"É reconfortante ler minha dor escrita por outras mãos": uma etnografia de tel do fórum virtual de Glória Anzaldúa na primeira edição do Curso EAD Pensamento Lésbico Contemporâneo

Igor Leonardo de Santana Torres, Felipe Bruno Martins Fernandes

Resumo


O Grupo de Estudos Feministas em Política e Educação (GIRA) organizou, em 2017, uma formação semanal à distância, com duração de 05 meses, intitulada “Pensamento Lésbico Contemporâneo”. O curso propôs estudar 25 autoras lésbicas de diferentes partes do mundo. Neste artigo, analisaremos a recepção de Gloria Anzaldúa pelas cursistas a partir de suas publicações no fórum de discussão da autora no Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) Moodle da Universidade Federal da Bahia (UFBA).

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 O autor detém os direitos autorais do texto e pode republicá-lo desde que a REBEH seja devidamente mencionada e citada como local original de publicação.

URL da licença: https://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0/

Indexadores: