PESQUISA ETNOMATEMÁTICA: MÉTODOS E TÉCNICAS PARA UMA CONSTRUÇÃO SOCIOETNOCULTURALISTA

Edilberto F. Syryczyk

Resumo


Buscamos neste trabalho desenvolver um caminho metodológico que nos propiciasse uma compreensão maior sobre etnociência. De posse de tal conceito podemos apresentar ao leitor um caminho metodológico que inicia-se em 1900 com a tendência pedagógica formalista clássica, discutimos a partir daí a empírico-ativista, a formalista moderna, tecnicista, construtivista e etnoculturalista, na perspectiva de identificar o melhor caminho metodológico a ser trilhado em uma pesquisa Etnomatemática. Procedemos em seguida a construção do modelo de pesquisa apresentando os métodos de pesquisa mais usuais em estudos etno como o observacional, o fenomenológico, o etnográfico e o social-construtivista ou mesmo a pesquisa-ação ressaltando suas vantagens. Na sequência, apresentamos as principais técnicas de pesquisa para estudos etno como a observação Assistemática, Sistemática, a Participante e a não Participante. Propomos ao final um caminho metodológico que acreditamos ser o mais adequado para estudos desta natureza.

Palavras-chave


Tendências pedagógicas; Etnomatemática; Métodos de pesquisa; Técnicas de pesquisa; Construção metodológica.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.26571/2318-6674.a2013.v1.n1.p73-87.i5289

Apontamentos

  • Não há apontamentos.