O Estágio de Docência na Pós-Graduação em Política Social: Uma experiência a partir da disciplina "Gênero e Etnia" no curso de Serviço Social da UFMT

Autores

DOI:

10.31560/2595-3206.2019.8.10180

Resumo

A docência em Serviço Social é uma atribuição privativa do/a Assistente Social prevista no art. 5º da Lei nº 8.662/93 que regulamenta a profissão no Brasil e, portanto, é um espaço de trabalho que possui requisições específicas. O curso de Serviço Social, por não se tratar de uma formação de licenciatura e sim de bacharelado, envolve processos formativos que fazem com que em alguma medida, a pós-graduação, em especial a strictu sensu, seja o espaço formativo adequado para quem tem buscado a carreira docente. O presente relato tem o propósito de discorrer sobre a experiência vivenciada no Estágio Docência na disciplina de Gênero e Etnia no Curso de Serviço Social da Universidade Federal do Mato Grosso (UFMT). As ações planejadas e desenvolvidas envolveram diferentes situações para a aprendizagem e formação. A metodologia de exposição aqui utilizada envolve processo descritivo da experiência vinculada ao Mestrado em Política Social e aponta-se para possibilidade do Estágio Docência contribuir significativamente com o desenvolvimento de: a) capacidades para atuar em sala de aula sob supervisão do(a) professor(a); b) aprofundamento do manejo de supervisão de Estágio Supervisionado em Serviço Social. Esta experiência, além de permitir o aprofundamento dos conteúdos trabalhados em sala de aula que guardam conexão com o objeto de estudo dos pós-graduandos, tem a potencialidade de motivá-los à carreira acadêmica, em especial à docência.

Biografia do Autor

Bruna Andrade Irineu, Universidade Federal do Mato Grosso - UFMT

Universidade Federal de Mato Grosso - Departamento de Serviço Social Presidente da Associação Brasileira de Estudos da Homocultura (ABEH) - biênio 2019-2020  

Downloads

Publicado

2020-04-15

Edição

Seção

Relatos de Experiências