UTILIZAÇÃO DE INDICADORES PARTICIPATIVOS DE QUALIDADE DO SOLO EM SISTEMAS DE PRODUÇÃO AGRÍCOLA FAMILIAR

Autores

DOI:

10.31413/nativa.v8i5.9852

Resumo

Avaliar os sistemas agrícolas permite inferir sobre a sustentabilidade dos manejos praticados. Neste sentido, objetivou-se avaliar a qualidade do solo em diferentes sistemas de produção utilizando indicadores visuais. Foram avaliados oito consórcios tradicionais em diferentes períodos de adoção, localizados em três municípios cearenses. Utilizou-se metodologia participativa, escolhendo-se 12 indicadores de qualidade do solo, aos quais foram atribuídas notas de 1 a 10, de acordo com critérios pré-estabelecidos. Os dados foram avaliados por meio de análises descritivas e multivariada (Análise de componentes principais - ACP). Todos os consórcios avaliados apresentaram níveis satisfatórios de qualidade do solo com médias acima de cinco. Dois consórcios, um localizado em Choró (Consórcio 02 Choró - C2C) e outro em Acarape (Consórcio 01 Assentamento – C1A) se destacaram dos demais, apresentando as maiores médias (8,9). A inserção de práticas edáficas, a exemplo da aplicação de bagana de carnaúba como cobertura do solo favoreceu a qualidade do solo, contribuindo para sua conservação.

Palavras-chave: bagana de carnaúba; metodologia participativa; cobertura do solo; agroecologia.

 

Use of participative soil quality indicators in family agricultural production systems

 

ABSTRACT: Evaluating agricultural systems allows inferring about the sustainability of the practices practiced. In this sense, the objective was to evaluate soil quality in different production systems using visual indicators. Eight traditional consortia were evaluated at different use periods, located in three counties in Ceará. Consortia are groups of many species of plants living in the same area. Participatory methodology was used, choosing 12 soil quality indicators, which were given scores from 1 to 10, according to pre-established criteria. The data were evaluated using descriptive and multivariate analysis (Principal Component Analysis - PCA). All consortia evaluated showed satisfactory levels of soil quality with averages above five. Two consortia, one located in Choró (Consortium 02 Choró - C2C) and another in Acarape (Consortium 01 Settlement - C1S) stood out from the others, with the highest averages (8.9). The insertion of edaphic practices, such as the application of carnauba bagana as soil cover, favored soil quality, contributing to its conservation.

Keywords: carnauba bagana; participatory methodology; land cover; agroecology.

Referências

ALCÁZAR, P.; ESPEJEL, I.; REYES-ORTA, M.; ARREDONDO-GARCÍA., M. C. Retrospective assessment as a tool for the management of sustainability in diversified farms. Agroecology and Sustainable Food Systems, v. 44, n. 1, p. 30-53, 2019. DOI: 10.1080/21683565.2019.1578722

ALTIERI, M. A.; NICHOLLS, C. I. Un método agroecológico rápido para la evaluacíon de la sostentabilidad de cafetales. Manejo Integrado de Plagas y Agroecología, v. 64, p. 17-24, 2002.

ALMEIDA, M. V. R. de; OLIVEIRA, T. S.; BEZERRA, A. M. E. Biodiversidade em sistemas agroecológicos no município de Choró, CE, Brasil. Ciência Rural, Santa Maria, v. 39, n. 4, p. 1080-1087, 2009. DOI: https://doi.org/10.1590/S0103-84782009005000047

AMADO, T. J. C.; CONCEIÇÃO, P. C.; BAYER, C.; ELTZ, F. L. F. Qualidade do solo avaliada pelo Soil quality kit test em dois experimentos de longa duração no Rio Grande do Sul. Revista Brasileira de Ciência do Solo, Viçosa, v. 31, n. 1, p. 109-121, 2007. DOI: https://doi.org/10.1590/S0100-06832007000100012.

ARAÚJO, A. L.; OLIVEIRA, R. T.; FERREIRA, T. O.; ROMERO, R. E.; OLIVEIRA, T. S. Evaluation of soil structure using participatory methods in the semiarid region of Brazil. Revista Ciência Agronômica, Fortaleza, v. 44, n. 3 p. 411-418, 2013. DOI: https://doi.org/10.1590/S1806-66902013000300001

ARAÚJO, A. K.; ARAÚJO FILHO, J. A.; MARANHÃO, S. R. Consórcios de milho, feijão e mandioca em presença de bagana de carnaúba em um Argissolo no litoral norte do Ceará sob condições de sequeiro. Essentia, Sobral, v. 18, n. 1, p. 02-23, 2017.

ARRUDA, L. E. V.; BATISTA, R. O.; VALE, H. S. M.; COSTA, L. R.; SILVA, K. B. Uso de metodologia participativa na obtenção de indicadores da qualidade do solo em Mossoró-RN. Revista Verde de Agroecologia e Desenvolvimento Sustentável, Pombal, v. 7, n. 5, p. 25-35, 2012.

IBIAPINA, T. V. B.; SALVIANO, A. A. C.; NUNES, L. A. P. L.; MOUSINHO, F. E. P.; LIMA, M. G.; SOARES, L. M. S. Resistência à penetração e agregação de um Latossolo Amarelo sob monocultivo de soja e de eucalipto no cerrado do Piauí. Científica, Jaboticabal, v. 42, n. 4, p. 411-418, 2014.

IWATA, B. F.; LEITE, L. F. C.; ARAÚJO, A. S. F.; NUNES, L. A. P. L.; GEHRING, C.; CAMPOS, L. P. Sistemas agroflorestais e seus efeitos sobre os atributos químicos em Argissolo Vermelho-Amarelo do Cerrado piauiense. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, Campina Grande, v. 16, n. 7, p.730-738, 2012. DOI: https://doi.org/10.1590/S1415-43662012000700005.

IPECE - Instituto de Pesquisa e Estratégia Econômica do Ceará. Perfil básico municipal, Choró. Fortaleza: Governo do Estado do Ceará, 2017.

MACHADO, C. T. T.; VIDAL, M. C. Avaliação participativa do manejo de agroecossistemas e capacitação em agroecologia utilizando indicadores de sustentabilidade de determinação rápida e fácil. Planaltina: Embrapa Cerrados, 2006. 44p. (Documentos, 173)

MAIA, S. M. F.; XAVIER, F. A. S.; OLIVEIRA, T. S.; MENDONÇA, E. S.; ARAÚJO FILHO, J. A. Impactos de sistemas agroflorestais e convencional sobre a qualidade do solo no semi-árido cearense. Revista Árvore, Viçosa, v. 30, n. 5, p. 837-848, 2006. DOI: https://doi.org/10.1590/S0100-67622006000500018.

MAIA, S. M. F.; OTUTUMI, A. T.; MENDONÇA, E.S.; NEVES, J. C. L.; OLIVEIRA, T.S. Combined effect of intercropping and minimum tillage on soil carbon sequestration and organic matter pools in the semiarid region of Brazil. Soil Research, v. 57, p. 266-275, 2019. DOI: https://doi.org/10.1071/SR17336

MARTINS, J. C. R.; MENEZES, R. S. C.; SAMPAIO, E. V. S. B.; SANTOS, A. F.; NAGAI, M. A. Produtividade de biomassa em sistemas agroflorestais e tradicionais no Cariri Paraibano. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, Campina Grande, v. 17, n. 6, p. 581-587, 2013. DOI: https://doi.org/10.1590/S1415-43662013000600002

MENDES, M. M. S. LACERDA, C. F.; CAVALCANTE, A. C. R.; FERNANDES, F. E. P.; LIVEIRA, T. S. Desenvolvimento do milho sob influência de árvores de pau - branco em sistema agrossilvipastoril. Pesquisa Agropecuária Brasileira, Brasília, v. 48, n. 10, p. 1342-1350, 2013. DOI: https://doi.org/10.1590/S0100-204X2013001000005.

NICHOLLS, C. I.; ALTIERI, M. A.; DEZANET, A.; LANA, M.; FEISTAUER, D.; OURIQUES, M. A rapid, farmer-friendly agroecological method to estimate soil quality and crop health in viveyard systems. Biodynamics, n. 250, p. 33-40, 2004.

PEZARICO, C. R.; VITORINO, A. C. T.; MERCANTE, F. M.; DANIEL, O. Indicadores de qualidade do solo em sistemas agroflorestais. Revista de Ciências Agrárias, Belém, v. 56, n. 1, p. 40-47, 2013.

SILVA, G. dos S.; OLIVEIRA, R. A.; QUEIROZ, N. L.; SILVA, M. N. B.; SOUSA, M. F.; SILVA, S. A. Desempenho agronômico de algodão orgânico e oleaginosas consorciados com palma forrageira. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, Campina Grande, v. 17, n. 9, p. 975-981, 2013. DOI: https://doi.org/10.1590/S1415-43662013000900010

SOUZA, H. A.; FARIAS, J. L. S.; PAIVA, F. E. P.; GUEDES, F. L.; POMPEU, R. C. F. F.; ROUWS, J. R. C. Avaliação participativa de indicadores de solo e sanidade de cultivos em sistemas de produção na Comunidade Pé de Serra Cedro, no semiárido brasileiro. Revista Brasileira de Agroecologia, Dois Vizinhos, v. 11, n. 3, p. 206-215, 2016.

SOUZA, H. A.; CAVALCANTE, A. C. R.; TONUCCI, R. G.; POMPEU, R. C. F. F.; SOUZA, M. C. R.; MAIA, C. E. Níveis críticos para atributos do solo pela distribuição normal reduzida em culturas anuais de subsistência. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, Campina Grande, v. 18, n. 4, p. 425-430, 2014. DOI: https://doi.org/10.1590/S1415-43662014000400010.

Downloads

Publicado

2020-11-11

Edição

Seção

Desenvolvimento Rural / Rural development