E&S Engineering and Science https://periodicoscientificos.ufmt.br/ojs/index.php/eng <p>Revista ES Engineering and Science é um jornal de publicações eletrônicas vinculada ao departamento da Faculdade de Arquitetura, Engenharia e Tecnologia – FAET da Universidade Federal de Mato Grosso – UFMT, para a divulgação de trabalhos científicos em línguas portuguesa, inglesa e espanhola, nas áreas de engenharias, tendo periodicidade quadrimestral.</p> <p>Para maior visibilidade, a revista conta com DOI (Digital Object Identifier) que se situa catalogada no Crossref. Além disso, está inserida na base de dados Google Acadêmico, Sumários.org, DOAJ, Latindex, REDIB, e DIADORIM. Ademais, futuras indexações se encontram em processo de implementação com intuído de divulgar o conteúdo da revista, promovendo maior abrangência para os trabalhos nela publicados.</p> <p> </p> <p><strong>QUALIS 2013 - 2016:</strong> B5 Engenharia I / B5 Engenharia III / B5 Ciências Ambientais / B5 Ciências Agrárias I.</p> <p><strong>QUALIS 2017 - 2020</strong>: B2 Engenharia I / B2 Ciências Ambientais / / B2 Ciências Agrárias I / B2 Biotecnologia / B2 Biodiversidade / B2 Arquitetura Urbanismo e Design / B2 Administração Pública e de Empresas, Ciências Contábeis e Turismo.</p> <p><strong>ISSN: </strong>2358-5390</p> Universidade Federal de Mato Grosso pt-BR E&S Engineering and Science 2358-5390 <p>Todos os direitos autorais devem ser cedidos a Universidade Federal de Mato Grosso.</p> Análise de componentes principais em dados agrícolas de produção de soja https://periodicoscientificos.ufmt.br/ojs/index.php/eng/article/view/15788 <p>O agronegócio desempenha um papel fundamental na economia brasileira, contribuindo significativamente para o crescimento do país. Este artigo tem como objetivo realizar uma análise de dados do agronegócio utilizando a técnica de análise de componentes principais por meio da matriz de correlação, validando sua relevância para o setor e apresentar as possibilidades que o uso de técnicas estatísticas trás para a maximização de produção de soja na lavoura. As variáveis selecionadas para análise incluem: área, dose por hectare, quantidade consumo, área execução, dose real, valor, vazão, peso bruto, impureza e umidade, a técnica de análise de componentes principais foi aplicada para reduzir a dimensionalidade dos dados, identificar padrões subjacentes e investigar as relações entre as variáveis selecionadas. O critério de Kaiser foi utilizado para validar a adequação dos dados à análise de componentes principais, considerando os autovalores das variáveis para determinar o número de componentes principais significativos a serem retidos. Dessa forma, conclui-se que a análise de componentes principais além de ser uma ótima forma de economizar recursos computacionais minimizando o volume de variáveis a serem analisadas, também explica de forma satisfatória o comportamento dinâmico das informações, provando a relevância da técnica para compreensão das peculiaridades da produção de soja na agricultura e fornecer oportunidades valiosas para tomada de decisão estratégica.</p> Rafael Queiroz Fabiane Silva Kuang Hongyu Copyright (c) 2023 Rafael Queiroz, Fabiane Silva, Kuang Hongyu https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 2023-12-18 2023-12-18 12 3 1 9 10.18607/ES20231215788 Explorando padrões de expressão proteica em camundongos com síndrome de Down por meio de Análise Discriminante https://periodicoscientificos.ufmt.br/ojs/index.php/eng/article/view/15732 <p>A Síndrome de Down (SD) é a causa genética mais frequente de déficits de aprendizado e memória, e há um interesse crescente em tratamentos para essas deficiências cognitivas. O presente estudo tem como objetivo investigar a aplicabilidade da Análise Discriminante Canônica (ADC) na identificação das proteínas mais importantes para a diferenciação entre grupos de camundongos Ts65Dn, modelo genético da síndrome de Down, e grupos de controle, considerando fatores como genótipo, estímulo externo e tratamento com memantina. A ADC é uma técnica estatística multivariada que constrói funções discriminantes baseadas em variáveis preditoras de forma a proporcionar a melhor discriminação entre os grupos. Neste estudo, a ADC foi usada para identificar os padrões de expressão proteica que melhor discriminam entre grupos de camundongos. A ADC foi eficaz na discriminação de classes, identificando diferenças significativas entre camundongos estimulados e não estimulados a aprender. No entanto, não foi possível observar proteínas específicas associadas ao tratamento com memantina. As proteínas ITSN1, pERK e GSK3B destacaram-se na distinção entre camundongos com SD e selvagens, indicando seu potencial como marcadores para estudos futuros envolvendo as implicações cognitivas da SD</p> Ilias De Musis Kuang Hongyu Fabiane de Lima Silva Copyright (c) 2023 Ilias De Musis, Kuang Hongyu, Fabiane de Lima Silva https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 2023-12-18 2023-12-18 12 3 1 11 10.18607/ES20231215732 Ruído e espectro sonoro em unidade de terapia intensiva de um hospital na cidade de Sorocaba-SP https://periodicoscientificos.ufmt.br/ojs/index.php/eng/article/view/15251 <p>O ruído é um problema que afeta hospitais a nível mundial, isso pode provocar efeitos negativos para pacientes e funcionários. Embora as Unidades de Terapia Intensiva (UTI) sejam mais sensíveis e tenham sido amplamente estudadas, poucos trabalhos se aprofundaram em dados fundamentais, como a análise do espectro de frequência. Portanto, o objetivo deste trabalho foi avaliar o conforto acústico dentro da UTI de um hospital público no município de Sorocaba-Sp. Foram realizadas medições sonoras em triplicata, durante 15 minutos cada, em diferentes dias da semana e nos períodos diurno e noturno. Utilizaram-se os descritores acústicos LAeq, LAmin e LAmax em dB, e o espectro de frequência foi analisado com filtro de 1/3 de oitava. Os resultados mostraram que os níveis sonoros médios, tanto durante o dia quanto a noite, estavam acima do nível recomendados pela Organização Mundial da Saúde e pela NBR 10152, esses foram superiores a 50 e 80 dB na curva de ponderação A, pois é a que mais se adequa a faixa auditiva humana. Em relação ao espectro de frequência, constatou-se que a faixa entre 500 a 1000 Hz tem maior influência nos níveis sonoros dentro da UTI. Esses resultados podem ser objeto para auxiliar na tomada de decisão dos gestores quanto à implantação de programas e protocolos para redução de ruído em UTIs.</p> Erik de Lima Andrade Eligelcy Augusta de Lima Copyright (c) 2023 Erik de Lima Andrade, Eligelcy Augusta de Lima https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 2023-12-18 2023-12-18 12 3 1 8 10.18607/ES20231215251 Análise das Características Técnicas do Aeroporto General Leite de Castro https://periodicoscientificos.ufmt.br/ojs/index.php/eng/article/view/15072 <p>O presente artigo tem como intuito analisar as características atuais do aeroporto General Leite de Castro, tendo em vista os parâmetros analisados em estudos anteriores realizados pelo Laboratório de Transportes e Logística da UFSC (LabTrans). Para avaliação do Terminal de Passageiros e da Pista de Pouso e Decolagem foram necessárias visitas ao aeroporto, entrevistas, análises via Google Earth e consulta de materiais disponíveis na internet. Foi observado que o Terminal de Passageiros (TPS) passou a ter o nível de serviço superdimensionado para a maioria dos parâmetros estudados, quando comparado ao estudo anterior, o nível de serviço hoje encontra-se mais perto do ideal, o que traz mais conforto e maior satisfação para os passageiros que utilizam o aeroporto, além de garantir o atendimento da demanda com o crescimento do aeroporto. Já a pista de pouso e decolagem (PPD) não sofreu grandes mudanças, com uma pequena redução no seu comprimento e melhoria em sua sinalização, com instalação do sistema de ajuda visual à navegação aérea tipo PAPI (<em>Precision Approach Path Indicator</em>), sinalização vertical e marcações em tinta no asfalto. As dimensões da pista têm atendido a demanda atual, no entanto, restringe o pouso de aeronaves maiores e por consequência, o crescimento do aeroporto. É necessário que novos estudos sejam feitos para determinar a real necessidade de ampliação da pista e de que forma isso deve ser feito, além de uma verificação do grau de satisfação do passageiro com a situação.</p> Wallery Keppk Toledo Philippe Barbosa Silva Copyright (c) 2023 Wallery Keppk Toledo, Philippe Barbosa Silva https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 2023-12-18 2023-12-18 12 3 1 20 10.18607/ES20231215072 Tijolos de adobe de solo-cimento com adição de resíduo de serragem de madeira https://periodicoscientificos.ufmt.br/ojs/index.php/eng/article/view/16186 <p>A degradação e os impactos ambientais causados pela indústria da construção civil (ICC) são observados em todas as fases de seu processo produtivo. Nesse contexto, tem-se buscado alternativas para reduzir o consumo acelerado de recursos naturais, os danos ambientais, o alto consumo de energia na fabricação de materiais e os custos dos produtos finais, como o desenvolvimento de técnicas construtivas e materiais sustentáveis. Dentro desse contexto, destaca-se o reaproveitamento dos resíduos gerados pela própria indústria da construção civil, de agronegócio e outros setores. O resgaste da terra crua para produção de blocos de solo estabilizado é uma das possibilidades de reutilização desses materiais e desenvolvimento sustentável da ICC. Este estudo teve como objetivo verificar a viabilidade da incorporação de serragem de madeira em matriz de solo-cimento para a fabricação de tijolos de adobe, com enfoque em apresentar materiais de construção alternativos e de baixo impacto ambiental. Para isso, foram realizadas análises de resistência à compressão simples, capacidade de absorção de água e retração dos blocos para o período de cura de 7 dias. Os blocos fabricados com a adição de serragem de madeira apresentaram adequado desempenho no que se refere à retração.</p> Kamila Oliveira Barroso Fernanda Gabriela Cardoso Alves Novato Raul Ferreira Copyright (c) 2023 Kamila Oliveira Barroso, Fernanda Gabriela Cardoso Alves Novato, Raul Ferreira https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 2023-12-18 2023-12-18 12 3 1 13 10.18607/ES20231216186 Estudo e avaliação dos riscos em um laboratório de celulose e papel https://periodicoscientificos.ufmt.br/ojs/index.php/eng/article/view/15606 <p>A segurança no trabalho tem sido um tema de importância crescente no desempenho de funções de setores produtivos, visto que, compreender os riscos e demandas por segurança e saúde geram um ambiente de trabalho de qualidade. Entre as atividades desempenhadas por docentes e técnicos administrativos das instituições de ensino superior público, está a operação e coordenação de laboratórios de pesquisa. Este trabalho tem por objetivo elaborar diretrizes para implantação de um sistema de saúde e segurança do trabalho voltado para reativação e condução das atividades no laboratório de celulose e papel e biorrefinarias da faculdade de engenharia florestal da Universidade Federal do Mato Grosso/ Brasil. Para isto, utilizou-se da metodologia da análise preliminar de risco (APR) com objetivo principal de identificar e propor medidas para eliminar ou controlar os possíveis riscos existentes nesse ambiente de trabalho. De forma geral foram encontrados 76 riscos nas atividades desenvolvidas por um laboratório de celulose e papel, dos quais 50 são riscos químicos, 13 são físicos, cinco são ergonômicos, sete são como risco de acidente e um biológico.</p> Elaine Cristina Lengowski Eraldo Antonio Bonfatti Junior Daniel Ippolito Pelufo Copyright (c) 2023 Elaine Cristina Lengowski, Eraldo Antonio Bonfatti Junior, Daniel Ippolito Pelufo https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 2023-12-18 2023-12-18 12 3 1 27 10.18607/ES20231215606 Análise do desempenho lumínico e térmico de apartamentos studio nos cenários climáticos atual e futuro na cidade de São Paulo https://periodicoscientificos.ufmt.br/ojs/index.php/eng/article/view/15759 <p>O adensamento e verticalização urbana impactam em transformações no desempenho das edificações. O presente artigo tem como objetivo avaliar o desempenho térmico e lumínico de apartamentos do tipo <em>studio</em> face à estimativa do aumento de temperatura do RCP8.5 para a cidade de São Paulo/SP. Para isto, foi realizado um estudo de caso em um edifício com apartamentos <em>studio</em> construído recentemente. Por meio dos softwares <em>Grasshopper</em> e <em>EnergyPlus,</em> foram simulados quatro cenários: o primeiro com a condição existente edificada considerando o clima atual, um segundo hipotético na condição verticalizada com clima atual, um terceiro com a condição existente considerando clima futuro e um último na condição verticalizada com clima futuro. A avaliação do desempenho térmico e lumínico tem como critério os parâmetros das normas LM-83-12 e NBR15.575. Os resultados demonstram que, apesar da verticalização, a iluminância dos ambientes internos em todos os apartamentos atende à norma LM-83-12 e atinge o nível de desempenho superior da norma NBR15.575. Com relação ao desempenho térmico, o sombreamento do entorno imediato sobre a edificação diminui o tempo de exposição da envoltória à radiação solar direta, resultando em uma redução da temperatura máxima no interior da edificação de 2,6°C. Apesar disto, a redução da temperatura máxima não foi suficiente para o atendimento do nível de desempenho térmico mínimo exigido pela NBR15.575. Destaca-se ainda que o efeito mais significativo da mudança climática ocorre pela elevação das temperaturas mínimas do ar interno nos <em>studios</em> analisados, com aumento de até 7ºC nos casos simulados com arquivo climático futuro.</p> Bianca Milani de Quadros Shaiane Gomes Viana Samuel Bertrand Nazareth Pascual Ceriani Denise Helena Silva Duarte Copyright (c) 2023 Bianca Milani de Quadros, Shaiane Gomes Viana, Samuel Bertrand Nazareth, Pascual Ceriani, Denise Helena Silva Duarte https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 2023-12-18 2023-12-18 12 3 1 14 10.18607/ES20231215759 Geração de energia térmica por meio de fotobiorreator integrado em edifício comercial para aquecimento de água no clima subtropical úmido https://periodicoscientificos.ufmt.br/ojs/index.php/eng/article/view/15226 <p>Geração de energia por meio de fontes alternativas se apresenta como um desafio para o setor de construção civil. Fotobiorreatores de microalgas (FBRs) associados a fachada de edificações surgem como uma estratégia inovadora para geração de energia em prédios. Os FBRs podem produzir bioenergia a partir de biomassa. Nesse sentido, a temperatura desses sistemas é importante para a produção de biomassa. Os fotobiorreatores podem superaquecer e exigir resfriamento para sua operação. Técnicas são utilizadas para aproveitar calor excedente dos FBRs e utilizá-lo para as demandas da edificação. Assim, o presente estudo realizou um balanço de energia em um fotobiorreator associado a uma edificação sob clima Subtropical Úmido (Brasil) – na cidade de Belo Horizonte, Minas Gerais. Por meio da simulação termoenergético do prédio, foi obtido o perfil de temperatura anual do fotobiorreator. Os resultados indicaram que o fotobiorreator superaquece em relação à faixa de temperatura ideal para a produção de biomassa de microalgas. Uma proposta inicial para resfriar o FBR foi apresentada. A vazão volumétrica de 0,016 L s<sup>-1</sup> no FBR e a temperatura de entrada da cultura que entra pelo fotobiorreator variando de 20 a 24 °C poderiam resfriar o sistema. Os resultados aqui apresentados buscam oferecer uma alternativa inicial para o uso de fotobiorreatores em edificações em clima Subtropical Úmido. Além disso, o perfil de temperatura FBR anual obtido pode servir de base para trabalhos futuros.</p> Matheus de Andrade Duarte Raquel Diniz Oliveira Frederico Romagnoli Silveira Lima Copyright (c) 2023 Matheus de Andrade Duarte, Raquel Diniz Oliveira, Frederico Romagnoli Silveira Lima https://creativecommons.org/licenses/by/4.0 2023-12-18 2023-12-18 12 3 1 19 10.18607/ES20231215226