Notas Sobre o Processo de Formação do Estadod e Mato Grosso do Sul: Políticas de Crédito, Modernização da Agricultura e Concentração Fundiária

Autores

  • Amanda Júlia de Freitas Mariano Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
  • Jodenir Calixto Teixeira Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
  • Gabriela Nogueira de Medeiros Universidade Federal de Mato Grosso do Sul
  • Marcelo Ribeiro de Mendonça

Palavras-chave:

Ocupação, Mato Grosso do Sul, Políticas Públicas, Concentração Fundiária.

Resumo

 O presente artigo buscou compreender os nuances da formação do estado de Mato Grosso do Sul, através do processo de ocupação da região Centro-Oeste. Mato Grosso do Sul é desmembrado de Mato Grosso em 1977, no ápice das políticas públicas, decretos, leis e incentivos fiscais ofertados pelo Governo Federal, que contribuíram significativamente para a manutenção de uma estrutura agrária que já era concentrada. Nesse sentido, os grandes latifúndios de Mato Grosso do Sul foram financiados pelo próprio Estado, via políticas públicas, a territorialização do agronegócio na região também foi propiciada pelo governo, através dos incentivos fiscais que incentivavam as mudanças na base técnica da agricultura. O estado foi colonizado e ocupado no ápice do processo de modernização da agricultura, assim é possível compreender a docilidade do território para produção em grande escala para exportação, prioritariamente para grãos e eucalipto.

Biografia do Autor

Amanda Júlia de Freitas Mariano, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul

Licenciada e Mestranda em Geografia pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul- CPTL.

Jodenir Calixto Teixeira, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul

Professor Doutor dos cursos de graduação e pós-graduação da Unoversidade Federal de Mato Grosso do Sul - CPTL

Gabriela Nogueira de Medeiros, Universidade Federal de Mato Grosso do Sul

Mestranda em Geografia pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul- CPTL.

Marcelo Ribeiro de Mendonça

Mestrando em Geografia pela Universidade Federal de Mato Grosso do Sul- CPTL

Referências

ABREU, S. Planejamento Governamental: A SUDECO no espaço Mato-Grossense: contexto, propósitos e contradições. 323f. Tese (Doutorado em Geografia) – Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas, Universidade de São Paulo. 2001.

ALMEIDA, R. A. A questão agrária em Mato Gross do Sul: uma visão multidisciplinar. Universidade Federal do Mato Grosso do Sul: UFMS, 2008.

ALMEIDA, R. A.; SILVA, T. P.(Org.). Repercussões territoriais do desenvolvimento desigual-combinado contraditório em Mato Grosso. Campo Grande: Editora da UFMS, 2015.

ARBEX JR, J.; OLIC, N. B. Rumo ao Centro-Oeste: o Brasil em regiões. São Paulo: Editora Moderna, 1996.

BARATELLI, A. E. S.; MARIANO, A. J. F. A Expansão do Eucalipto na Microrregião de Três Lagoas/MS entre os anos de 2013-2017. Simpósio Internacional e Simpósio Nacional de Geografia Agrária. Anais do..., Recife-PE, 2019.

BECKER, B. K. Amazônia. Série Princípios, 3° edição, São Paulo: Ática, 1994.

CAPELATO, M. H. Multidões em Cena: propaganda política no varguismo e peronismo. Campinas: Papirus/São Paulo:FAPESP, 2009.

FERREIRA, I. Colônia Agrícola Nacional de Goiás e de Dourados: Um Estudo Sociocultural Comparativo. Seminário de Pesquisa da Pós-Graduação em História da UFG/UCG, Anais do..., 2013.

FOWERAKER, J. A luta pela terra: a economia política da fronteira pioneira no Brasil. Tradução de Maria Júlia Goldwassar. Rio de Janeiro: Zahar, l982.

HESPANHOL, A. N. A expansão da agricultura moderna e a integração do Centro-Oeste brasileiro à economia nacional. Caderno Prudentino de Geografia, Presidente Prudente, n. 22, 2000. p. 7-26.

IANNI, O. Colonização e Contra-Reforma Agrária na Amazônia. Petrópolis: Vozes. 1979.

MARTINS, J. S. Os camponeses e a política no Brasil. 4ª. Ed. Petrópolis: Vozes, 1981.

MARTINS, J. S. O Cativeiro da Terra. 3ª. ed. São Paulo: Ciências Humanas, 1986.

MATOS, P. F.; PESSÔA, V. L. S. O agronegócio no cerrado do Sudeste Goiano: uma leitura sobre Campo Alegre de Goiás, Catalão e Ipameri. Sociedade & natureza, v. 24, n. 1, 2012. p. 37-49.

MELO, D. S. Características e Contradições Das Cidades no Contexto do agronegócio: uma Análise das Cidades de Sapezal (MT) e Chapadão do Sul (MS). Revista Geografar, 11, n. 2, 2016. p.41-66.

MELO, D. S. Geografia das ocupações e manifestações em Mato Grosso e Mato Grosso do Sul (2000 – 2012). 133f. Dissertação (Mestrado em Geografia). UFMS. Três Lagoas. 2014.

MOREIRA, D. L. Dos Espaços 'vazios' ao processo de colonização particular: Uma breve História do processo de ocupação do Sul de Mato Grosso, atual Mato Grosso do Sul. Revista de Ciências Humanas e Sociais Pitágoras, 3, 2017. p.1-12.

MOREIRA, R. J. Terra, poder e território. Expressão Popular, 2007.

NAGLIS, S. G. B. Marquei Aquele Lugar Com o Suor do Meu Rosto Os colonos da Colônia Agrícola Nacional de Dourados – CAND (1943 - 1960), 2014.

OLIVEIRA, A. U. A agricultura camponesa no Brasil. São Paulo: Contexto, 1991.

OLIVEIRA, A. U. A longa marcha do campesinato brasileiro: movimentos sociais, conflitos e Reforma Agrária. Estudos avançados, v. 15, n. 43, 2001. p. 185-206.

QUEIROZ, P. R. C. A Companhia Mate Laranjeira, 1891-1902: contribuição à história da empresa concessionária dos ervais do antigo Sul de Mato Grosso.Territórios e Fronteiras,8, n.1, 2015. p.204-228

SAQUET, M. A. Abordagens e Concepções de Território. São Paulo: Outras Expressões, 2013.

SILVA, W. G.; ABRITA, M. B. Políticas públicas de desenvolvimento regional: uma análise a partir da atuação da primeira Superintendência de Desenvolvimento do Centro Oeste (1967-1990). Ateliê Geográfico, Goiás, v. 11, n.1, p. 23.

STÉDILE, J. P. Questão agrária no Brasil. 10ª ed. São Paulo: Atual, 1997.

TEIXEIRA, J. C.. A Inserção do Estado de Mato Grosso do Sul na Modernização da Agricultura Brasileira. Simpósio Nacional de Geografia Agrária, v.5, 2009.

TEIXEIRA, J. C.; HESPANHOL, A. N. A região Centro-Oeste no contexto das mudanças agrícolas ocorridas no pós-1960. Revista Eletrônica da Associação dos Geógrafos Brasileiros, Seção Três Lagoas, v. 1, 2006. p. 52-66.

Downloads

Publicado

2021-06-25

Como Citar

Mariano, A. J. de F., Teixeira, J. C., Medeiros, G. N. de, & Mendonça, M. R. de. (2021). Notas Sobre o Processo de Formação do Estadod e Mato Grosso do Sul: Políticas de Crédito, Modernização da Agricultura e Concentração Fundiária. Revista Geoaraguaia, 11(1), 175-190. Recuperado de https://periodicoscientificos.ufmt.br/ojs/index.php/geo/article/view/9879

Edição

Seção

Artigos