O JOGO DOS SENTIDOS NO MITO DE ORIGEM DO POVO PARESI

Autores

  • Maria Luceli Faria Batistote

Resumo

O discurso mítico passa a existir a partir da historicidade que o constitui, e essa pode ser vista como resultado de processos discursivos, constituindo-se em uma prática social. Assim é analisado, na perspectiva da semiótica greimasiana, um Mito de Origem Paresi, buscando interpretar o suporte ideológico que dá sustentação às prá-ticas discursivas inscritas historicamente nessa mitologia. Constata-se na narrativa mítica um lugar de constituição de memória e de engendramentos de sentidos que revela uma relação historicamente consistente entre a etnia do branco e a do índio.

Downloads

Publicado

2009-10-01

Edição

Seção

Dossiê