APRENDIZAGEM COLABORATIVA DE LÍNGUAS ESTRANGEIRAS: FOCO EM INTERAÇÕES FACE A FACE E MEDIADAS PELO COMPUTADOR

Autores

  • Francisco José Quaresma de Figueiredo polifoniapa@gmail.com

Resumo

O objetivo deste artigo é apresentar alguns conceitos sobre aprendizagem colaborativa e seus efeitos na aprendizagem de uma língua estrangeira. Para tanto, serão apresentados os resultados de dois trabalhos. O primeiro focaliza sua investigação na interação ocorrida em sala de aula durante a realização de atividades de correção com os pares. O segundo, por sua vez, investiga as interações realizadas num ambiente de telecolaboração. Esses estudos reforçam a ideia de que a interação e a colaboração contribuem para a aprendizagem de uma língua estrangeira, visto que os aprendizes, por meio dessas interações, assumem um papel mais ativo no processo de aprendizagem de línguas.

Downloads

Publicado

2018-10-17

Como Citar

FIGUEIREDO, F. J. Q. de. APRENDIZAGEM COLABORATIVA DE LÍNGUAS ESTRANGEIRAS: FOCO EM INTERAÇÕES FACE A FACE E MEDIADAS PELO COMPUTADOR. Polifonia, [S. l.], v. 25, n. 39.1, p. 165–182, 2018. Disponível em: https://periodicoscientificos.ufmt.br/ojs/index.php/polifonia/article/view/7487. Acesso em: 13 jun. 2024.