WhatsApp e multiletramentos na aprendizagem de inglês no Ensino Médio

Autores

  • Rodrigo Aragão aragaorc@gmail.com
  • Laís Lemos laix3@hotmail.com

Palavras-chave:

ensino/aprendizagem de inglês, multiletramentos, WhatsApp

Resumo

 O objetivo deste artigo é avaliar as possíveis contribuições do WhatsApp para o ensino/aprendizagem de inglês no ensino médio na perspectiva dos multiletramentos. Nesse sentido, buscamos elaborar um estudo teórico que possa subsidiar futuras pesquisas empíricas. Realizamos uma revisão da literatura acerca da relação entre as tecnologias móveis, Smartphones, WhatsApp, e o ensino de línguas com atenção ao contexto brasileiro. Com isso, buscamos convergências possíveis entre os estudos revisados e a pedagogia dos multiletramentos. Os resultados indicam que os recursos de linguagem e tecnologias disponíveis no WhatsApp podem fortalecer o ensino/aprendizagem de inglês em diversos aspectos consonantes com a pedagogia dos multiletramentos.

 

Biografia do Autor

Rodrigo Aragão

Doutor em Linguística pela UFMG. Realizou pós-doutorado em Linguística Aplicada no POSLIN/UFMG. Professor no Programa de Pós-graduação e Licenciatura em Letras da UESC, e do Mestrado Profissional em Letras. É líder do grupo de Pesquisa FORTE (UESC) e pesquisador no LingTec (UFMG).

Laís Lemos

Mestre em Letras Linguagens e Representações pela Universidade Estadual de Santa Cruz. Professora efetiva da Secretaria de Educação da Bahia e participa do grupo de pesquisa FORTE - Formação, Emoções e Tecnologias da UESC.

Referências

ALDA, L. S.; LEFFA, V.J. Entre a carência e a profusão: aprendizagem de línguas mediada por telefone celular. Conexão – Comunicação e Cultura, v. 13, n. 26, p. 75-97, 2014. Disponível em: <http://www.ucs.br/etc/revistas/index.php/conexao/article/view/2556.pdf>. Acesso em: 05 ago. 2015.

ARAGÃO, R. Beliefs and emotions in foreign language learning. System, v. 39, p. 302-313, 2011. Disponível em: http://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0346251X11000893 Acesso em: 02 nov. 2016

______. Emoções e ações de professores ao falar inglês no WhatsApp. Revista Brasileira de Linguística Aplicada, v. 17, n. 1, p. 83-112, 2017. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rbla/v17n1/1984-6398-rbla-17-01-00083.pdf Acesso em: 08 out. 2017

______.; DIAS, I. A. Facebook e emoções de estudantes no uso de inglês. In: ARAÚJO, J.; LEFFA, V. (Org.). Redes sociais e ensino de línguas: o que temos de aprender? São Paulo: Parábola Editorial, 2016. p. 111-118.

BORBA, M. S.; ARAGÃO, R. Multiletramentos: novos desafios e práticas de linguagem na formação de professores de inglês. Polifonia, v. 19, p. 223-240, 2012. Disponível em: https://periodicoscientificos.ufmt.br/ojs/index.php/polifonia/article/view/576/529 Acesso em: 22 abr. 2016.

BRASIL. Orientações Curriculares para o Ensino Médio: linguagens, códigos e suas tecnologias. Secretaria de Educação Básica. Brasília: Ministério da Educação, 2006.

CAVALCANTE, P.S.; FERREIRA, D.F.A. Pesquisa, troca de informações e registro: como e onde os alunos de pedagogia utilizam seus smartphones? Hipertextus Revista Digital, v. 13, p. 49-64, 2015. Disponível em: http://www.hipertextus.net/volume13/revista-hipertextos-artigo3.pdf. Acesso em: 10 dez. 2015.

COPE, B; KALANTZIS, M. Multiliteracies: literacy learning and the design of social futures. London: Routledge, 2000.

COSTA, G. S. Mobile Learning: explorando potencialidades com o uso do celular no ensino-aprendizagem de língua inglesa como língua estrangeira com alunos da escola pública. 182 p. 2013. Tese (Doutorado em Letras) – Centro de Artes e Comunicação, Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2013.

FONTE, R.; CAIADO, R. Práticas discursivas multimodais no WhatsApp: uma análise verbo-visual. Desenredo, Passo Fundo, v. 10, n. 2, p. 475-487, 2014. Disponível em http://www.upf.br/seer/index.php/rd/article/view/4147/3089. Acesso em: 15 ago. 2015.

LEITE, N. C; SILVA, M. O. WhatsApp: caracterização do gênero chat em contexto de ensino de línguas estrangeiras. Texto livre – Linguagem e Tecnologia, v. 8, n. 1, p. 85-97, 2015. Disponível em: http://periodicos.letras.ufmg.br/index.php/textolivre. Acesso em: 02 mar. 2016.

MACIEL, R. F.; TAKAKI, N. H. Novos letramentos pelos memes: muito além do ensino de línguas. In: JESUS, D. M; MACIEL, R. F. Olhares sobre tecnologias digitais: linguagens, ensino, formação e prática docente. Campinas: Pontes, 2015, p. 53-82.

MICCOLI, L. Ensino e aprendizagem de inglês: experiências, desafios e possibilidades. Campinas: Pontes Editores, 2010.

MORAN, J. M. Desafios que as tecnologias digitais nos trazem. In: MORAN, José Manuel; MASETTO, Marcos; BEHRENS, Marilda. Novas tecnologias e mediação pedagógica. Campinas: Papirus, 2013, p. 30-35.

NEW LONDON GROUP. A pedagogy of multiliteracies: designing social futures. Harvard Educational Review, v. 66, n. 1, p. 60-92, 1996.

PAIVA, Vera Lúcia Menezes de Oliveira. Aquisição e complexidade em narrativas multimídia de aprendizagem. Revista Brasileira de Linguística Aplicada, v. 8, n. 2, p. 321-339, 2008. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/S1984-63982008000200004 Acesso em: 05 mar. 2016.

______. As habilidades orais nas narrativas de aprendizagem de inglês. Trabalhos em Linguística Aplicada, v. 46, n, 2, p. 139-304, 2007. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/tla/v46n2/a03v46n2.pdf Acesso em: 05 mar. 2016.

PRETTO, N. L. O desafio de educar na era digital. Educações: Revista Portuguesa de Educação, v. 24, n. 1, p. 95-118, 2011. Disponível em: http://revistas.rcaap.pt/rpe/article/view/3042. Acesso em: 05 mar. 2016.

ROJO, R. (Org.). Escola conectada: os multiletramentos e as TICs. São Paulo: Parábola, 2013.

SIBILIA, P. Redes ou paredes: a escola em tempos de dispersão. Rio de Janeiro: Contraponto, 2012.

SUSILO, A. Exploring Facebook and WhatsApp as supporting social network applications for English Learning in Higher Education. Repository Widyatama, 2014. Disponível em: http://repository.widyatama.ac.id/xmlui/handle/123456789/3317?show=full. Acesso em: 02 mar. 2016.

RECUERO, Raquel. Redes sociais na internet. Porto Alegre: Sulina, 2009.

UNESCO. Diretrizes de política para a aprendizagem móvel. Brasília, 2014. Disponível em: http://unesdoc.unesco.org/images/0022/002277/227770por.pdf. Acesso em: 15 ago. 2015.

Downloads

Publicado

2017-12-30

Como Citar

ARAGÃO, R.; LEMOS, L. WhatsApp e multiletramentos na aprendizagem de inglês no Ensino Médio. Polifonia, [S. l.], v. 24, n. 35/1, p. 73–94, 2017. Disponível em: https://periodicoscientificos.ufmt.br/ojs/index.php/polifonia/article/view/6034. Acesso em: 24 jul. 2024.