PERCEPÇÃO DE QUALIDADE EM GESTÃO DE PROJETOS DE OBRAS CIVIS

Autores

  • Douglas Renan Fachinelli Moretti USP - Esalq
  • Jairo Cardoso Oliveira Universidade Nove de Julho - Programa de Pós Graduação em Administração (PPGA) http://orcid.org/0000-0001-5639-9725

DOI:

10.30781/repad.v4i2.9444

Palavras-chave:

Qualidade, Servqual, Cliente

Resumo

As empresas de Construção Civil estão utilizando com maior frequência as estruturas organizacionais de gerenciamento de projetos e as ferramentas de planejamento, monitoramento e controle com o objetivo de obter melhores índices de sucesso e qualidade nos seus entregáveis. Nem sempre os resultados são visíveis e menos frequentemente são analisados pela perspectiva do cliente. Este trabalho se propõe a abordar se existe alguma influência na percepção de qualidade dos clientes, quando utilizada ou não as ferramentas de monitoramento e controle. A avaliação da qualidade percebida foi feita utilizando o método Servqual e aplicado com dois clientes responsáveis por obras civis de até 5000m2 de porte similar. Os resultados demonstraram uma melhora na percepção de qualidade na obra que utilizou essas ferramentas. A aplicação das mesmas demonstrou maior facilidade no entendimento, melhora na confiabilidade e respostas imediatas, por parte do cliente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Douglas Renan Fachinelli Moretti, USP - Esalq

Especialista  em Gestão de Projetos

Jairo Cardoso Oliveira, Universidade Nove de Julho - Programa de Pós Graduação em Administração (PPGA)

Doutorando em Administração com tema de tese em Cidades Inteligentes. Mestre em Adminsitração com ênfase em Gestão de Projetos

Referências

ATKINSON, Roger. Project management: cost, time and quality, two best guesses and a phenomenon, its time to accept other success criteria. International Journal of Project Management, v. 17, n. 6, p. 337-342, 1999.

AZEVEDO, Rogério Cabral et al. Avaliação de desempenho do processo de orçamento: estudo de caso em uma obra de construção civil. Ambiente Construído, v. 11, n. 1, p. 85-104, 2011.

BATEMAN, Thomas S.; SNELL, Scott A.; RIMOLI, Celso A. Administração: construindo vantagem competitiva. 1998.

BORGES, Juliana Ferreira Barbosa. Gestão de Projetos na Construção Civil. Especialize, v. 01, n. 5, p. 01-16, 2013.

CARVALHO, M. M.; RABECHINI JR, R. Fundamentos em Gestão de Projetos (4 ed.) São Paulo: Atlas, 2015, 422 p.

CODAS, Manuel M. Benitez. Gerência de projetos: uma reflexão histórica. Revista de Administração de Empresas, v. 27, n. 1, p. 33-37, 1987.

DINSMORE, Paul C.; COOKE-DAVIES, Terence J. Right projects done right: from business strategy to successful project Implementation. John Wiley & Sons, 2005.

KERZNER, Harold. Project management: a systems approach to planning, scheduling, and controlling. John Wiley & Sons, 2017.

MAXIMIANO, A. C. A. Administração de projetos: como transformar ideia em resultados (4 ed.) São Paulo: Atlas, 2010.

PARASURAMAN, A.; BERRY, Leonard L. Serviços de Marketing–competindo através da qualidade. Editora Maltese. São Paulo, p. 11-24, 1995.

PMI. A guide to the project management body of knowledge (PMBOK guide). Project Management Institute: Newtown Square, 2013.

Downloads

Publicado

2020-05-24