Ensino e aprendizagem de geografia

o desafio do ensino híbrido e remoto

Autores

Resumo

No contexto educativo, o ano de 2020 certamente será lembrado em função do processo de ressignificação da forma de ensinar e de aprender, em função da necessidade do distanciamento social que exigiu a realização da mediação pedagógica não presencial o que culminou na reorganização das unidades educacionais mediante as novas possibilidades didático-pedagógicas, com novas formas de interação pelos espaços e meios virtuais ou remotos. Em se tratando da disciplina de Geografia, esta não esteve imune aos efeitos da pandemia do Covid 19, que colocou fim à hegemonia da didática comeniana, para abrir espaço para o ensino híbrido e o ensino remoto. Este artigo tem por objetivo evidenciar o processo de ressignificação da relação de ensino e aprendizagem da Geografia na Rede Municipal de Ensino de Cuiabá. Metodologiamente trata-se de uma pesquisa de natureza bibliográfica, mediante pesquisa participante via experiência de assessoria pedagógica e elaboração de vídeo aulas desenvolvidas de forma remota via portal da Escola Cuiabana.

Palavras-chave: Ensino Remoto. Geografia. Ensino e Aprendizagem.

Downloads

Publicado

2021-07-13