Ocupação socioestética, por uma poética da proximidade

Autores

  • Maria Thereza O. Azevedo elisarmoreira@gmail.com

Resumo

A proposta deste artigo é apresentar uma primeira definição do termo ocupação socioestética, conceito em processo de desenvolvimento a partir de experiências com intervenções urbanas de vários modos e formas realizadas na cidade de Cuiabá, desde 2009, com o Coletivo à deriva. O texto discute os autores Bourriaud, Cornago, Fernandes, Laddaga e Bishop, que abordam o tema da utopia da proximidade como um possível da arte contemporânea. Para a discussão do termo ocupação socioestética, são utilizados os relatos de duas experiências realizadas no Bairro Araés, na cidade de Cuiabá, que traduzem a proposta.

Palavras-chave: Ocupação socioestética, poética da proximidade, Coletivo à deriva.

Referências

ARDENNE, P. Un art contextuel. Paris: Flammarion, 2004.

AZEVEDO, Maria Thereza O. Passeio de sombrinhas: poéticas urbanas, subjetividades contemporâneas e modos de estar na cidade. Revista Magistro, Rio de Janeiro, v. 8, n. 2, p.138-146, 2013.

BISHOP, C. A virada social: colaboração e seus desgostos. Concinnitas, Rio de Janeiro, ano 9, v. 1, n. 12, jul. 2008.

BOAL, A. Teatro do oprimido e outras poéticas políticas. 7. ed. rev. ampl. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2005.

BOURRIAUD, Nicolas. Estética Relacional. Trad. Denise Bottmann. São Paulo: Martins Fontes, 2009.

BRASIL, A.; MIGLIORIN, C. A gestão da autoria: anotações sobre ética, política e estética das imagens amadoras. Ciber Legenda, Niterói, n. 22, p. 126-141, 2010.

CERTEAU, M. A invenção do cotidiano. Petrópolis: Vozes, 1998.

COCCHIARALE, F. A (outra) arte contemporânea brasileira: intervenções urbanas micropolíticas. Arte e ensaios, Rio de Janeiro, p. 67-71, 2004. Disponível em: https://www.ppgav.eba.ufrj.br/wp-content/uploads/2012/01/ae11_fernando_cocchiarale.pdf. Acesso em: 13 jun. 2019.

CORNAGO, Oscar. Teatralidade e Ética. Próximo Ato. São Paulo: Itaú Cultural, 2008.

COSTA, J. D.; MAGALHÃES, M. J. O. Cartografias da Subjetividade Contemporânea. ENCONTRO DA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE PSICOLOGIA SOCIAL - ABRAPSO, 16, Recife, 2011. Anais... Recife: Abrapso, 2011.

DEBORD, Guy. Teoria da deriva. Revista Internacional Situacionista, n. 2, dez. 1958. Tradução disponível em: https://teoriadoespacourbano.files.wordpress.com/2013/03/guy-debord-teoria-da-deriva.pdf. Acesso em: 13 jun. 2019.

FERNANDES, S. Teatralidades do Real. Subtexto Revista de Teatro do Galpão Cine Horto, Belo Horizonte, ano 6, n. 6, p. 37-50, dez. 2009.

FERNANDES, S. Teatro expandido em contexto brasileiro. Sala preta, São Paulo, v. 18, n. 1, p. 6-34, 2018.

GUATTARI, F.; ROLNIK, S. Micropolítica: cartografias do desejo. 2. ed. Petrópolis: Vozes, 1986.

LADDAGA, R. Estética da emergência. Trad. Marda Lopes. São Paulo: Martins Fontes, 2012.

LARROSA, J. Tremores escritos sobre a experiência. Belo Horizonte: Autêntica, 2017.

RANCIÈRE, J. A partilha do sensível. São Paulo: Editora 34, 2009.

Downloads

Publicado

2019-07-16

Como Citar

AZEVEDO, M. T. O. Ocupação socioestética, por uma poética da proximidade. Polifonia, [S. l.], v. 26, n. 42, p. 102–116, 2019. Disponível em: https://periodicoscientificos.ufmt.br/ojs/index.php/polifonia/article/view/8642. Acesso em: 12 jun. 2024.