DESEMPENHO ECONÔMICO-FINANCEIRO DO SETOR DE ALIMENTOS E BEBIDAS NO BRASIL NO PERÍODO DE 2011 a 2014.

Autores

  • Rodrigo Milano de Lucena rodrigomilano@ufmt.br
    UFMT
  • Bruno Henrique Sibin bk.bruno@gmail.com
  • Cláudio Eurico Seibert Fernandes da Silva claudioseibertf@gmail.com

DOI:

10.30781/repad.v1i1.5797

Palavras-chave:

Análise Econômico-Financeira, Valor de Mercado, Alimentos e Bebidas, Indicadores Financeiros, Setor Industrial

Resumo

A indústria de alimentos e bebidas se mostra como uma das mais dinâmicas da economia brasileira tanto no comércio interno quanto na sua relação com o exterior. Diante disso, o objetivo desse trabalho é analisar a evolução do desempenho econômico-financeiro de empresas dos setores de alimentos e bebidas listadas na Bolsa de Valores de São Paulo (BMFBOVESPA), para o período que compreende os anos entre 2011 e 2014. Buscou-se avaliar a relação entre o valor de mercado das empresas e o desempenho de indicadores relacionados com a composição do endividamento, liquidez e rentabilidade. Pela natureza dos dados apresentarem séries de tempo das variáveis selecionadas, decidiu-se utilizar econometria de dados em painel para determinar essa relação. Os resultados mostram que os principais indicadores de lucratividade e endividamento foram confiáveis estatisticamente para explicar a variabilidade da variável “valor de mercado”, no período de 2011 a 2014.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rodrigo Milano de Lucena, UFMT

Economista (UFMS/2009) e mestre em Administração (UFMS/2012). Atualmente é Professor Assistente do curso de Administração da UFMT câmpus universitário de Rondonópolis.

Bruno Henrique Sibin

Economista e Doutorando em Economia pelo IE/Unicamp

Cláudio Eurico Seibert Fernandes da Silva

Economista e mestre em Economia pela UFMT. Professor da UFMT câmpus de Rondonópolis

Referências

AKALU, Mehari Mekonnen. Measuring and Ranking Value Drivers. 2002.

AMORIM, Ana Luísa Gambi Cavallari; PIMENTA JÚNIOR, Tabajara; CORRAR, Luiz João. Um Estudo da Relação entre o Valor de Mercado de Empresas Listadas na Bovespa e seus Direcionadores de Valor. GESTÃO. Org-Revista Eletrônica de Gestão Organizacional, v. 7, n. 1, 2010.

BALL, Ray; BROWN, Philip. An empirical evaluation of accounting income numbers. Journal of accounting research, p. 159-178, 1968.

BIDDLE, Gary C.; BOWEN, Robert M.; WALLACE, James S. Does EVA® beat earnings? Evidence on associations with stock returns and firm values. Journal of accounting and economics, v. 24, n. 3, p. 301-336, 1997.

BLACK, A.; WRIGHT, P.; BACHMAN, J. E. In search of shareholder value: manager the drivers of performance. 2001.

BNDES. Relatório Perspectivas do Investimento 2015-2018 e panoramas setoriais. Disponível em . Acesso em Dezembro de 2015.

CARVALHAL DA SILVA, Andre Luiz; YI CHIEN, Alisson Chen. Remuneração executiva, valor e desempenho das empresas brasileiras listadas. Revista Brasileira de Finanças, v. 11, n. 4, 2013.

CARVALHO REZENDE, José Francisco; AVILA, Marcos; MAIA, Renata Sitônio. Geração e gestão do valor por meio de métricas baseadas nas perspectivas do capital intelectual. Revista de Administração, v. 47, n. 1, p. 51-67, 2012.

CHAVES, Eduardo de Paula e Silva; JÚNIOR, Tabajara Pimenta. Relação entre Valor de Mercado e Ativo Intangível na Bovespa. Revista de Administração IMED, v. 3, n. 3, p. 239-251, 2013.

DA SILVA CARVALHO, Karina et al. Análise do Valor de Mercado das Companhias de Capital Aberto. Revista de Finanças Aplicadas, v. 3, p. 1-35, 2014.

DE CARVALHO REZENDE, José Francisco; AVILA, Marcos; MAIA, Renata Sitônio. Geração e gestão do valor por meio de métricas baseadas nas perspectivas do capital intelectual. Revista de Administração, v. 47, n. 1, p. 51-67, 2012.

DODD, James L.; CHEN, Shimin. EVA: A new panacea. Business and Economic Review, v. 42, n. 4, p. 26-28, 1996.

ECONOMÁTICA. Banco de Dados. Acesso entre Novembro e Dezembro de 2015.

GITMAN, Lawrence J. Princípios de administração financeira. 12. Ed. São Paulo: Pearson Prendice Hall, 2010.

GRANT, James L. Foundations of EVA™ for investment managers. The Journal of Portfolio Management, v. 23, n. 1, p. 41-48, 1996.

HAUSMAN, Jerry A.; TAYLOR, William E. Panel data and unobservable individual effects. Econometrica: Journal of the Econometric Society, p. 1377-1398, 1981.

HSIAO, C. Analysis of Panel Data. Cambridge, Cambridge University Press, 1986.

LEHN, Kenneth; MAKHIJA, Anil K. EVA & MVA as performance measures and signals for strategic change. Strategy & Leadership, v. 24, n. 3, p. 34-38, 1996.

MEDRADO, Franciele et al. Relação entre o nível de intangibilidade dos ativos e o valor de mercado das empresas. Revista de Contabilidade e Organizações, v. 10, n. 28, 2016.

MILLS, ROGER; ROBERTSON, John; WARD, Tim. Why Financial Economics is Vital in Measuring Business Value'. Management Accounting (UK)(January), p. 39-42, 1992.

MILUNOVICH, Steven; TSUEI, Albert. EVA® in the computer industry. Journal of Applied Corporate Finance, v. 9, n. 1, p. 104-116, 1996.

NETO, Alexandre Assaf. Finanças corporativas e valor.7ª edição. São Paulo: Atlas, 2014.

O'BYRNE, Stephen F. EVA® and market value. Journal of applied corporate finance, v. 9, n. 1, p. 116-126, 1996.

PAREDES, Breno José Burgos; GOIS DEOLIVEIRA, Marcos Roberto. O IMPACTO DOS FATORES MACROECONÔMICOS E DE RISCO SOBRE A MENSURAÇÃO DO VALOR DAS EMPRESAS. Revista Universo Contábil, v. 13, n. 2, p. 43, 2017.

RAPPAPORT, A.; MAUBOUSSIN, M. J. Expectations investing: Reading stock pricing for better returns. Boston: Harvard Business School Publishing, 2002.

RAPPAPORT, Alfred. Gerando valor para o acionista: um guia para administradores e investidores. Atlas, 2001.

RELAÇÃO ANUAL DE INFORMAÇÕES SOCIAIS – RAIS. 2015. Disponível em: <http://goo.gl/cX1RnP. Acesso em: 21 mar. 2015.

SILVA, Alexandre Oliveira; DANTAS, José Alves. Impacto da Política de Dividendos no Valor de Mercado das Instituições Financeiras no Brasil. Revista de Gestão, Finanças e Contabilidade, v. 5, n. 4, p. 43, 2015.

SILVA, Andre Luiz Carvalhal; CHIEN, Alisson Chen Yi. Remuneração Executiva, Valor e Desempenho das Empresas Brasileiras Listadas/(Executive Compensation, Value and Performance of Brazilian Listed Companies). Revista Brasileira de Finanças, v. 11, n. 4, p. 481, 2013.

SILVA, Carolina Terra Resende; SANTOS, David Ferreira Lopes. Desempenho financeiro e valor de mercado do setor de telefonia no Brasil. Revista Ciências Administrativas, v. 21, n. 1, p. 42-67, 2015.

SILVEIRA, Alexandre Di Miceli da; BARROS, Lucas Ayres BC de; FAMÁ, Rubens. Atributos corporativos, qualidade da governança corporativa e valor das companhias abertas no Brasil. Revista Brasileira de Finanças, v. 4, n. 1, p. 1-30, 2006.

SILVEIRA, Alexandre Di Miceli; OKIMURA, Rodrigo Takashi; SOUSA, Almir Ferreira de. O valor econômico adicionado (EVA) possui maior relação com o retorno das ações do que o lucro líquido no Brasil. SEMEAD, v. 7, p. 1-15, 2004.

SILVEIRA, Alexandre; B DE C BARROS, Lucas Ayres; FAMÁ, Rubens. Atributos Corporativos, Qualidade da Governanc¸ a Corporativa e Valor das Companhias Abertas no Brasil. Revista Brasileira de Finanças, v. 4, n. 1, 2006.

SOUZA, Júlia et al. Aplicação da análise fatorial para identificação dos principais indicadores de desempenho econômico-financeiro em instituições financeiras bancárias. REVISTA CATARINENSE DA CIÊNCIA CONTÁBIL, v. 16, n. 47, 2017.

TEH, Chang Chuan; KAYO, Eduardo Kazuo; KIMURA, Herbert. Marcas, patentes e criação de valor. Revista de Administração Mackenzie, v. 9, n. 1, 2008.

UYEMURA, Dennis G.; KANTOR, Charles C.; PETTIT, Justin M. EVA® for banks: Value creation, risk management, and profitability measurement. Journal of applied corporate finance, v. 9, n. 2, p. 94-109, 1996.

VIEIRA, Luana Batista et al. Reflexo das operações de fusões e aquisições nos indicadores financeiros das empresas brasileiras de capital aberto. REGE-Revista de Gestão, 2017.

WOOLDRIDGE, J. M. Econometric Analysis of Cross Section and Panel Data. Cambridge, MA: MIT Press. 2002.

Downloads

Publicado

2017-12-04

Como Citar

LUCENA, R. M. de; SIBIN, B. H.; DA SILVA, C. E. S. F. DESEMPENHO ECONÔMICO-FINANCEIRO DO SETOR DE ALIMENTOS E BEBIDAS NO BRASIL NO PERÍODO DE 2011 a 2014. Revista Estudos e Pesquisas em Administração, [S. l.], v. 1, n. 1, p. 41–58, 2017. DOI: 10.30781/repad.v1i1.5797. Disponível em: https://periodicoscientificos.ufmt.br/ojs/index.php/repad/article/view/5797. Acesso em: 24 jun. 2024.