo de campo natural. Ciência Rural, Santa Maria, v.37, n.1, p.97-101, jan./fev. 2007.

SALET, R. L. et al. Atividade do alumínio na solução de solo do sistema plantio direto. Revista Científica Unicruz, Cruz Alta, v.1, n.1, p.9-13, jun. 1999.

SILVA, L. S. Dinâmica da matéria orgânica e a interação com componentes inorgânicos na planta e no solo. 2001. 167f. Tese (Doutorado em Ciência do Solo) – Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2001.

SNEDECOR, G. W.; COCHRAN, W. G. Statistical methods. 8.ed. Ames: ISU Press, 1989. 503p.

SPARKS, D. L. Environmental soil chemistry. 2.ed. San Diego: Academic Press, 2003. 352p.

SPERA, S. T. Atributos físicos e químicos de um latossolo e produtividade de culturas, em função de manejo de solo e de rotação de culturas. 2009. 228f. Tese (Doutorado em Agronomia) – Universidade de Passo Fundo, Passo Fundo, 2009.

SPERA, S. T. et al. Atributos químicos restritivos de latossolo vermelho distrófico e tipos de manejo de solo e rotação de culturas. Agrarian, Dourados, v.4. n.14, p.324-334, jul./set. 2011.

SPOSITO, G. The environmental chemistry of aluminum. 2.ed. Boca Raton: Lewis Publishers, 1996. 464p.

VIEIRA, F. C. B. et al. Organic matter kept Al toxicity in a subtropical no-tillage soil under long-term (21-year) legume-based crop systems and N fertilization. Australian Journal of Soil Research, Melbourne, v.47, n.3, p.707-714, abr. 2009.

WOLT, J. D. Soil solution chemistry: applications to environmental science and agriculture. New York: John Wiley & Sons, 1994. 345p.

ZAMBROSI, F. C. B. et al. Aplicação de gesso agrícola e especiação iônica da solução de um Latossolo sob sistema plantio direto. Ciência Rural, Santa Maria, v.37, n.1, p.110-117, jan./fev. 2007.

ZAMBROSI, F. C. B. et al. Liming and ionic speciation of an Oxisol under no-till system. Scientia Agricola, Piracicaba, v.65, n.2, p.190-203

Downloads

Publicado

2014-09-26

Edição

Seção

Artigos Científicos / Original research