Análise da aplicação da ferramenta BSC na gestão pública em municípios de Mato Grosso sob a perspectiva dos gestores de planejamento

Autores

  • Beatriz Navarro Ferreira Universidade Federal de Mato Grosso
  • Vergilio Prado Sogabe Universidade Federal de Mato Grosso

DOI:

10.30781/repad.v5i1.11657

Resumo

O Balanced Scorecard (BSC) é uma das ferramentas mais utilizadas para medir o desempenho das organizações servindo de base para um sistema de medição e gestão estratégica, que tem sido implementada no setor público. No estado de Mato Grosso esse modelo passou a ser utilizado em 23 municípios a partir de uma iniciativa do Tribunal de Contas do Estado – TCE, por meio do Programa de Desenvolvimento Institucional Integrado – PDI. O objetivo geral do estudo foi descrever como a ferramenta BSC tem contribuído para o aprimoramento da gestão pública municipal. Os objetivos específicos foram a) identificar os fatores importantes na correta implementação da ferramenta BSC na literatura; b) identificar como a ferramenta está sendo aplicada nos municípios de MT; e c) descrever como a ferramenta é operacionalizada na percepção dos gestores do controle do planejamento municipal. A metodologia caracteriza-se como qualitativa básica, do tipo indutivo com caráter descritivo, por meio da aplicação de um questionário estruturado. Verificou-se como resultado principal o alinhamento do modelo de planejamento estratégico dos municípios com o modelo do BSC em suas respectivas dimensões. Por fim, constatou-se que na percepção dos respondentes a ferramenta foi implementada com êxito pelos municípios, favorecendo o aprimoramento da gestão pública municipal.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2021-04-30

Como Citar

NAVARRO FERREIRA, B.; PRADO SOGABE, V. Análise da aplicação da ferramenta BSC na gestão pública em municípios de Mato Grosso sob a perspectiva dos gestores de planejamento. Revista Estudos e Pesquisas em Administração, [S. l.], v. 5, n. 1, 2021. DOI: 10.30781/repad.v5i1.11657. Disponível em: https://periodicoscientificos.ufmt.br/ojs/index.php/repad/article/view/11657. Acesso em: 12 maio. 2021.