CONVERGÊNCIA E DIVERSIDADE NO ENSINO DE LÍNGUAS: EXPANDINDO VISÕES SOBRE A "DIFERENÇA"

Autores

  • Walkyria Monte Mór Universidade Federal de Mato Grosso

Resumo

Numa concepção convencional de educação, observa-se convergência na perspectiva linguística e cultural de ensino de línguas. No entanto, numa sociedade em que a comunicação se constrói pela linguagem tecnológica digital, a diversidade ganha gradativa visibilidade, desafiando a convivência entre as noções de convergência e diversidade nesse campo. Os estudos sobre linguagem e tecnologia, realizados segundo os estudos sobre letramentos e multiletramentos, propõem o aprofundamento em questões relacionadas à tensão convergência-divergência-diversidade na linguagem e nas interações nela e por meio dela construídas. Interpretação / construção de sentidos e educação crítica no que concerne à formação de alunos e professores na sociedade digital são alguns dos aspectos revisitados pelas citadas teorias. Este trabalho aborda estudos realizados a partir de resultados de pesquisa na área de multiletramentos e que se concentram nas questões relacionadas ao tema, focalizando as influências das noções convergentes de linguagem no trabalho de construção de sentidos. Assume a premissa de que a vivência na sociedade atual requer ressignificações da pluralidade e diversidade nela cada vez mais identificadas e reconhecidas, com vistas à convivência com ‘a diferença’.
PALAVRAS-CHAVE: Diversidade, construção de sentido, multiletramentos

Biografia do Autor

Walkyria Monte Mór, Universidade Federal de Mato Grosso

Graduação em Letras Inglês-Português, mestrado em Filosofia da Educação (Pontifícia Universidade Católica de São Paulo) e doutorado em Linguagem e Educação (Universidade de São Paulo), pós-doutorado “Letramentos na sociedade digital e globalizada” (Universidade de Manitoba, Canadá). É professora Livre-Docente da Universidade de São Paulo e pesquisadora adjunta do Center for Globalization and Cultural Studies da Universidade de Manitoba, Canadá. Co-coordena o Projeto Nacional de Formação de Professores: Novos letramentos, multiletramentos e línguas estrangeiras, cadastrado no Diretório dos Grupos de Pesquisa do CNPq. Pesquisas recentes em: Linguagem e Educação, Novos Letramentos, Multiletramentos, Crítica e Construção de Sentidos, Formação de Professores. É co-autora das Orientações Curriculares Nacionais para o Ensino Médio: Línguas Estrangeiras (SEB - MEC/2006), autora dos Cadernos de Orientações Didáticas para EJA - Línguas Estrangeiras (Secretaria Municipal de Educação de São Paulo/2010).

Downloads

Publicado

2014-09-17

Edição

Seção

Dossiê